Classificação dos Verbos

Daniela Diana

Os verbos em língua portuguesa são classificados em regulares, irregulares, defectivos ou abundantes.

A classificação está condicionada à flexão verbal e não ao significado. Verbo é a classe de palavras que tem o maior número de flexões na língua portuguesa.

Flexões Verbais

As flexões verbais ocorrem em número (singular e plural), pessoa (primeira, segunda, terceira), modo (indicativo, subjuntivo, imperativo), tempo (presente, pretérito, futuro) e voz (ativa, passiva, reflexiva).

Pode indicar ação (fazer, copiar), caráter de estado (ser, ficar), fenômeno natural (chover, anoitecer), ocorrência (acontecer, suceder), desejo (aspirar, almejar) e outros processos.

Os verbos são divididos em três grupos de flexões, as chamadas conjugações, identificadas respectivamente pelas vogais temáticas (a), (e), e (i).

Para cada uma das conjugações, há um paradigma indicativo das formas verbais consideradas regulares.

E é a relação estabelecida com tais paradigmas que classifica os verbos como regulares, irregulares, defectivos ou abundantes.

Verbos Regulares

São considerados regulares os verbos que obedecem de maneira precisa a um paradigma de respectiva conjugação.

Exemplo de conjugação:

Verbo Estudar no Modo Indicativo

Presente Pretérito Imperfeito Pretérito Perfeito
Eu estudo estudava estudei
Tu estudas estudavas estudaste
Ele/Ela estuda estudava estudou
Nós estudamos estudávamos estudamos
Vós estudais estudáveis estudastes
Eles/Elas estudam estudavam estudaram
Pretérito Mais-que-perfeito Futuro do Presente Futuro do Pretérito
Eu estudara estudarei estudaria
Tu estudaras estudarás estudarias
Ele/Ela estudara estudará estudaria
Nós estudáramos estudaremos estudaríamos
Vós estudáreis estudareis estudaríeis
Eles/Elas estudaram estudarão estudariam

Verbo Estudar no Modo Subjuntivo

Presente Pretérito Imperfeito Futuro
Que eu estude Se eu estudasse Quando eu estudar
Que tu estudes Seu tu estudasses Quando tu estudares
Que ele/ela estude Se ele/ela estudasse Quando ele/ela estudar
Que nós estudemos Se nós estudássemos Quando nós estudarmos
Que vós estudeis Se vós estudásseis Quando vós estudardes
Que eles/elas estudem Se eles/elas estudassem Quando ele/ela estudarem

Verbo Estudar no Modo Imperativo

Imperativo Afirmativo Imperativo Negativo
Estuda tu Não estudes tu
Estude você Não estudes você
Estudemos nós Não estudemos nós
Estudai vós Não estudeis vós
Estudem vocês Não estudem vocês

Formas Nominais do Verbo Estudar

Infinitivo Pessoal Infinitivo Impessoal Gerúndio Particípio
Estudar eu Estudar Estudando Estudado
Estudares tu -- -- --
Estudar ele/ela -- -- --
Estudarmos nós -- -- --
Estudardes vós -- -- --
Estudarem eles/elas -- -- --

Verbos Irregulares

Os verbos irregulares são classificados assim porque não seguem nenhum paradigma da respectiva conjugação.

Esses verbos podem apresentar irregularidades no radical, nas terminações ou em ambos.

Exemplo de conjugação:

Verbos Fazer no Modo Indicativo

Presente Pretérito Imperfeito Pretérito Perfeito
Eu faço fazia fiz
Tu fazes fazias fizeste
Ele/Ela faz fazia fez
Nós fazemos fazíamos fizemos
Vós fazeis fazíeis fizestes
Eles/Elas fazem faziam fizeram
Pretérito Mais-que-perfeito Futuro do Presente Futuro do Pretérito
Eu fizera farei faria
Tu fizeras farás farias
Ele/Ela fizera fará faria
Nós fizéramos faremos faríamos
Vós fizéreis fareis faríeis
Eles/Elas fizeram farão fariam

Verbos Fazer no Modo Subjuntivo

Presente Pretérito Imperfeito Futuro
Que eu faça Se eu fizesse Quando eu fizer
Que tu faças Se tu fizesses Quando tu fizeres
Que ele/ela faça Se ele/ela fizesse Quando ele/ela fizer
Que nós façamos Se nós fizéssemos Quando nós fizermos
Que vós façais Se vós fizésseis Quando vós fizerdes
Que eles/elas façam Se eles/elas fizessem Quando eles/elas fizerem

Verbos Fazer no Modo Imperativo

Imperativo Afirmativo Imperativo Negativo
Faz tu não faça tu
Faça você não faça vocês
Façamos nós não façamos nós
Fazei vós não façais vós
Façam eles não façam vocês

Formas Nominais do Verbo Fazer

Infinitivo Pessoal Infinitivo Impessoal Gerúndio Particípio
Fazer eu Fazer Fazendo Feito
Fazeres tu -- -- --
Fazer ele/ela -- -- --
Fazermos nós -- -- --
Fazerdes vós -- -- --
Fazerem eles/elas -- -- --

Verbos Anômalos

Dentro da classificação de verbos irregulares estão os chamados verbos anômalos. Entre os exemplos de verbos anômalos estão ser e vir, que apresentam profundas alterações nos radicais e na sua conjugação.

Verbos Defectivos

Os verbos defectivos não são conjugados em determinadas pessoas, tempos ou modos. Ou seja, não flexionam em algumas formas.

Os verbos defectivos podem ser impessoais, unipessoais e pessoais.

Exemplo de conjugação:

Verbo Falir no Modo Indicativo

Presente Pretérito Imperfeito Pretérito Perfeito
Eu -- falia fali
Tu -- falias faliste
Ele/Ela -- falia faliu
Nós falimos falíamos falimos
Vós falis falíeis falistes
Eles/Elas -- faliam faliram
Pretérito Mais-que-perfeito Futuro do Presente Futuro do Pretérito
Eu falira falirei faliria
Tu faliras falirás falirias
Ele/Ela falira falirá faliria
Nós falíramos faliremos faliríamos
Vós falíreis falireis faliríeis
Eles/Elas faliram falirão faliriam

Verbo Falir no Modo Subjuntivo

Presente Pretérito Imperfeito Futuro
-- Se eu falisse Quando eu falir
-- Se tu falisse Quando tu falires
-- Se ele/ela falisse Quando ele/ela falir
-- Se nós falíssemos Quando nós falirmos
-- Se vós falísseis Quando vós falirdes
-- Se eles/elas falissem Quando eles/elas falirem

Verbo Falir no Modo Imperativo

Imperativo Afirmativo Imperativo Negativo
Fali vós --

Formas Nominais do Verbo Falir

Infinitivo Pessoal Infinitivo Impessoal Gerúndio Particípio
Falir eu Falir Falindo Falido
Falir tu -- -- --
Falir ele/ela -- -- --
Falirmos nós -- -- --
Falirdes vós -- -- --
Falirem eles/elas -- -- --

Verbos Abundantes

Verbos abundantes apresentam mais de uma forma aceitas pela norma culta. Eles podem ser encontrados em verbos no particípio e, logo, nos tempos compostos em que o verbo principal fica nessa forma nominal.

Exemplo de conjugação:

Verbo Eleger no Mais-que-perfeito Composto do Indicativo

Eu tinha elegido ou eleito
Tu tinhas elegido ou eleito
Ele/Ela tinha elegido ou eleito
Nós tínhamos elegido ou eleito
Vós tínheis elegido ou eleito
Eles/Elas tinham elegido ou eleito

Particípio passado

Elegido ou eleito

Daniela Diana
Daniela Diana
Licenciada em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) em 2008 e Bacharelada em Produção Cultural pela Universidade Federal Fluminense (UFF) em 2014. Amante das letras, artes e culturas, desde 2012 trabalha com produção e gestão de conteúdos on-line.