Dia de Todos os Santos


O Dia de Todos os Santos (Festum omnium sanctorum, em latim) é celebrado pelos cristãos católicos no dia 1 de novembro e não é feriado no Brasil.

Nesse dia, todos os santos são lembrados, garantindo que aqueles que não têm uma data própria de festejo não sejam esquecidos. Assim, é destinado a todos os santos conhecidos ou não pela igreja e decorre há muito anos.

Dia de todos os santos

As igrejas ortodoxa, protestante e anglicana não tem uma data fixa para essa celebração. Para tanto, reservam o primeiro domingo depois do Pentecostes.

A umbanda, culto afro-brasileiro, também dedica o dia 1.º de novembro à mesma festividade.

Depois desse dia, segue-se a celebração do Dia de Finados, esse sim um feriado brasileiro. Em Portugal, acontece o contrário, o dia 1 de novembro é feriado.

Origem e história

Foi o Papa Bonifácio IV quem primeiro quis homenagear os santos. Para tanto, decidiu dedicar o Panteão Romano à Maria e aos mártires, o que aconteceu no dia 13 de maior de 609 ou 610.

Segundo a história, os celtas cultuavam os espíritos numa festa conhecida como Samhain, que era a passagem do ano dos celtas.

Assim, com o objetivo de transformar essa celebração pagã numa prática religiosa, o Papa Gregório III determinou a alteração do dia de homenagem aos santos para o primeiro dia do mês de novembro.

Você sabe o que o Dia de todos os santos e o Dia das bruxas têm em comum?

O Samhain era comemorado no dia 31 de outubro, dia em que segundo a crença, os mortos ressurgiam tomando conta dos corpos dos vivos.

Essa festa deu origem ao Dia das bruxas, ou Halloween, cujo nome resulta das palavras hallow, que significa "santo", e eve, que significa "véspera".

Samhain
Comemoração do Samhain

Comemorações em outros países

Os portugueses celebram o dia de todos os santos, também conhecido como o “pão por Deus”, com um dia divertido para as crianças. Geralmente em grupo e transportando um saquinho, elas vão de casa em casa, onde recebem pão, frutas, frutos secos ou doces.

O dia de todos os santos é bastante comemorado no Peru. Lá, além de visitar as campas dos entes queridos falecidos, os peruanos preparam pratos tradicionais para oferecer de forma simbólica aos mortos.

'Anjos', pãezinhos típicos da comemoração do Dia de Todos os Santos no Peru
"Anjos", pãezinhos típicos da comemoração do Dia de Todos os Santos no Peru

As crianças são vestidas com roupas de festa. Ao encontrar uma criança semelhante a uma falecida, essa família presenteia a tal criança com “anjos”. Os chamados "anjos" são pãezinhos típicos ou doce de batata doce que são decorados de forma bonita e cuidadosa.

Márcia Fernandes
Professora, pesquisadora, produtora e gestora de conteúdos on-line. Licenciada em Letras pela Universidade Católica de Santos.