Reações Endotérmicas e Exotérmicas


Reações Endotérmicas e Exotérmicas são grandezas que medem a quantidade de calor (energia) absorvida e liberada durante as reações químicas. Elas são estudadas pela termoquímica.

Qual a diferença entre elas?

Reação Endotérmica é aquela em que há absorção de energia. Nesse processo, a energia é produzida e, de forma independente, é mantida.

As aves e os mamíferos têm a capacidade de manter a estabilidade da temperatura do corpo. Por esse motivo eles são chamados de animais endotérmicos, popularmente, “animais de sangue quente”.

Reação Exotérmica é aquela em que há liberação de energia. Nesse processo, a produção de energia somente persiste mediante o fornecimento contínuo de energia.

A mudança de estados físicos, nessa ordem: gasoso, líquido e sólido, é um exemplo de reação exotérmica. Cada um deles ocorre na medida em que a energia é liberada, ou seja, quando há menos calor.

Repare que ao invertemos essa ordem (sólido, líquido e gasoso), existe produção de energia (mais calor). Neste caso, a reação é endotérmica.

Exemplos do Cotidiano

A gordura corporal funciona como um combustível no nosso corpo. Aquela que não é queimada, é absorvida por ele. Como se trata de um processo de absorção, é um exemplo de reação endotérmica.

Ao colocar uma panela no fogo para preparar um alimento estamos, por sua vez, diante de um processo exotérmico. Isso porque o calor que é liberado transformará esse alimento para que ele seja consumido.

E o que é Entalpia?

Entalpia é a energia existente em todas as substâncias e que são alteradas em decorrência das reações endotérmicas e exotérmicas.

Como não é possível calcular a entalpia, foi estabelecido o cálculo da sua variação.

Assim, mediante a comparação da entalpia padrão (temperatura de 25º C sob a pressão atmosférica de 1atm), seria possível calcular a variação da entalpia.

De acordo com a Lei de Hess, a entalpia final menos a entalpia inicial (ΔH = Hf – Hi) resulta nesse dado.

Se a reação endotérmica absorve energia, isso quer dizer que a entalpia do reagente (final) é menor do que do produto (inicial). Logo, a variação da entalpia é positiva (ΔH > 0).

Por sua vez, se a reação exotérmica libera energia, isso quer dizer que a entalpia (energia) do reagente é maior do que a do produto. Logo, a variação da entalpia é negativa (ΔH < 0).

Leia também: