Heredograma


Heredogramas são representações do mecanismo de transmissão das características dentro de uma família. Em outras palavras, são usados diagramas para representar as relações de parentesco onde cada indivíduo é representado por um símbolo.

Por meio dos heredogramas fica mais fácil identificar os tipos de herança genética e as probabilidades de uma pessoa apresentar uma característica ou doença hereditária.

Como Fazer um Heredograma?

Para montar um heredograma são utilizados símbolos específicos que representam a genealogia familiar. Ou seja, as relações de parentesco e as características presentes na família. Observe alguns símbolos mais comuns utilizados em heredogramas no quadro a seguir.

Heredograma

A partir do heredograma é possível conhecer certos padrões ao longo das gerações, determinando a probabilidade de uma certa característica se expressar e o tipo de herança genética que condiciona essa característica.

Exemplo de Heredograma

Nos heredogramas cada linha representa uma geração. No modelo abaixo há três: na geração I há um casal, na geração II estão os seus filhos e na geração III os seus netos.

HeredogramaHeredograma

A característica representada nesse caso é o lobo da orelha preso ou solto, considerando que no casal da primeira geração no homem é preso e na mulher é solto (veja fotos). O casal teve três filhos: um homem (nº2) e duas mulheres (nº3 e nº4), sendo que o homem e a mulher 4 são iguais à mãe, e a mulher 3 é igual ao pai.

HeredogramaModelo de Heredograma

O filho (nº2) se casou com uma mulher (nº1) que tem lobo da orelha preso e tiveram três filhos, uma mulher (nº1) e dois homens (nº 2 e nº3). Todos iguais à mãe. Enquanto a filha (nº4) casou com um homem (nº5) igual a ela com lobo da orelha solto e tiveram 2 filhos iguais (nº 4 e 5) e 3 filhos diferentes, ou seja, com lobo da orelha preso (nº6,7 e 8).

Como Interpretar esse Heredograma?

A primeira coisa a ser identificada em um heredograma é se a herança é dominante ou recessiva. Mas como saber isso?

Uma forma de tentar perceber esse dado é observando se há casais com a mesma característica que têm filhos diferentes. Isso é um indício de que a característica não presente no filho é determinada por genes recessivos.

Leia também:

HeredogramaInterpretação do heredograma. Observe os filhos diferentes dos pais

Se observarmos na geração III veremos que há filhos diferentes (nº6,7 e 8) dos pais (II- nº4 e 5) que são iguais. Portanto, esse é um indício de que esses indivíduos da geração III sejam homozigotos recessivos, sendo os seus genes representados por aa.

HeredogramaInterpretação do heredograma. Definição do genótipo da família a partir dos filhos recessivos

Dessa forma, sendo os filhos homozigotos recessivos (aa), os pais devem ser heterozigotos dominantes (Aa), uma vez que possuem outros filhos com a característica dominante (nº4 e 5). Para eles, no entanto, não é possível determinar se são homozigotos (AA) ou heterozigotos (Aa), pois as duas formas seriam possíveis ao combinar os genes do pai e da mãe. Na dúvida, eles são representados por A_.

HeredogramaInterpretação do heredograma. Definição do genótipo familiar

A partir dessa parte da família é possível inferir o genótipo de todos os representantes, seguindo a premissa de que o lobo da orelha preso é uma característica recessiva e lobo da orelha solto é uma característica dominante.