Adivinhas


As adivinhas ou adivinhações começam tradicionalmente com a pergunta "o que é, o que é...?". Elas fazem parte da literatura popular e das brincadeiras folclóricas.

Em sua estrutura é feita uma pergunta e, geralmente, as respostas são engraçadas e algumas até bem difíceis.

Assim, as adivinhas usam a lógica e diversos trocadilhos. Por esse motivo, são muito disseminadas entre as crianças.

O que é, o que é?

adivinhas

1. O que é, o que é? Feito para andar e não anda.

A rua.

2. O que é, o que é? Dá muitas voltas e não sai do lugar.

O relógio.

3. O que é, o que é? Tem cabeça e tem dente, não é bicho e nem é gente.

O alho.

4. O que é, o que é? Não se come, mas é bom para se comer.

O talher.

5. O que é, o que é? Uma impressora disse para a outra.

Essa folha é tua ou é impressão minha?

6. O que é, o que é? Quantos mais rugas têm mais novo é.

O pneu.

7. O que é, o que é? O 4 disse para o 40.

Passa a bola.

8. O que é, o que é? Nunca volta, embora nunca tenha ido.

O passado.

9. O que é, o que é? Anda com os pés na cabeça.

O piolho.

10. O que é, o que é? A esfera disse para o cubo.

Deixa de ser quadrado.

11. O que é, o que é? Quanto mais se tira mais se aumenta.

O buraco.

12. O que é, o que é? Fica cheio durante o dia vazio durante a noite.

O sapato.

13. O que é, o que é? Quanto mais cresce, mais baixo fica.

O rabo do cavalo.

14. O que é, o que é? Vários pontinhos amarelos na parede.

Fandangos alpinistas.

15. O que é, o que é? Mesmo atravessando o rio não se molha.

A ponte.

16. O que é, o que é? Há no meio do coração.

A letra “a”.

17. O que é, o que é? Se alimenta de léguas.

O papa-léguas.

18. O que é, o que é? Tem no meio do ovo.

A letra "v".

19. O que é, o que é? Está sempre no meio da rua e de pernas para o ar.

A letra "u".

20. O que é, o que é? O zero disse para o oito.

Que cinto maneiro!

21. O que é, o que é? Todo mês tem, menos abril.

A letra "o".

22. O que é, o que é? Fica no início da rua, no fim do mar e no meio da cara.

A letra "r".

23. O que é, o que é? O cavalo foi fazer no orelhão.

Passar um trote.

24. O que é, o que é? Tem cauda, mas não é cão; não tem asas, mas sabe voar. Se a largam, não sobe, e sai ao vento a brincar.

A pipa.

25. O que é, o que é? Pode passar diante so sol sem fazer sombra.

O vento.

26. O que é, o que é? O nadador faz para bater o recorde.

Nada.

27. O que é, o que é? O tomate foi fazer no banco.

Tirar extrato.

28. O que é, o que é? Tem 5 dedos, mas não tem unha.

A luva.

29. O que é, o que é? Anda com a barriga para trás.

A perna da gente.

30. O que é, o que é? Um tigre que se parece com um velho.

Quando é um tigre de bengala.

31. O que é, o que é? Tem mais de dez cabeças e não sabe pensar.

Uma caixa de fósforos.

32. O que é, o que é? Enche uma casa, mas não enche uma mão.

Um botão.

33. O que é, o que é? No monte se cria, no monte se corta e ninguém o deseja perto da sua porta.

O caixão.

34. O que é, o que é? O animal que não vale mais nada.

O javali.

35. O que é, o que é? Tem pescoço e não tem cabeça, tem braços e não tem mãos, tem corpo e não tem pernas.

A camisa.

36. O que é, o que é? Quanto maior menos se vê.

A escuridão.

37. O que é, o que é? Faz virar a cabeça de um homem.

O pescoço.

38. O que é, o que é? O bicho que anda com as patas.

O pato.

39. O que é, o que é? Entra na água e não se molha.

A sombra.

40. O que é, o que é? Tem pomar e no seu paletó.

Manga.

41. O que é, o que é? Não tem pé e corre, tem leito e não dorme, quando para morre.

O rio.

42. O que é, o que é? Mantém sempre o mesmo tamanho, não importa o peso.

A balança.

43. O que é, o que é? Nasce no Rio, vive no Rio e morre no Rio, mas não está sempre molhado.

O carioca.

44. O que é, o que é? Num instante se quebra quando se diz o nome dele.

O silêncio.

45. O que é, o que é? Cai de pé e corre deitado.

A chuva.

46. O que é, o que é? Subindo o sol vai se encurtando, descendo o sol vai se alongando.

A sombra.

47. O que é, o que é? Põe-se na mesa, parte-se, reparte-se, mas não se come.

O baralho.

48. O que é, o que é? Quando a gente fica em pé, ele fica deitado, e quando a gente deita, ele fica em pé.

O pé.

49. O que é, o que é? Tem coroa, mas não é rei; tem espinho, mas não é peixe.

O abacaxi.

50. O que é, o que é? Uma casinha sem porta e sem janela.

O ovo.

51. O que é, o que é? De dia tem quatro pés e de noite tem seis.

A cama.

52. O que é, o que é? Anda deitado e dorme em pé.

O pé.

53. O que é, o que é? Um fósforo disse a uma vela de aniversário.

É sempre por você que eu perco a cabeça.

54. O que é, o que é? O gafanhoto traz na frente e a pulga traz atrás.

A sílaba "ga".

55. O que é, o que é? Fica cheio de boca para baixo e vazio de boca para cima.

O chapéu.

56. O que é, o que é? Quanto mais se perde mais se tem.

O sono.

57. O que é, o que é? Nunca passa e sempre está na frente.

O futuro.

58. O que é, o que é? Tem dentes e não come.

O pente.

59. O que é, o que é? Uma lagarta disse à outra.

Hoje vou dar uma volta à maçã.

60. O que é, o que é? É grande antes de ser pequena.

A vela.

61. O que é, o que é? A andar deixa um rasto e parado deixa três.

O carro de mão.

62. O que é, o que é? A diferença entre a mulher e o leão.

A mulher passa batom e o leão ruge.

63. O que é, o que é? Passa a vida na janela e mesmo dentro de casa está fora dela.

O botão.

64. O que é, o que é? Tem um palmo de pescoço, tem barriga e não tem osso.

A garrafa.

65. O que é, o que é? Quebra quando se fala.

O segredo.

66. O que é, o que é? O vinho que não tem álcool.

O-vinho de codorna.

67. O que é o que é? Voa sem ter asas e chora sem ter olhos.

A nuvem.

68. O que é, o que é? Quatro pés em cima de quatro pés esperando quatro pés chegarem. Quatro pés não vieram, quatro pés foram embora, quatro pés ficaram.

O gato em cima da mesa esperando o rato chegar. O rato não veio, o gato foi embora e a mesa ficou.

69. O que é, o que é? É surdo e mudo, mas conta tudo.

O Livro.

70. O que é, o que é? Sobe quando a chuva desce.

O guarda-chuva.

71. O que é, o que é? A diferença entre o gato e a Coca-Cola?

O gato mia, a Coca-cola light.

72. O que é, o que é? A piada do fotógrafo.

Ninguém sabe, porque ela ainda não foi revelada.

73. O que é, o que é? Pode ser de ferro, de gelo, de chocolate ou de água.

A barra.

74. O que é, o que é? Um pontinho verde brilhando na cama de um hospital.

Uma ervilha dando à luz.

75. O que é, o que é? Corre a casa inteira e depois vai dormir num canto.

A vassoura.

76. O que é, o que é? Tem pernas, mas não anda; tem braços, mas não abraça.

A cadeira.

77. O que é, o que é? Morre em pé.

A vela.

78. O que é, o que é? Está no final do fim, no início do meio e no meio do começo.

A letra m.

79. O que é, o que é? Caminha sem pés, voa sem asas e pousa onde quiser.

O pensamento.

80. O que é, o que é? Quando se escreve com "o" costuma matar, quando se escreve com "a" costuma amarrar.

Tiro/tira.

81. O que é, o que é? Céu que não possui estrelas.

O céu da boca.

82. O que é, o que é? Nasce branco, fica verde, depois fica vermelho e acaba preto.

O café.

83. O que é, o que é? Tem uma perna longa, uma curta e anda sem parar.

O relógio.

84. O que é, o que é? Quanto mais se tira mais se tem.

Fotografias.

85. O que é, o que é? Aquilo que a foca mais gosta.

Fofoca.

86. O que é, o que é? Tem chapéu, mas não tem cabeça; tem boca, mas não fala; tem asa, mas não voa.

O bule.

87. O que é, o que é? Tem debaixo de um tapete no hospício.

Um doido varrido.

88. O que é, o que é? O animal mais antigo do mundo.

A zebra. Ela ainda é a preto e branco.

89. O que é, o que é? É verde e não é planta, fala e não é gente.

Papagaio.

90. O que é, o que é? Corre em volta do pasto inteiro sem se mexer.

A cerca.

91. O que é, o que é? O lugar mais certo do Brasil.

O Sertão.

92. O que é, o que é? Não tem olhos, mas pisca; não tem boca, mas comanda.

O semáforo.

93. O que é, o que é? A banana disse para o tomate.

Eu que tiro a roupa e você que fica vermelha?

94. O que é, o que é? A areia disse para o mar.

Deixa de onda.

95. O que é, o que é? O chão falou pra mesa.

Fecha as pernas que eu estou vendo tudo.

96. O que é, o que é? A zebra disse para a mosca.

Você está na minha lista negra.

97. O que é, o que é? É nome de mulher e também de homem. Ia, mas acabou não indo.

Isaías (Isa-ias)

98. O que é, o que é? É meu, mas meus amigos usam mais do que eu.

O meu nome.

99. O que é, o que é? A fechadura disse para a chave.

Vamos dar uma voltinha.

100. O que é, o que é? O rei da horta.

O rei-polho.

101. O que é, o que é? O pé mais rápido.

O pé de vento.

102. O que é, o que é? à direita sou um homem, facilmente acharás. Às avessas só à noite e nem sempre encontrarás.

Raul e luar.

103. O que é, o que é? Trabalha tempo dobrado, sempre de noite e de dia. Se teima em ficar parado, só com uma corda andaria.

O relógio.

104. O que é, o que é? De dia fica no céu e à noite fica na água.

A dentadura.

105. O que é, o que é? Dá um pulo e se veste de noiva.

Pipoca.

106. O que é, o que é? Uma minhoca com sono.

Uma dorminhoca.

107. O que é, o que é? Destrói tudo com três letras.

O fim.

108. O que é, o que é? Um pontinho verde no canto da sala de aula.

Uma ervilha de castigo.

109. O que é, o que é? Nasce grande e morre pequeno.

O lápis.

110. O que é, o que é? O pato disse para o outro pato durante o jogo.

Estamos empatados.

111. O que é, o que é? Na televisão, cobre um país; no futebol, atrai a bola; em casa, incentiva o lazer.

A rede.

112. O que é, o que é? Detestamos na praia, mas adoramos na panela.

Caldo.

113. O que é, o que é? Tem asa, tem bico e fica embaixo da cama.

O bule. Não é o penico! O bule é meu e eu coloco onde quiser.

114. O que é, o que é? O lugar que todos podem se sentar, menos você.

O seu colo.

115. O que é, o que é? Eles são dois vizinhos, mas um não vai à casa do outro e os dois não se veem por causa de um morrinho.

Os olhos.

116. O que é, o que é? Pesa mais no mundo.

A balança.

117. O que é, o que é? É do tamanho de uma bolota, mas enche a casa até a porta.

A luz.

118. O que é, o que é? É irmã da minha tia e não é minha tia.

Minha mãe.

119. O que é, o que é? Todas as mães têm. Sem ele não tem pão. Some no inverno e aparece no verão.

O til (~).

120. O que é, o que é? Nós matamos quando está nos matando.

A fome.

121. O que é, o que é? Tem coroa, mas não é rei; tem raiz, mas não é planta.

O dente.

Você Sabia?

Em alguns lugares do Brasil, as adivinhas são chamadas de “charadas” ou “o que é, o que é?”. Em Portugal, elas geralmente começam por "Qual é coisa, qual é ela", por exemplo:

Qual é coisa, qual é ela? No alto está, no alto mora, chama gente para dentro e ela fica de fora?

O sino.

Vale notar que, além das adivinhas fazem parte da literatura popular:

Leia também:

Daniela Diana
Licenciada em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) em 2008 e Bacharelada em Produção Cultural pela Universidade Federal Fluminense (UFF) em 2014. Amante das letras, artes e culturas, desde 2012 trabalha com produção e gestão de conteúdos on-line.