Leptospirose

Lana Magalhães

A leptospirose é uma doença bacteriana grave que afeta seres humanos e animais.

Ela é causada por bactérias do gênero Leptospira, encontradas na urina de ratos, bovinos, caprinos e suínos.

Sintomas

Em alguns casos, a leptospirose pode ser assintomática, ou seja, não apresenta sintomas.

Os sintomas podem surgir entre 5 e 14 dias após a contaminação, são eles:

  • Febre
  • Dores de cabeça e no corpo
  • Mal-estar
  • Vômitos
  • Diarreia
  • Tosse
  • Calafrios

A leptospirose também pode avançar para formas mais graves. Nesse caso, os doentes podem desenvolver os seguintes sintomas: icterícia, sangramentos e disfunções renais.

Transmissão

Leptospirose e contaminação por chuvas
As enchentes aumentam as chances das pessoas contraírem leptospirose

A transmissão da leptospirose ocorre através do contato com urina de roedores.

O risco de contrair a doença aumenta, principalmente, na época de enchentes. Entretanto, a bactéria pode permanecer meses no ambiente.

Quando a urina de ratos é misturada à água da chuva, ela pode ser levada pelas enxurradas ou formar lamas.

Os humanos se infectam ao entrar em contato com a água ou lama contaminada. Ao penetrar por mucosas ou lesões na pele, a bactéria se espalha pela corrente sanguínea.

A bactéria causadora da doença também está presente na urina de animais como bois, porcos, cavalos, cabras e ovelhas.

Saiba mais sobre as Bactérias.

Tratamento

A leptospirose tem cura e o seu tratamento consiste em hidratação e uso de antibióticos.

Além disso, quanto antes o tratamento for iniciado, menores as chances da evolução para quadros mais graves da doença.

Os casos mais graves podem exigir internamento hospitalar, devido ao risco de insuficiência renal e respiratória.

Prevenção

A prevenção da leptospirose ocorre por ações individuais, coletivas e de gestão governamental.

Entre as medidas de prevenção estão:

  • Hábitos básicos de higiene
  • Evitar o contato com a água ou lama das chuvas
  • Medidas adequadas de saneamento básico: esgoto, drenagem da água da chuva e limpeza de galerias de águas pluviais
  • Controle de roedores
  • Lavar os alimentos que tiveram contato com a água das enchentes
  • Limpeza dos reservatórios de água
  • Melhorias nas habitações

A água sanitária é capaz de matar as bactérias causadoras da leptospirose e pode ser utilizada na limpeza de residências e reservatórios de água.

Conheça outras Doenças Causadas por Bactérias.

Lana Magalhães
Lana Magalhães
Licenciada em Ciências Biológicas (2010) e Mestre em Biotecnologia e Recursos Naturais pela Universidade do Estado do Amazonas/UEA (2015). Doutoranda em Biodiversidade e Biotecnologia pela UEA.