Embaixo ou Em Baixo?

Daniela Diana
Escrito por Daniela Diana
Professora licenciada em Letras

Os termos “embaixo”, escrito junto, e “em baixo”, escrito separado, são duas palavras que possuem o mesmo som, porém grafias diferentes. Além disso, são utilizadas em situações distintas.

Ambas causam muita confusão quando temos que escrever uma redação. Portanto, aprenda de uma vez por todas a usá-las corretamente conferindo abaixo seus significados, regras, usos e exemplos.

Embaixo

A palavra "embaixo", escrito junto, é um advérbio de lugar que significa que algo está numa posição inferior em relação a outra coisa.

Ela é sinônimo de abaixo, debaixo, sob, por baixo e antônimo de em cima, acima e sobre.

Além disso, é comum esse termo vir acompanhado de uma preposição, formado assim, uma locução adverbial, por exemplo: embaixo de.

Exemplos:

Eu deixei a bolsa embaixo da escada.
Os livros estão embaixo da escrivaninha.
Durante a brincadeira, as crianças se esconderam embaixo da mesa.
Vá até em casa e pegue as chaves que deixei embaixo do tapete.
Passei o dia todo embaixo dos cobertores.

Obs: uma maneira de saber se está utilizando o termo correto, é trocar na frase pelo seu antônimo. Exemplo: Os livros estão em cima da mesa.

Em Baixo

Quando escrito de forma separada o termo “em baixo” desempenha a função de adjetivo na sentença. Ou seja, nesse caso, ele qualifica um substantivo:

Exemplos:

Durante a aula falem com a voz em baixo tom.
A pintura do artista é em baixo relevo.
Nesse trecho é melhor dirigir em baixa velocidade.
Nessa opção a câmera fica em baixo contraste.
Na entrevista a conversa foi em baixo calão.

Você sabia?

No português falado em Portugal o termo escrito separado “em baixo” é utilizado como advérbio de lugar: "Estou em baixo do toldo te esperando".

Leia também sobre outras dúvidas de português

Atualizado em
Daniela Diana
Escrito por Daniela Diana
Licenciada em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) em 2008 e Bacharelada em Produção Cultural pela Universidade Federal Fluminense (UFF) em 2014. Amante das letras, artes e culturas, desde 2012 trabalha com produção e gestão de conteúdos on-line.