Gerundismo


Gerundismo é um vício de linguagem e que, por isso, deve ser evitado. É encontrado muitas vezes quando opta-se pelo uso frequente do gerúndio havendo em seu lugar uma conjugação apropriada em termos gramaticais.

É o que acontece quando no lugar de um verbo no futuro usa-se o gerúndio. Isso faz com que, de forma incorreta, um verbo seja apresentado com a ideia de continuidade. Exemplo:

Vou estar te telefonando assim que a encomenda chegar. (errado)

Telefonarei assim que a encomenda chegar.
ou
Vou telefonar assim que a encomenda chegar. (certo)

Gerúndio e Gerundismo

O gerúndio é uma forma nominal. É ele que indica continuidade de uma ação. Exemplos:

  • Estou estudando formas nominais e vícios de linguagem.
  • Estava estudando quando você chegou.
  • Estive estudando antes de você chegar.
  • Estaria estudando se você não tivesse me interrompido.
  • Estarei estudando quando Ana voltar.

Há formas aceitas que confundem pelo fato de se assemelhar ao gerundismo. São aquelas que mostram o desenvolvimento de uma ação em simultâneo com outra. Exemplos:

  • Quando ele chegar à cidade vou estar trabalhando.
  • Quando Ana voltar vou estar estudando.
  • Vou estar assistindo televisão quando você chegar.

O gerundismo, tal como vimos, é o seu uso exagerado e em situações não adequadas em termos gramaticais. Exemplos:

  • Vou estar te atendendo logo que seja possível.
  • Vou estar enviando os seus documentos para o departamento depois de tirar todas as cópias.
  • Vou estar dando o seu recado assim que o funcionário chegar.

Saiba mais em Gerúndio e Vícios de Linguagem.

Exercícios

1. (Enem-2006) Sobre o gerúndio, forma nominal do verbo, é correto afirmar:

I. O gerúndio, assim como o infinitivo e o particípio, é uma forma nominal do verbo. Recebe essa designação porque, ao lado do seu valor verbal, pode desempenhar função de nomes.

II. Pode desempenhar função de advérbio ou adjetivo, sendo empregado para indicar uma ação contínua, ou seja, uma ação que está em andamento, não finalizada no momento em que se fala.

III. O gerúndio deve ser evitado, já que seu uso excessivo pode levar ao gerundismo, fenômeno considerado como um vício de linguagem.

IV. O gerúndio, assim como as demais formas nominais, é formado pelo tema (radical + vogal temática) e, em seu caso específico, acrescido da desinência -ndo.

V. Falado, corrido, aceito, entregue e escrito são exemplos de verbos flexionados no gerúndio.

a) I, II e IV
b) II, III e IV
c) IV e V
d) I e IV
e) III e V

Alternativa a: I, II e IV.

2. (IF-GO/2013) Para você estar passando adiante

Este artigo foi feito especialmente para que você possa estar recortando e possa estar deixando discretamente sobre a mesa de alguém que não consiga estar falando sem estar espalhando essa praga terrível da comunicação moderna, o futuro do gerúndio. Você pode também estar passando por fax, estar mandando pelo correio ou estar enviando pela internet.

O importante é estar garantindo que a pessoa em questão vá estar recebendo esta mensagem, de modo que ela possa estar lendo e, quem sabe, consiga até mesmo estar se dando conta da maneira como tudo o que ela costuma estar falando deve estar soando nos ouvidos de quem precisa estar escutando. (…)

FREIRE, Ricardo. As cem melhores crônicas brasileiras.

São Paulo: Objetiva, 2010, p. 345-346. [Adaptado]

A respeito do texto, é correto afirmar:

a) O autor faz uma crítica ao uso do gerúndio e suas consequências negativas para a comunicação contemporânea.
b) Por se tratar de um texto objetivo, o autor não utiliza ironias em sua narrativa.
c) O autor reconhece que o “futuro do gerúndio” é um tempo verbal adotado pela norma padrão da língua portuguesa, embora não recomende seu uso.
d) O autor do texto demonstra dificuldades para se adaptar à norma padrão da língua portuguesa.
e) O uso do “futuro do gerúndio” como estratégia de composição do texto é útil para mostrar o quanto esse vício de linguagem é repetitivo e cansativo, na opinião do autor.

Alternativa e: O uso do “futuro do gerúndio” como estratégia de composição do texto é útil para mostrar o quanto esse vício de linguagem é repetitivo e cansativo, na opinião do autor.

3. (IBMEC-SP/2014)

O gerúndio, uma das formas nominais do verbo, está sendo utilizado de maneira adequada em todas as alternativas, exceto:

a) Eu vou estar entrando em contato para estar resolvendo o problema.
b) A vida vai passando enquanto estamos ocupados fazendo planos.
c) Ando procurando soluções para meus problemas.
d) Eles estavam sorrindo, brincando e aproveitando o passeio no parque.

Alternativa a: Eu vou estar entrando em contato para estar resolvendo o problema.