História do Telefone


O telefone foi criado pelo cientista norte-americano de origem escocesa Alexander Graham Bell (1847-1922).

Foi ele quem registrou a primeira patente de invenção em março de 1876, horas antes de outro estudioso, Elisha Gray. O registro deu início a uma das mais longas batalhas judiciais por patentes da história.

Ilustração de telefones

Ilustração de telefones que mostra a evolução do aparelho

Origem e História

A invenção do telefone teria ocorrido de maneira acidental, para aperfeiçoar as transmissões do telégrafo, que têm conceitos estruturais muito semelhantes.

Ao telégrafo, contudo, era possível a transmissão de apenas uma mensagem por vez. Tendo bons conhecimentos de música, Graham Bell percebeu a possibilidade de transmitir mais de uma mensagem ao longo do mesmo fio de uma só vez na concepção de "telégrafo múltiplo".

Este não era um conceito novo. Outros tentaram, mas foi o norte-americano quem conseguiu esse progresso e utilizou a eletricidade para conduzir a voz humana.

As experiências foram apoiadas por um auxiliar, Thomas Watson, o primeiro a ouvir uma voz humana pelo dispositivo denominado telefone em junho de 1875.

As pesquisas posteriores tinham como objetivo o desenvolvimento de uma membrana para transformar o som em corrente e reproduzí-lo novamente no outro lado.

O sucesso foi marcado em 10 de março de 1876. As primeiras palavras transmitidas por Graham Bell foram: "Senhor Watson, venha cá. Preciso falar com o senhor", após um acidente no laboratório.

No ano seguinte, Graham Bell fundou a Companhia Telefônica Bell, que tornou-se, posteriormente a American Telephone & Telegraph, a maior companhia telefônica do mundo.

Houve, porém, resposta ao Tribunal dos EUA a pelo menos 600 ações movidas por Gray reivindicando a invenção. No entanto, Bell ganhou todas.

Evolução do Telefone

linha do tempo do telefone

Na figura acima, podemos ver a evolução do telefone desde sua criação no final do século XIX. Quase 20 anos depois da invenção de Graham Bell, Landell de Moura realiza a primeira transmissão de voz em telefonia sem fio.

Em 1978 no Japão foi ativada a telefonia móvel de celular. No Brasil, 20 anos depois, em 1998, aconteceu a ativação dos primeiros celulares em São Paulo. Hoje em dia, os telefones móveis são objetos indispensáveis na vida do homem moderno

evolução dos celulares

Foto mostra a evolução dos celulares desde a década de 90

História do Telefone no Brasil

A primeira linha telefônica instalada no Brasil foi concretizada por ordem o imperador Dom Pedro II em 1877.

A linha interligava o Palácio da Quinta da Boa Vista às casas ministeriais. A empresa responsável pelo trabalho era a Western na Brazilian Telegraph.

Quem foi Graham Bell?

Graham Bell

Alexander Graham Bell nasceu dia 3 de março de 1847 em Edimburgo, na Escócia.

Dedicou grande parte de sua vida a encontrar um meio de transformar o som em energia e efetuar sua transmissão por um fio.

Curioso notar que a vida de Graham Bell esteve marcada pela presença de pessoas surdas. Isso porque sua mãe e sua mulher sofriam de deficiência auditiva. Como a mãe era surda, ele aprendeu muito cedo a linguagem de sinais.

Graham tinha dois irmãos, embora tenham morrido de tuberculose. Após a morte de seus irmãos, os pais emigraram para o Canadá em 1870.

O conhecimento fez dele professor de uma escola para surdos em Boston, onde chegou em 1871. Foi no estabelecimento que ele conheceu a mulher, Mabel Hubbard, com quem teve quatro filhos.

O cientista faleceu em 2 de agosto de 1922.

Você sabia?

Dia 10 de março é comemorado o Dia do Telefone. A data faz referência ao registro da primeira patente realizada por Graham Bell.

Leia também: