Bases Nitrogenadas

Carolina Batista
Carolina Batista
Professora de Química

Bases Nitrogenadas são compostos que fazem parte da composição do DNA e do RNA, os quais são os ácidos nucleicos encontrados nas células vivas dos órgãos.

Elas são cinco e podem ser classificadas em dois tipos:

  • Bases púricas ou purinas - adenina e guanina
  • Bases pirimídicas ou pirimidinas - citosina, timina e uracila.

Bases Nitrogenadas do DNA

O DNA é um conjunto de nucleotídeos. Cada nucleotídeo apresenta um grupo fosfato, um açúcar de cinco carbonos (pentose) e é composto pelas seguintes bases:

  • Adenina (A) e guanina (G), que são bases púricas.
  • Citosina (C) e timina (T), que são bases pirimídicas.

James Watson e Francis Crick apresentaram um modelo conhecido como dupla hélice para a estrutura do DNA, em 1953, com base nos estudos cromatográficos das bases nitrogenadas realizados por Erwin Chargaff e nas imagens da estrutura do DNA por difração de raios X obtidas por Rosalind Franklin.

Segundo eles, uma base púrica se juntava a uma base pirimídica e as bases se apresentavam lado a lado, da seguinte forma: A - T e C - G.

Esse emparelhamento era representado em duas espécies de fitas, as quais são unidas pelas bases nitrogenadas através de pontes de hidrogênio.

As fitas estariam girando em sentido de espiral e se combinariam. Assim, se uma fita apresentar a sequência AATGCTCC, a outra apresentará essa sequência: TTACGAGG.

Isso acontece porque as quantidades de adenina e timina são as mesmas, tal como a guanina e a citosina. Daí decorre que se sabemos a quantidade de um dos pares, conhecemos a quantidade do outro par também.

Bases Nitrogenadas
Emparelhamento das bases nitrogenadas: de DNA, em duas fitas, e de RNA, em uma fita

Note que a principal diferença entre os tipos de bases está na estrutura. As bases pirimídicas apresentam apenas um anel, enquanto as bases púricas apresentam dois.

Leia também sobre Nucleotídeos.

Bases Nitrogenadas do RNA

O RNA é composto pelas seguintes bases:

  • Adenina (A) e guanina (G), que são bases púricas.
  • Citosina (C) e uracila (U), que são bases pirimídicas.

Repare que a composição é semelhante a do DNA. A diferença é que no lugar da timina, no RNA tem-se a uracila.

A adenina se emparelha com a uracila: A - U. A citosina, por sua vez, se emparelha com a guanina: C - G. Mas, ao contrário do DNA, o RNA é apresentado em apenas uma fita.

Continue sua pesquisa, leia também:

Atualizado em
Carolina Batista
Carolina Batista
Técnica em Química pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (2011) e Bacharelada em Química Tecnológica e Industrial pela Universidade Federal de Alagoas (2018).