Audição


A audição é um dos cinco sentidos do corpo humano e nos permite ouvir. Os seus principais órgãos são as orelhas (antes designadas “ouvidos”).

O fato de possuirmos uma orelha de cada lado da cabeça, nos ajuda a ter uma melhor percepção da localização da origem do som.

A Orelha

AudiçãoAnatomia da orelha

A orelha humana é dividida em três segmentos: orelha externa, orelha média e orelha interna. As suas principais partes são:

  • Pavilhão Auricular: parte mais externa da orelha, formada por cartilagens, por onde as ondas sonoras entram no canal auditivo.
  • Canal Auditivo: faz a ligação entre a orelha média e o exterior.
  • Martelo: pequeno osso localizado na orelha média, que em uma extremidade está ligado ao tímpano e em outra, à bigorna. Recebe a vibração sonora e a transmite à orelha interna.
  • Bigorna: pequeno osso localizado na orelha média que em uma extremidade está ligado ao martelo e em outra, ao estribo.
  • Estribo: pequeno osso localizado na orelha média, que em uma extremidade está ligado à bigorna e em outra à janela oval.
  • Tímpano: membrana extremamente fina que separa a orelha externa da orelha média. Transmite a vibração das ondas sonoras aos pequenos ossos localizados na orelha média (bigorna, estribo e martelo).
  • Cóclea: também chamada de “caracol”, está localizada na orelha interna. É um órgão receptor sensível às diferentes alturas de som. É responsável por converter a vibração das ondas sonoras em impulsos elétricos.
  • Janela Oval: abertura que liga a orelha média à orelha interna.
  • Nervo Auditivo: transmite informações ao cérebro que depois de interpretadas permitem a percepção do som.

AudiçãoOrelha externa de mulher

A orelha externa, é a que chamamos comumente de “orelha”. Através dela são captadas as ondas sonoras do ar, que seguem pelo canal auditivo e logo a seguir passam pela orelha média, localizada mais internamente, fazendo vibrar o tímpano e os três pequenos ossos da orelha média: martelo, bigorna e estribo.

Essa vibração chega até a janela oval, que faz a ligação entre a orelha média e a orelha interna, que como o próprio nome diz, é a que está localizada na parte mais interna do ouvido.

Na orelha interna, também conhecida como “labirinto”, a vibração chega até a cóclea, órgão cujo interior possui líquidos e pequenos pelos.

Com a vibração, os líquidos e os pelos estimulam o nervo auditivo, causando impulsos elétricos que são interpretados pelo cérebro como som.

Para saber mais:

Doenças da Audição

  • Doenças do Labirinto: geralmente chamamos tudo labirintite, mas existe também a doença de Ménière e outros tipos de vertigem. Causam tontura, dor de cabeça, desequilíbrio e mal-estar;
  • Otite: infecção do ouvido médio com inflamação e acúmulo de líquidos. Causa muitas dores e se forem frequentes podem levar à surdez;
  • Presbiacusia: perda auditiva relacionada com o envelhecimento;
  • Surdez: ausência ou diminuição considerável da audição;
  • Zumbido: ruídos que só a pessoa ouve, como "sons fantasmas", que podem ser como som de abelhas ou chiados. Geralmente associado à perda auditiva.

Podem Afetar a Audição

  • Exposição à sons muito altos;
  • Poluição Sonora;
  • Perfuração do tímpano;
  • Otite na orelha média;
  • Fratura dos ossos da orelha média;
  • Traumas com ferimentos na cabeça.