Pronomes

Daniela Diana

O que são pronomes?

Os pronomes representam a classe de palavras que substituem ou acompanham os substantivos.

De acordo com a função que exercem, eles são classificados em sete tipos:

  1. Pronomes Pessoais
  2. Pronomes Possessivos
  3. Pronomes Demonstrativos
  4. Pronomes de Tratamento
  5. Pronomes Indefinidos
  6. Pronomes Relativos
  7. Pronomes Interrogativos

Para entender melhor o uso dos pronomes nas frases, confira os exemplos:

1) Mariana apresentou um show esse final de semana. Ela é considerada uma das melhores cantoras de música Gospel.

No exemplo acima, o pronome pessoal “Ela” substituiu o substantivo próprio Mariana. Note que com o uso do pronome no período evitou-se a repetição do nome.

2) Aquela bicicleta é da minha prima Júlia.

Nesse exemplo, utilizamos dois pronomes: o pronome demonstrativo “aquela” para indicar algo (no caso o bicicleta) e o pronome possessivo “minha” que transmite a ideia de posse.

Os 7 tipos de pronomes

1. Pronome Pessoal

Os pronomes pessoais são aqueles que indicam a pessoa do discurso e são classificados em dois tipos:

1. Pronomes Pessoais do Caso Reto: exercem a função de sujeito.

Exemplo: Eu gosto muito da Ana. (Quem gosta da Ana? Eu.)

2. Pronomes Pessoais do Caso Oblíquo: substituem os substantivos e complementam os verbos.

Exemplo: Está comigo seu caderno. (Com quem está o caderno? Comigo. Note que para além de identificar quem tem o caderno, o pronome auxilia o verbo “estar”.)

Pessoas Verbais Pronomes do Caso Reto Pronomes do Caso Oblíquo
1ª pessoa do singular eu me, mim, comigo
2ª pessoa do singular tu, você te, ti, contigo
3ª pessoa do singular ele, ela o, a, lhe, se, si, consigo
1ª pessoa do plural nós nos, conosco
2ª pessoa do plural vós, vocês vos, convosco
3ª pessoa do plural eles, elas os, as, lhes, se, si, consigo.

Vale lembrar que os pronomes oblíquos “o, a, os, as, lo, la, los, las, no, na, nos, nas” funcionam somente como objeto direto.

Você também pode se interessar por:

Pronomes pessoais
Pronome oblíquo átono

2. Pronome Possessivo

Os pronomes possessivos são aqueles que transmitem a ideia de posse.

Exemplos:

  • Essa caneta é minha? (o objeto possuído é a caneta, que pertence à 1ª pessoa do singular)
  • O computador que está em cima da mesa é meu. (o objeto possuído é o computador, que pertence à 1ª pessoa do singular)
  • A sua bolsa ficou na escola. (o objeto possuído é a bolsa, que pertence à 3ª pessoa do singular)
  • Nosso trabalho ficou muito bom. (o objeto possuído é o trabalho, que pertence à 1ª pessoa do plural)

Confira abaixo a tabela com os pessoas verbais do discurso e os respectivos pronomes possessivos:

Pessoas Verbais Pronomes Possessivos
1ª pessoa do singular (eu) meu, minha (singular); meus, minhas (plural)
2ª pessoa do singular (tu, você) teu, tua (singular); teus, tuas (plural)
3ª pessoa do singular (ele/ela) seu, sua (singular); seus, suas (plural)
1ª pessoa do plural (nós) nosso, nossa (singular); nossos, nossas (plural)
2ª pessoa do plural (vós, vocês) vosso, vossa (singular); vossos, vossas (plural)
3ª pessoa do plural (eles/elas) seu, sua (singular); seus, suas (plural)

3. Pronome Demonstrativo

Os pronomes demonstrativos são utilizados para indicar a posição de algum elemento em relação à pessoa seja no discurso, no tempo ou no espaço.

Eles reúnem algumas palavras variáveis - em gênero (masculino e feminino) e número (singular e plural) - e as invariáveis.

Os pronomes demonstrativos variáveis são aqueles flexionados (em número ou gênero), ou seja, são os que sofrem alterações na sua forma. Por exemplo: esse, este, aquele, aquela, essa, esta.

Já os pronomes invariáveis são aqueles que não são flexionados, ou seja, que nunca sofrem alterações. Por exemplo: isso, isto, aquilo.

Observe o quadro abaixo para entender os pronomes demonstrativos variáveis em gênero e número:

Pronomes Demonstrativos Singular Plural
Feminino esta, essa, aquela estas, essas, aquelas
Masculino este, esse, aquele estes, esses, aqueles

Exemplos:

  • Essa camisa é muito linda.
  • Aquelas bicicletas são boas.
  • Este casaco é muito caro.
  • Eu perdi aqueles bilhetes de cinema.

Atenção!

Segue algumas dicas de uso dos pronomes demonstrativos:

1. Quando o elemento está com a pessoa que se fala ou próximo dela utilizamos: este, esta, estes, estas e isto.

Exemplos:

Este computador é meu.
Estas anotações foram feitas pela Carolina.

2. Quando o elemento está com quem se fala ou próximo desta pessoa utilizamos: esse, essa, esses, essas e isso.

Exemplos:

Esses lugares estão reservados.
De quem é essa bolsa que você está segurando?

3. Quando o elemento não está com a pessoa que fala e nem com a pessoa com quem se fala utilizamos: aquele, aquela, aqueles, aquelas e aquilo.

Exemplos:

De quem são aquelas coisas ali jogadas?
Aquele prédio é o mais alto da cidade.

Para resumir essa explicação, veja o quadro abaixo com os exemplos:

Pessoas Verbais Pronomes Utilizados Localização do Elemento Exemplo
Primeira Pessoa este, esta, estes, estas, isto quando o elemento está com a pessoa que fala Isto não é meu.
Segunda Pessoa esse, essa, esses, essas, isso quando o elemento está com quem se fala Isso não se faz.
Terceira Pessoa
aquele, aquela, aqueles, aquelas, aquilo

quando o elemento não está com a pessoa que fala e nem com a pessoa com quem se fala

Aquilo é muito bonito.

Saiba mais sobre o assunto:

Pronomes Demonstrativos
Quando Usar: Este ou Esse?

4. Pronome de Tratamento

Os pronomes de tratamento são termos respeitosos empregados normalmente em situações formais. Mas, como toda regra tem exceção, “você” é o único pronome de tratamento utilizado em situações informais.

Exemplos:

  • Você deve seguir as regras impostas pelo governo.
  • A senhora deixou o casaco cair na rua.
  • Vossa Magnificência irá assinar os diplomas dos formandos.
  • Vossa Santidade é muito querido, disse o sacerdote ao Papa.

Confira na tabela abaixo, os pronomes de tratamento mais utilizados:

Pronomes de Tratamento Abreviações Emprego
Você V./VV Único pronome de tratamento utilizado em situações informais.
Senhor (es) e Senhora (s) Sr, Sr.ª (singular) e Srs., Srª.s. (plural) Tratamento formal e respeitoso usado para pessoas mais velhas.
Vossa Excelência V. Ex.ª/V. Ex.ªs Usados para pessoas com alta autoridade, como por exemplo: Presidente da República, Senadores, Deputados, Embaixadores.
Vossa Magnificência V. Mag.ª/V. Mag.ªs Usados para os reitores das Universidades.
Vossa Senhoria V. S.ª/V. S.ªs Empregado nas correspondências e textos escritos.
Vossa Majestade VM/VVMM Utilizado para Reis e Rainhas
Vossa Alteza V.A.(singular) e V.V.A. A. (plural) Utilizado para príncipes, princesas, duques.
Vossa Santidade V.S. Utilizado para o Papa
Vossa Eminência V. Ex.ª/V. Em.ªs Usado para Cardeais.
Vossa Reverendíssima V. Rev.m.ª/V. Rev.m.ªs Utilizado para sacerdotes e religiosos em geral.

5. Pronome Indefinido

Empregados na 3ª pessoa do discurso, o próprio nome já indica que os pronomes indefinidos substituem ou acompanham o substantivo de maneira vaga ou imprecisa.

Exemplos:

  • Nenhum vestido serviu na Antônia. (o termo “nenhum” acompanha o substantivo “vestido” de maneira vaga, pois não sabemos de que vestido se fala)
  • Outras viagens virão. (o termo “outras” acompanha o substantivo “viagens” sem especificar quais viagens serão)
  • Alguém deve me explicar a matéria. (o termo “alguém” significa “uma pessoa cuja identidade não é especificada ou definida” e, portanto, substitui o substantivo da frase)
  • Cada pessoa deve escolher seu caminho. (o termo “cada” acompanha o substantivo da frase “pessoa” sem especificá-lo)

Veja abaixo a tabela com os pronomes indefinidos variáveis e invariáveis:

Classificação Pronomes Indefinidos
Variáveis algum, alguma, alguns, algumas, nenhum, nenhuma, nenhuns, nenhumas, muito, muita, muitos, muitas, pouco, pouca, poucos, poucas, todo, toda, todos, todas, outro, outra, outros, outras, certo, certa, certos, certas, vário, vária, vários, várias, tanto, tanta, tantos, tantas, quanto, quanta, quantos, quantas, qualquer, quaisquer, qual, quais, um, uma, uns, umas.
Invariáveis quem, alguém, ninguém, tudo, nada, outrem, algo, cada.

6. Pronome Relativo

Os pronomes relativos se referem a um termo já dito anteriormente na oração, evitando sua repetição. Esses termos podem ser palavras variáveis e invariáveis: substantivo, adjetivo, pronome ou advérbio.

Exemplos:

  • Os temas sobre os quais falamos são bastante complexos. (“os quais” faz referência ao substantivo dito anteriormente “temas”)
  • São plantas cuja raiz é muito profunda. (“cuja” aparece entre dois substantivos “plantas” e “raiz” e faz referência àquele dito anteriormente “plantas”)
  • Daniel visitou o local onde nasceu seu avô. (“onde” faz referência ao substantivo “local”)
  • Tive as férias que sonhava. (“que” faz referência ao substantivo “férias”)

Confira na tabela abaixo os pronomes relativos variáveis e invariáveis:

Classificação Pronomes Relativos

Variáveis
o qual, a qual, os quais, as quais, cujo, cuja, cujos, cujas, quanto, quanta, quantos, quantas.

Invariáveis

quem, que, onde.

7. Pronome Interrogativo

Os pronomes interrogativos são palavras variáveis e invariáveis empregadas para formular perguntas diretas e indiretas.

Exemplos:

  • Quanto custa a entrada para o cinema? (oração interrogativa direta)
  • Informe quanto custa a entrada para o cinema. (oração interrogativa indireta)
  • Quem estava com Maria na festa? (oração interrogativa direta)
  • Ela queria saber o que teria acontecido com Lavínia. (oração interrogativa indireta)

Confira abaixo a tabela dos pronomes interrogativos variáveis e invariáveis.

Classificação Pronomes Interrogativos

Variáveis

qual, quais, quanto, quantos, quanta, quantas.

Invariáveis

quem, que.

Agora que você já sabe sobre esse matéria, teste seus conhecimentos:

Daniela Diana
Daniela Diana
Licenciada em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) em 2008 e Bacharelada em Produção Cultural pela Universidade Federal Fluminense (UFF) em 2014. Amante das letras, artes e culturas, desde 2012 trabalha com produção e gestão de conteúdos on-line.