Exercícios de morfologia

Márcia Fernandes
Márcia Fernandes
Professora licenciada em Letras

Teste seus conhecimentos sobre morfologia com exercícios inéditos. No fim de cada um deles, verifique as respostas comentadas.

Questão 1

Qual das alternativas preenche corretamente os espaços do texto abaixo.

Não sabia o que fazer para ocupar _____ tempo livre. Pensei em ler _____ livros, mas _____ que queria não estavam disponíveis na biblioteca. Então, decidi que iria fazer _____ pizza para _____ jantar, e pedi a receita da minha mãe. Ficou fantástica! Não era _____ pizza, era _____ pizza!

a) um, os, uns, a, um, uma, uma
b) o, uns, os, uma, o, uma, a
c) o, os, uns, uma, o, uma, a
d) um, os, os, a, o, uma, a
e) o, os, os, uma, o, uma, a

Alternativa certa: b) o, uns, os, uma, o, uma, a.

Os artigos definidos são usados para definir coisas de forma precisa ou para valorizar algo. Os artigos indefinidos, por sua vez, apresentam as coisas de forma vaga ou genérica. Assim, temos:

O tempo livre - artigo definido - porque não era um tempo qualquer, mas sim o tempo que eu tinha livre.
Uns livros - artigo indefinido - porque pensei em ler, mas não sabia exatamente quantos ou quais livros.
Os (livros) que eu queria - artigo definido - porque havia uma seleção de livros que eu gostaria de ler.
Uma pizza - artigo indefinido - porque tem sentido genérico.
O jantar - artigo definido - porque não era um jantar qualquer, mas sim o meu jantar naquele dia.
Uma pizza - artigo indefinido - porque tem sentido genérico.
A pizza - artigo definido - porque não era uma pizza qualquer, mas uma pizza que tinha ficado muito boa. Neste caso, o artigo tem valor qualificativo.

Questão 2

Indique as alternativas verdadeiras e falsas.

a) O verbo colorir é defectivo, porque não tem conjugação completa.
b) Há verbos que têm duplo particípio. Exemplos: salvado - salvo, imprimido - impresso, entregado - entregue.
c) Os verbos são palavras que indicam apenas ações.
d) Quanto a sua classificação, os verbos podem ser classificados em: indicativo, subjuntivo e imperativo.
e) Amar, comer e partir são exemplos de verbos irregulares.

As alternativas verdadeiras são:

a) O verbo colorir é defectivo, porque não tem conjugação completa.
O verbo colorir não é conjugado na 1.ª pessoa do singular do presente do indicativo: (eu) ---, (tu) colores, (ele) colore, (nós) colorimos, (vós) coloris, (eles) colorem.
Como ele não é conjugado em todas as pessoas, tempos e modos, é classificado como um verbo defectivo.

b) Há verbos que têm duplo particípio. Exemplos: salvado - salvo, imprimido - impresso, entregado - entregue.
Há verbos que apresentam duas formas de particípio - particípio regular e particípio regular. Neste caso, os particípios são:
regulares - salvado, imprimido e entregado.
irregulares - salvo, impresso e entregue.

As alternativas falsas são:

c) Os verbos são palavras que indicam apenas ações.
Além de ação, os verbos podem indicar estado, fenômeno da natureza, desejo e ocorrência.

d) Quanto a sua classificação, os verbos podem ser classificados em: indicativo, subjuntivo e imperativo.
Os verbos podem ser classificados em regulares, irregulares, defectivos ou abundantes. Essa classificação está relacionada com as flexões verbais, ou seja, com a sua conjugação.
Indicativo, subjuntivo e imperativo são modos verbais, ou seja, as maneiras como os verbos expressam certezas, possibilidades ou ordens.

e) Amar, vender e partir são exemplos de verbos irregulares.
Esses são verbos regulares, porque eles não sofrem alterações no seu radical quando são conjugados.

Presente do indicativo (radical: am-, vend-, part-):

  • amo, amas, ama, amamos,amais, amam.
  • vendo, vendeste, vende, vendemos, vendeis, vendem.
  • parto, partes, parte, partimos, partis, partem.

Questão 3

Qual das alternativas contém apenas substantivos compostos?

a) lobisomem, ex-namorado, micro-ondas
b) pernilongo, aguardente, país
c) autorretrato, beija-flor, chave
d) celular, pandemia, amigos
e) porta-chave, salário-família, beleza

Alternativa certa: a) lobisomem, ex-namorado, micro-ondas.

Os substantivos compostos são formados por mais de uma palavra ou radical. Assim:
lobisomem (lobo + homem), ex-namorado (ex + namorado), micro-ondas (micro + ondas).

Questão 4

Classifique os adjetivos abaixo de acordo com o grau.

a) Esta app é mais útil do que aquela.
b) O seu bolo é saborosíssimo.
c) O seu bolo é o mais saboroso que já comi.
d) Minha vizinha atual é tão antipática como a antiga.
e) Aquela música é muito relaxante.

a) Esta app é mais útil do que aquela.
Grau comparativo de superioridade

b) O seu bolo é saborosíssimo.
Grau superlativo absoluto sintético

c) O seu bolo é o mais saboroso que já comi.
Grau superlativo relativo

d) Minha vizinha atual é tão antipática como a antiga.
Grau comparativo de igualdade

e) Aquela música é muito relaxante.
Grau superlativo absoluto analítico

Questão 5

Classifique cada uma das palavras da frase abaixo de acordo com a sua classe.

Era lindo ver aquele cardume em um mar tão azul.

era - verbo, porque indica um estado.
lindo - adjetivo, porque atribui uma característica.
ver - verbo, porque indica uma ação.
aquele - pronome demonstrativo, porque indica uma posição.
cardume - substantivo coletivo, porque se refere a um conjunto de peixes.
em - preposição, porque liga dois elementos da oração.
um - artigo indefinido, porque apresenta algo de forma genérica.
tão - advérbio, porque modifica o adjetivo dando a ele mais intensidade.
azul - adjetivo, porque atribui uma característica.

Questão 6

Indique a alternativa que indica corretamente os tempos verbais de: sairíamos, dançávamos, correriam.

a) futuro do presente, pretérito perfeito, futuro do pretérito
b) futuro do pretérito, pretérito imperfeito, futuro do pretérito
c) pretérito perfeito, presente, futuro do pretérito
d) pretérito imperfeito, futuro do pretérito, futuro do pretérito
e) pretérito mais-que-perfeito, futuro do pretérito, futuro do presente

Alternativa certa: b) futuro do pretérito, pretérito imperfeito, futuro do pretérito.

Sairíamos - futuro do pretérito, pois se refere a algo que poderia ter acontecido depois de uma situação passada, por exemplo: Sairíamos se ele não tivesse chegado.

Dançávamos - pretérito imperfeito do indicativo, pois se refere a um fato que acontecia no passado, por exemplo: Eu e o teu avô dançávamos muito na nossa juventude.

Correriam - futuro do pretérito, pois se refere a algo que poderia ter acontecido depois de uma situação passada, por exemplo: Correriam se tivessem trazido tênis.

Questão 7

Corrija o plural dos substantivos nas frases abaixo, quando necessário.

a) Os principais álcools são o etanol, o glicerol e o metanol.
b) Os cônsules daquele país foram convocados para uma reunião de urgência.
c) Naquela clínica trabalham os melhores cirurgiões-dentistas do estado.
d) Era muito difícil encontrar alguém debaixo daqueles chapéis-de-sol.
e) Somente aquela fábrica produz mels tão puros.

a) Os principais álcools são o etanol, o glicerol e o metanol.
Correção: Os principais ÁLCOOIS são o etanol, o glicerol e o metanol.
(as palavras terminadas em -ol fazem plural substituindo o -l por -is)

d) Era muito difícil encontrar alguém debaixo daqueles chapéis-de-sol.
Correção: Era muito difícil encontrar alguém debaixo daqueles CHAPÉUS-DE-SOL.
(as palavras terminadas em ditongo fazem plural com o acréscimo do -s)

e) Somente aquela fábrica produz mels tão puros.
Correção: Somente aquela fábrica produz MÉIS (ou meles) tão puros.
(as palavras terminadas em -el fazem plural substituindo o -l por -is, mas há exceção para "mel", que também pode fazer plural "meles")

As restantes frases estão corretas:

b) Os cônsules daquele país foram convocados para uma reunião de urgência.
(as palavras terminadas em -ul fazem plural substituindo o -l por -is, mas há exceção para "cônsul", que faz plural "cônsules")

c) Naquela clínica trabalham os melhores cirurgiões-dentistas do estado.
(na maior parte das vezes, nas palavras formadas por dois substantivos os dois vão para o plural)

Questão 8

Capixaba, paroara e fluminense são respectivamente os adjetivos pátrios de:

a) Rio Grande do Norte, Paraíba e Rio de Janeiro (capital)
b) Chipre, Papua Nova Guiné e Filipinas
c) Vitória, Pará e Rio de Janeiro (estado)
d) Natal, Paraíba e Rio de Janeiro (capital)
e) Espírito Santo, Pará e Rio de Janeiro (estado)

Alternativa certa: e) Espírito Santo, Pará e Rio de Janeiro (estado).

Questão 9

Identifique os pronomes na seguinte frase: Amigo, algum livro da minha coleção está contigo?

algum - pronome indefinido, porque acompanha o substantivo "livro" de maneira vaga.
minha - pronome possessivo, porque acompanha o substantivo "coleção" transmitindo a ideia de posse.
contigo - pronome pessoal do caso oblíquo, porque complementa o verbo "está".

As restantes palavras dessa frase são:

amigo - substantivo, porque dá nome a um ser.
livro - substantivo, porque dá nome a um ser.
da - (preposição de + artigo a) preposição, porque liga dois elementos da oração; artigo, porque define algo.
coleção - substantivo, porque dá nome a um ser.
está - verbo, porque indica um estado.

Questão 10

Indique as frases em que os pronomes demonstrativos foram usados incorretamente e corrija-as.

a) Esse filme que assistimos ontem não lembra aquela época da nossa infância?
b) Não gosto muito dessa blusa que vesti hoje.
c) Não gosto deste vestido que aquela mulher está usando.
d) Que dia é este que não passa?
e) Adorei este feriado ontem.

b) Não gosto muito dessa blusa que vesti hoje.
Correção: Não gosto muito DESTA blusa que vesti hoje.
(o pronome esta/desta deve ser usado quando está próximo da pessoa que fala)

c) Não gosto deste vestido que aquela mulher está usando.
Correção: Não gosto DESSE vestido que aquela mulher está usando.
(o pronome essa/dessa deve ser usado quando está distante da pessoa que fala)

e) Adorei este feriado ontem.
Correção: Adorei ESSE feriado ontem.
(o pronome esse deve ser usado quando se refere a algo que aconteceu recentemente; neste caso, ontem)

As restantes frases estão corretas:

a) Esse filme que assistimos ontem não lembra aquela época da nossa infância?
(o pronome esse deve ser usado quando se refere a algo que aconteceu recentemente; neste caso, ontem)

d) Que dia é este que não passa?
(o pronome este deve ser usado quando se refere ao presente)

Questão 11

Identifique as preposições nas frases abaixo.

a) A minha escola vai trazer um escritor para uma sessão de autógrafos.
b) Que tal irmos mais logo à escola para a sessão de autógrafos?
c) Estamos te esperando desde as 10h.
d) Você vai à escola? Se for, chame a Ana.
e) Prefiro frutos vermelhos a laranjas. As laranjas me fazem mal.

a) A minha escola vai trazer um escritor para uma sessão de autógrafos.
b) Que tal irmos mais logo à escola para a sessão de autógrafos?
c) Estamos te esperando desde as 10h.
d) Você vai à escola? Se for, chame a Ana.
e) Prefiro frutos vermelhos a laranjas. As laranjas me fazem mal.

Nessas frases, nem todas as letras "a" são preposição.

Na frase a), "a minha escola" é artigo definido, porque define a escola de forma precisa. Enquanto nas frases b) "que tal irmos à escola" e d) "você vai à escola", a preposição está ligando dois termos - o verbo ir e o substantivo escola.

Na frase c) "as 10h" também e artigo definido, porque define a hora de forma precisa.

Quanto à frase e), "as laranjas" é artigo definido, porque define as frutas que me fazem mal de forma precisa, ou seja, as laranjas. Enquanto "prefiro frutos vermelhos a laranjas", a preposição está sinalizando a preferência entre dois termos - de frutos vermelhos em relação à laranja.

Questão 12

Indique a alternativa em que os números ordinais 200.º, 70.º e 50.º estão escritos por extenso de forma correta.

a) duodécimo, sexagésimo, quinquagésimo
b) dois centésimos, setingentésimo, quindécimo
c) vigésimo, setuagésimo, quingentésimo
d) ducentésimo, sexagésimo, quindécimo
e) ducentésimo, septuagésimo ou setuagésimo, quinquagésimo

Alternativa certa: e) ducentésimo, septuagésimo ou setuagésimo, quinquagésimo.

Questão 13

As preposições podem estabelecer diversas relações, como lugar, modo, tempo, destino, causa, instrumento, finalidade. Indique a relação das preposições nas frases abaixo.

a) Crianças, andem em fila.
b) Nas férias, estivemos em lugares fantásticos.
c) Vamos para casa?
d) Vivo aqui desde criança.
e) É melhor cortar com a tesoura de ponta.

a) Crianças, andem em fila. (modo)
b) Nas férias, estivemos em lugares fantásticos. (lugar)
c) Vamos para casa? (destino)
d) Vivo aqui desde criança. (tempo)
e) É melhor cortar com a tesoura de ponta. (instrumento)

Questão 14

Em “As viagens estão caras, portanto não podemos viajar nas férias.”, a conjunção em negrito expressa a ideia de:

a) conclusão
b) explicação
c) tempo
d) consequência
e) conformidade

Alternativa certa: a) conclusão.

Este é um exemplo de conjunção coordenativa conclusiva, porque exprime a ideia de conclusão.

A conjunção "portanto" está ligando duas orações independentes, ou seja, que não dependem uma da outra. Essas orações são chamadas de orações coordenadas.

A primeira oração é: As viagens estão caras.
A segunda oração é: não podemos viajar nas férias.

Questão 15

Indique as circunstâncias expressas pelos advérbios destacados nas frases abaixo.

a) Vá para casa.
b) Vá depressa para casa.
c) Não demore muito para ir para casa.
d) Não saia de casa.
e) Talvez saia de casa.

a) Vá para casa. (tempo)
b) Vá depressa para casa. (modo)
c) Não demore muito para ir para casa. (intensidade)
d) Não saia de casa. (negação)
e) Talvez saia de casa. (dúvida)

Questão 16

Quais das alternativas abaixo a conjunção não exprime a ideia de soma?

a) João não só foi ao jantar, mas também ao espetáculo da namorada.
b) Se bem que preferisse o jantar, João foi ao espetáculo da namorada.
c) João não foi ao jantar nem ao espetáculo da namorada.
d) João foi ao jantar, bem como ao espetáculo da namorada.
e) João não foi ao jantar, mas foi ao espetáculo da namorada.

As alternativas cujas conjunções não exprimem a ideia de soma são b) e e):

b) Se bem que preferisse o jantar, João foi ao espetáculo da namorada.
Este é um exemplo de conjunção subordinada concessiva, porque exprime uma ideia contrária à da oração principal.

A conjunção "se bem que" está ligando duas orações dependentes, ou seja, que dependem uma da outra para fazer sentido. Essa orações são chamadas de orações subordinadas.

A oração principal é: João foi ao espetáculo da namorada.
A oração dependente: Se bem que preferisse o jantar.

e) João não foi ao jantar, mas foi ao espetáculo da namorada.
Este é um exemplo de conjunção coordenativa adversativa, porque exprime oposição.

A conjunção "mas" está ligando duas orações independentes, ou seja, que não dependem uma da outra. Essa orações são chamadas de orações coordenadas.

A primeira oração é: João não foi ao jantar.
A segunda oração é: foi ao espetáculo da namorada.

Questão 17

Substitua as palavras em negrito por uma interjeição.

a) Já pedi silêncio. Estamos na biblioteca.
b) Vamos comemorar. Nós vencemos!
c) Meu desejo é que tudo dê certo.
d) Não acredito. Isto é muito caro.
e) Finalmente terminei isto.

a) Já pedi silêncio. Estamos na biblioteca.
Psiu! (ou Shh! Silêncio!) Estamos na biblioteca.

b) Vamos comemorar. Nós vencemos!
Viva! (ou Uhu!) Nós vencemos!

c) Meu desejo é que tudo dê certo.
Oxalá tudo dê certo.

d) Não acredito. Isto é muito caro. Nossa! Puxa! Quê!
Nossa! (ou Puxa! Quê!) Isto é muito caro.

e) Finalmente terminei isto.
Ufa! (ou Puxa!) Terminei isto.

Questão 18

Indique a opção que contém artigo, interjeição, preposição e conjunção, respectivamente.

a) umas, xô! em, nem
b) psiu! o, em, para
c) umas, xô! nem, em
d) psiu! ó! com, e
e) ó! xô! de, mas

Alternativa certa: a) umas, xô! em, nem.

Questão 19

Indique a alternativa em que a palavra meio é advérbio.

a) A receita diz para colocar meio copo de água.
b) Este é o meio mais fácil para convencê-lo.
c) Os fins justificam os meios?
d) Estava meio cansado para ir correr.
e) Comeu meio pãozinho e saiu.

Alternativa certa: d) Estava meio cansado para ir correr.
Meio é um advérbio, porque modifica o adjetivo "cansado", uma vez que está indicando a intensidade desse cansaço.

Quanto às alternativas restantes:

a) A receita diz para colocar meio copo de água.
(neste caso, meio é numeral fracionário, porque está indicando uma parte de algo)

b) Este é o meio mais fácil para convencê-lo.
(neste caso, meio é substantivo, porque está nomeando algo)

c) Os fins justificam os meios?
(neste caso, meios é substantivo, porque está nomeando algo)

e) Comeu meio pãozinho e saiu.
(neste caso, meio é numeral fracionário, porque está indicando uma parte de algo)

Questão 20

Indique a alternativa em que o número 232 757 foi escrito por extenso de forma correta.

a) duzentos mil e trinta e dois setecentos, cinquenta e sete
b) duzentos e trinta e dois mil, setecentos e cinquenta e sete
c) duzentos e trinta e dois mil setecentos e cinquenta e sete
d) duzentos e trinta e dois mil e setecentos e cinquenta e sete
e) duzentos mil e trinta e dois setecentos e cinquenta e sete

Alternativa certa: c) duzentos e trinta e dois mil setecentos e cinquenta e sete.

Para escrever números por extenso, não se usa:

vírgula - por isso, b) duzentos e trinta e dois mil, setecentos e cinquenta e sete está errada.

letra "e" entre milhares e centenas (a não ser que o número termine em centenas) - por isso, d) duzentos e trinta e dois mil e setecentos e cinquenta e sete está errada.

Veja também:

Atualizado em
Márcia Fernandes
Márcia Fernandes
Professora, pesquisadora, produtora e gestora de conteúdos on-line. Licenciada em Letras pela Universidade Católica de Santos.