Predicativo do Objeto

Márcia Fernandes
Márcia Fernandes
Professora licenciada em Letras

O Predicativo do Objeto é o elemento que atribui uma característica ao objeto direto ou ao objeto indireto.

Ele ocorre quando o predicado é verbo-nominal e funciona como núcleo nominal do predicado.

Exemplos:

  1. O professor deixou João desconsolado.
  2. Acho as suas aulas fantásticas!
  3. Deixaram a casa bagunçada.

"Desconsolado, fantásticas, bagunçada" são predicativos do objeto, porque caracterizam os objetos (João, as suas aulas, -lhe).

O predicado verbo-nominal é o que apresenta dois núcleos (parte principal do predicado): um núcleo verbal, que contém um verbo, e outro núcleo nominal, que contém um nome, como um adjetivo ou um substantivo.

Nos exemplos, os núcleos dos predicados verbo-nominais são:

  1. O professor deixou João desconsolado. (núcleo verbal: deixou, núcleo nominal: desconsolado)
  2. Acho as suas aulas fantásticas! (núcleo verbal: acho, núcleo nominal: fantásticas)
  3. Deixaram a casa bagunçada. (núcleo verbal: deixaram, núcleo nominal: bagunçada)

Quase sempre o predicativo do objeto ocorre com o objeto direto. Isso quer dizer que, ainda que com muito menos frequência, é possível que o predicativo do objeto atribua uma característica a um objeto indireto.

Isso acontece apenas com o verbo chamar. Exemplo:

Chamaram-lhe mentiroso.
"Mentiroso" é o predicativo do objeto, porque caracteriza o objeto "-lhe" (Chamaram a ele). Os núcleos do predicado são: núcleo verbal - chamaram, núcleo nominal - mentiroso.

Exemplos de predicativo do objeto

  • Nós achamos as férias fantásticas.
  • Eles a encontraram perdida.
  • Consideraram os bolos deliciosos.
  • A notícia deixou a família feliz.
  • Encontramos os jovens radiantes.
  • O conselho elegeu-o administrador.
  • Avistei o rebanho saudável.
  • A situação deixou o homem perturbado.
  • Julgou o réu culpado.
  • Considerou a atitude ridícula.

Diferença entre predicativo do objeto e predicativo do sujeito

A diferença entre predicativo do objeto e predicativo do sujeito é que no predicativo do objeto a característica é atribuída ao objeto, enquanto no predicativo do sujeito a característica é atribuída ao sujeito.

Compare:

Os professores são ótimos.

A turma adorou os professores novos.

"Ótimos" está atribuindo uma característica ao sujeito (os professores). "Novos" está atribuindo uma característica ao objeto (os professores). Nesta oração, o sujeito é "a turma".

Diferença ente predicativo do objeto e adjunto adnominal

Às vezes, o predicativo do objeto é confundido com o adjunto adnominal.

Para afastar a dúvida, basta substituir o objeto direto por um pronome substantivo. Se nessa alteração a característica manter-se, estamos diante de predicativo.

Compare:

O namorado deixou Ana triste.

O namorado disse palavras tristes.

A primeira oração pode ser reescrita da seguinte forma: O namorado deixou-a triste. "Triste" está atribuindo uma característica ao objeto (Ana). Nesta oração, o sujeito é "o namorado".

A segunda oração pode ser reescrita da seguinte forma: O namorado disse-as. Não faz sentido dizer "O namorado disse-as tristes", por isso, como essa característica foi removida, "tristes" é adjunto adnominal.

Exercícios de predicativo do objeto

1. Indique o predicativo do objeto nas orações abaixo:

a) Consideraram a tarefa difícil.
b) Agora era a vez de Ana deixar o namorado ciumento.
c) O juiz considerou o réu culpado.
d) O chefe deixou os funcionários irritados.
e) Chamam os políticos de ladrões.

a) difícil, porque está atribuindo uma característica ao objeto (tarefa).
b) ciumento, porque está atribuindo uma característica ao objeto (o namorado).
c) culpado, porque está atribuindo uma característica ao objeto (o réu).
d) irritados, porque está atribuindo uma característica ao objeto (os funcionários).
e) ladrões, porque está atribuindo uma característica ao objeto (os políticos).

2. Indique as orações que contêm predicativo do objeto.

a) Estas são as peças quebradas.
b) Trouxe o material necessário.
c) O ônibus chega atrasado todos os dias.
d) O público considera o espetáculo excelente.
e) Chamou-lhe de ingrato e saiu porta afora.

Alternativa b), d) e e).

b) Trouxe o material necessário.
"Necessário" está atribuindo uma característica ao objeto (o material).

d) O público considera o espetáculo excelente.
"Excelente" está atribuindo uma característica ao objeto (o espetáculo).

e) Chamou-lhe de ingrato e saiu porta afora.
"Ingrato" é o predicativo do objeto, porque caracteriza o objeto "-lhe" (Chamou a ele).

Quanto às orações restantes:

a) Estas são as peças quebradas. ("quebradas" é predicativo do sujeito, porque está atribuindo uma característica ao sujeito (as peças).

c) O ônibus chega atrasado todos os dias. ("atrasado" é predicativo do sujeito, porque está atribuindo uma característica ao sujeito (o ônibus).

Leia também:

Márcia Fernandes
Márcia Fernandes
Professora, produtora e gestora de conteúdos on-line. Licenciada em Letras pela Universidade Católica de Santos (habilitação para Ensino Fundamental II e Ensino Médio) e formada no Curso de Magistério (habilitação para Educação Infantil e Ensino Fundamental I).