Migração

O que é migração?

Migração significa o deslocamento de pessoas pelo espaço geográfico. Esse processo acontece por diversos fatores que podem ser: sociais, econômicos, culturais, políticos, ambientais, etc.

Desde sempre os fluxos migratórios ocorrem na história da humanidade por meio do movimento de indivíduos dentro ou fora do país de origem.

Esses movimentos trazem diversas consequências para o espaço geográfico, modificando assim, sua configuração. Atualmente, a globalização tem aumentado o número de migrações que ocorrem no mundo.

Note que as migrações humanas foram necessárias para garantir a sobrevivência da espécie, sendo que algumas delas foram forçadas, levando os povos a se deslocarem, por exemplo, no momento de guerras ou de desastres naturais.

Os principais tipos de migração

Existem diversos tipos de movimentos migratórios que acontecem por motivos distintos. Os principais deles são:

  • Migração interna: deslocamento dentro do território nacional.
  • Migração externa: deslocamento para fora do território nacional.
  • Migração sazonal: deslocamento sazonal de pessoas por determinado espaço de tempo.
  • Migração permanente: quando o indivíduo resolve ficar no local onde migrou.
  • Migração espontânea: deslocamento que ocorre por vontade da própria da pessoa(s).
  • Migração forçada: grupos de pessoas que são obrigadas a se deslocarem.
  • Migração regional: classificada em migração inter-regional (migrar para outro estado) ou intra-regional (migrar dentro do próprio estado)

Leia mais sobre os Tipos de Migração.

A migração no Brasil

Em grande parte, a migração brasileira ocorre por motivos econômicos e sociais. Os indivíduos saem de seu local de origem e migram para outras cidades, estados, regiões ou mesmo para fora do Brasil.

Assim, a busca por melhores condições de vida é uma das principais razões para os movimentos migratórios dentro do país.

Uma das formas de migração que acontece muito é o êxodo rural, onde pessoas que vivem no campo saem em busca de melhores condições de vida nas cidades.

Devido a grande quantidade de migrantes que saem de seus locais de origem e vão viver em outras cidades e estados, muitas regiões do país são bastante diversas.

Podemos citar o fluxo migratório de nordestinos para a região Sudeste na década de 50, que foram em busca de trabalho e melhores condições de subsistência.

Afinal, por que as pessoas migram?

As principais causas da migração estão relacionadas a fatores econômicos, sociais, culturais e ambientais.

  • Fatores econômicos: busca de oportunidades de trabalho.
  • Fatores sociais: busca de melhores condições de vida.
  • Fatores culturais: busca de identificação cultural.
  • Fatores ambientais: busca por locais em que não haja problemas ambientais.

Migrante, emigrante e imigrante: quais são as diferenças?

As pessoas que saem de seu lugar de origem são chamadas de migrantes e dentro desse conceito existem outros dois que irão depender da direção que esse deslocamento acontece.

Assim, os chamados emigrantes são aqueles que saem de sua localidade de origem e se deslocam para outro local. Já os imigrantes são aqueles que entram em um território diferente do seu de origem.

Exemplo: Brasileiro que foi morar em Portugal.

  • Tipo de migração: migração externa (para fora do país de origem)
  • Emigrante no Brasil
  • Imigrante em Portugal

Em resumo:

  • Emigração: movimento de saída de pessoas do local de origem.
  • Imigração: movimento de entrada de pessoas em um local diferente.

Saiba mais sobre: