Relógio de Sol


O relógio de sol é um relógio que indica as horas conforme a projeção da luz solar, ou seja, é um dispositivo que não depende de trabalho mecânico.

A necessidade de medir o tempo incentivou a invenção de formas que servissem para que as pessoas pudessem se orientar temporalmente. Isso era importante para que elas soubessem, por exemplo, quais eram as épocas de plantio e colheitas.

Uma dessas primeiras formas de mediação é o relógio de sol, inventado há muitos anos. Depois dele, surgiram o relógio de água e o relógio de areia, os quais também são conhecidos respectivamente pelos nomes clepsidra e ampulheta.

Relógio de Sol

Os obeliscos, verdadeiras obras arquitetônicas, são os relógios de sol mais antigos do mundo. Construídos no Antigo Egito, o mais antigo data de 3500 a.C aproximadamente.

Os relógios solares mais simples são aqueles cujo mostrador é uma superfície plana. Há relógios com mostradores inclinados.

Ainda hoje podemos encontrar esse tipo de relógio antigo em jardins, proporcionando mais beleza a esses espaços públicos.

Como Funciona?

Os mostradores dos relógios são divididos por linhas, as quais correspondem às horas. Eles têm uma haste encaixada na vertical, que é uma espécie de ponteiro. Chama-se gnômon e é ele que faz sombra à medida que o Sol se move.

A sombra indica as horas. Importa referir que o relógio de sol não é tão preciso como um relógio convencional. Isso porque ele não tem escalas de minutos, de modo que mede somente as horas.

Para que funcione de forma adequada, é muito importante que a sua haste esteja alinhada com o eixo de rotação da Terra.

Além disso, é importante lembrar que, uma vez que se trata de um relógio solar, o seu funcionamento apenas pode ser verificado em um dia ensolarado.

Leia também: Fusos Horários e Movimento de Rotação.