Predicado Verbal

Daniela Diana

O predicado verbal é um tipo de predicado que tem como núcleo um verbo ou uma locução verbal que transmite a ideia de ação.

Vale lembrar que a locução verbal é a união de dois ou mais verbos, por exemplo: estamos saindo.

Ao lado do sujeito, o predicado é um dos termos essenciais da oração, o qual declara suas ações, concordando em número e pessoa.

Além do predicado verbal, há outros tipos de predicados: predicado nominal (o núcleo é um nome) e o predicado verbo-nominal (possui dois núcleos: um verbo e um nome).

Exemplos

Confira abaixo algumas frases com predicado verbal:

Maria Antônia chegou.

Sujeito: Maria Antônia
Predicado verbal: chegou
Núcleo do predicado: chegou

Sara correu a semana passada.

Sujeito: Sara
Predicado verbal: correu a semana passada
Núcleo do predicado: correu

Eles caminharam muito hoje.

Sujeito: Eles
Predicado verbal: caminharam muito hoje
Núcleo do predicado: caminharam

Joana comprou muitos sapatos ontem.

Sujeito: Joana
Predicado verbal: comprou muitos sapatos ontem
Núcleo do predicado: comprou

Alexandre e Natália estão fazendo bolo.

Sujeito: Alexandre e Natália
Predicado verbal: estão fazendo bolo.
Núcleo do predicado: estão fazendo

Obs: diferente do predicado nominal, o verbal não possui um predicativo do sujeito, ou seja, um termo que qualifica o sujeito da ação.

Além disso, ele não apresenta um verbo de ligação (estado ou qualidade) e sim, um verbo de ação (transitivo ou intransitivo).

Leia também:

Predicação Verbal

Na predicação verbal, os verbos que ligam os sujeitos ao predicado podem ser:

Verbos Transitivos

O verbo transitivo é aquele em que necessita de complemento. São classificados em:

1. Verbo Transitivo Direto

Complemento não exige uma preposição, por exemplo:

Vitória cantou músicas sertanejas.

2. Verbo Transitivo Indireto

O complemento exige o uso da preposição, por exemplo:

Interessou-se pelas camisas.

3. Verbo Transitivo Direto e Indireto

São formados por dois complementos, onde um deles exige a preposição, e o outro, não exige, por exemplo:

Não existe nada entre eles.

Verbo Intransitivo

Diferente dos verbos transitivos, os intransitivos não exigem complemento pois apresentam um sentido completo, por exemplo:

Osvaldo saiu.

Leia também:

Exercícios de Vestibular com Gabarito

1. (UECE) “Ponha a mão na consciência”, se classifica como predicado:

a) verbal, com verbo transitivo direto.
b) verbo-nominal, com verbo transitivo direto.
c) verbal, com verbo transitivo direto e indireto.
d) verbo-nominal, com verbo transitivo direto e indireto.

Alternativa a: verbal, com verbo transitivo direto

2. (Mackenzie) “Há uma gota de sangue em cada poema.” Assinale a alternativa que contém uma observação correta sobre a sintaxe dessa frase.

a) sujeito: uma gota de sangue.
b) verbo intransitivo.
c) adjuntos adverbiais: uma e de sangue.
d) complemento nominal: em cada poema.
e) predicado verbal: toda a oração.

Alternativa e: predicado verbal: toda a oração

3. (UFU-MG) “O sol entra cada dia mais tarde, pálido, fraco, oblíquo.” “O sol brilhou um pouquinho pela manhã”. Pela ordem, os predicados das orações acima classificam-se como:

a) nominal e verbo-nominal.
b) verbal e nominal.
c) verbal e verbo-nominal.
d) verbo-nominal e nominal.
e) verbo-nominal e verbal.

Alternativa e: verbo-nominal e verbal

Daniela Diana
Daniela Diana
Licenciada em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) em 2008 e Bacharelada em Produção Cultural pela Universidade Federal Fluminense (UFF) em 2014. Amante das letras, artes e culturas, desde 2012 trabalha com produção e gestão de conteúdos on-line.