Encima ou Em Cima?


"Encima" junto e "em cima" separado são duas palavras homófonas que apresentam sonoridade igual, porém grafias diferentes.

Confira aqui o significado de cada uma para você não ficar mais na dúvida de quando usar cada uma delas.

Encima

O termo “encima”, escrito junto e com “n” representa uma forma verbal do verbo encimar. Esse verbo, pouco utilizado pelos falantes da língua, significa colocar sobre algo, sendo sinônimo de elevar, coroar, etc.

Ele é conjugado na terceira pessoa do singular (ele/ela encima) do indicativo ou na segunda pessoa do singular do imperativo (encima tu).

Exemplos:

A estrela de Belém encima a árvore de natal.
Essa árvore encima o monte.
O chapéu encima a cabeça da presidente.

Em Cima

Já o termo “em cima” escrito separado é o antônimo de embaixo. Numa frase ela exerce a função de locução adverbial de lugar.

Portanto, utilizamos essa palavra para nos referir a algo que está numa posição elevada em relação a outra coisa.

Exemplos:

O bebê está em cima da cama.
Pegue o açúcar em cima da mesa.
Eu deixei as chaves em cima da cômoda.

Curiosidade

Utilizamos frequentemente na linguagem coloquial (informal) a expressão “dar em cima”. Ela faz referência quando alguém está cortejando ou interessado numa pessoa.

Exemplo: Na festa de sábado vimos o Felipe dando em cima da Camila.

Leia também sobre outras dúvidas de português: