Bile

Juliana Diana

A bile, bílis ou suco biliar é um fluído líquido produzido pelo fígado e atua como auxiliar na digestão dos alimentos.

Com consistência líquida e viscosa, possui sabor amargo e coloração amarelo-esverdeada.

Para que serve a bile?

bile

Atuando no sistema digestório, a bile tem como função contribuir com a absorção dos nutrientes e com a digestão de gorduras ingeridas na alimentação.

As principais ações realizadas pela bile são:

  • Auxílio no processo de absorção de gorduras e vitaminas lipossolúveis no intestino delgado a partir da ação dos ácidos biliares;
  • Facilita a ação das enzimas produzidas pelo pâncreas;
  • Eliminação de resíduos pelas fezes, incluindo a bilirrubina;
  • Desintoxicação do fígado;
  • Regulação das bactérias do fígado.

Produção e composição da bile

A bile é produzida no fígado pelos hepatócitos, que são células existentes no parênquima hepático.

A produção da bile pode ser de até 1 litro por dia e é diluída no organismo para desenvolver as ações de auxílio na digestão e absorção de nutrientes.

Ao entrar na vesícula biliar fica armazenada, podendo ser acumulada entre 20 e 50 ml do fluído.

A bile apresenta a seguinte composição:

  • 85% de água
  • 10% de bicarbonato de sódio
  • 3% de pigmentos
  • 1% de gordura
  • 0,7% de sais inorgânicos
  • 0,3% de colesterol

Excreção da bile

secreção biliar
Excreção biliar

A bile passa por um processo de excreção no organismo, sendo realizada de acordo com as seguintes etapas:

  • Secreção por meio dos hepatócitos: o suco biliar produzido no fígado é secretado nos canalículos biliares, que estão localizados entre os hepatócitos e as lâminas hepáticas.
  • Passagem pelos ductos biliares: nesta etapa, a bile passa para os ductos biliares terminais até chegar nos ductos hepáticos direito e esquerdo, que ao final formam o ducto hepático comum.
  • Chegada na vesícula biliar: a etapa final consiste na passagem pelo ducto hepático até o ducto colédoco e, por fim chegando à vesícula biliar.

Icterícia

Caso a excreção da bile não seja realizada corretamente pode causar alguns problemas à saúde. O mais comum é quando a vesícula apresenta algum tipo de obstrução que impeça a excreção do fluído, fazendo com que fique acumulado no fígado.

Este tipo de problema causa efeitos no organismo e é chamado de icterícia. Esta condição traz as seguintes consequências: alteração na coloração da pele, na consistência e coloração das fezes e no funcionamento do metabolismo.

Aprenda mais sobre:

Juliana Diana
Juliana Diana
Licenciada em Ciências Biológicas pelas Faculdades Integradas de Ourinhos (FIO) em 2007. Pós-graduada em Informática na Educação pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) em 2010. Doutora em Gestão do Conhecimento pela UFSC em 2019.