Exercícios sobre Vanguardas Europeias

Laura Aidar

As vanguardas europeias foram um conjunto de expressões artísticas que despontaram dentro do movimento modernista Europeu, no início do século XX.

Esse é um tema bastante abordado em concursos, vestibulares e provas do Enem.

Por isso, selecionamos 10 questões que já caíram em exames a fim de que você teste seus conhecimentos acerca desse assunto tão importante dentro da História da Arte.

Vamos lá?

1. (Fuvest /2019)

navio de emigrantes lasar segall

Esta imagem é a reprodução de:

a) uma pintura impressionista, marcada por pinceladas soltas e pela temática da emigração americana para o continente europeu.
b) um mosaico cubista, caracterizado pelas formas geométricas que procuram salientar a esperança daqueles que se dirigem para terras estrangeiras.
c) uma pintura expressionista, que reforça o sofrimento dos que se deslocavam em um contexto de perseguições e intolerâncias.
d) um painel surrealista, que procurava destacar o subconsciente atormentado daqueles que deixavam seus locais de origem.
e) uma pintura futurista, influenciada pelas referências de modernização tecnológica características da primeira metade do século XX.

Alternativa correta: c) uma pintura expressionista, que reforça o sofrimento dos que se deslocavam em um contexto de perseguições e intolerâncias.

a) INCORRETA. A obra não possui características impressionistas, nem tampouco pinceladas soltas, como é possível observar.

b) INCORRETA. Não é possível observar a geometrização das formas na obra de Lasar Segall, portanto, não é uma composição cubista.

c) CORRETA. Lasar Segall se baseou no expressionismo para compor a tela, que retrata o sofrimento de pessoas em situação de deslocamento de seu país de origem.

d) INCORRETA. Não é possível afirmar que a obra de Segall destacasse o subconsciente das pessoas, tampouco que tinha influência surrealista.

e) INCORRETA. Apesar de o movimento futurista ter, de fato, se baseado em referências à modernização tecnológica, não há características dessa vertente na tela.

2. (Unifesp/2018)

O Surrealismo buscou a comunicação com o irracional e o ilógico, deliberadamente desorientando e reorientando a consciência por meio do inconsciente.
Fiona Bradley. Surrealismo, 2001

Verifica-se a influência do Surrealismo nos seguintes versos:

a) Um gatinho faz pipi.
Com gestos de garçom de restaurant-Palace
Encobre cuidadosamente a mijadinha.
Sai vibrando com elegância a patinha direita:
– É a única criatura fina na pensãozinha burguesa.

(Manuel Bandeira, “Pensão familiar”.)

b) A igreja era grande e pobre. Os altares, humildes.
Havia poucas flores. Eram flores de horta.
Sob a luz fraca, na sombra esculpida
(quais as imagens e quais os fiéis?)
ficávamos.

(Carlos Drummond de Andrade, “Evocação Mariana”.)

c) Nunca me esquecerei desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas.
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
no meio do caminho tinha uma pedra.

(Carlos Drummond de Andrade, “No meio do caminho”.)

d) E nas bicicletas que eram poemas
chegavam meus amigos alucinados.
Sentados em desordem aparente,
ei-los a engolir regularmente seus relógios
enquanto o hierofante armado cavaleiro
movia inutilmente seu único braço.

(João Cabral de Melo Neto, “Dentro da perda da memória”.)

e) – Desde que estou retirando
só a morte vejo ativa,
só a morte deparei
e às vezes até festiva;
só morte tem encontrado
quem pensava encontrar vida,
e o pouco que não foi morte
foi de vida severina.

(João Cabral de Melo Neto, “Morte e vida severina”.)

Alternativa correta:

d) E nas bicicletas que eram poemas
chegavam meus amigos alucinados.
Sentados em desordem aparente,
ei-los a engolir regularmente seus relógios
enquanto o hierofante armado cavaleiro
movia inutilmente seu único braço.

(João Cabral de Melo Neto, “Dentro da perda da memória”.)

a) INCORRETA. O poema de Manuel Bandeira não possui influência surrealista, pois descreve uma cena comum - e não ilógica - de um animal urinando, ao passo que faz um paralelo com a "elegância burguesa".

b) INCORRETA. O poema de Drummond faz referência a uma imagem de pessoas em uma missa católica e não traz elementos irracionais, como no surrealismo.

c) INCORRETA. O poema "No meio do caminho", de Carlos Drummond, nos apresenta uma cena de uma pessoa caminhando que se depara com uma pedra no meio e seu trajeto. O assunto do poema, trivial e sem características irracionais, serve como uma metáfora para falar sobre os obstáculos da vida.

d) CORRETA. Nesse poema, João Cabral de Melo Neto se utiliza de recursos ilógicos típicos dos surrealistas, quando descreve "bicicletas que eram poemas" e o ato de "engolir relógios", afinal, não há como transformar bicicletas em poemas ou engolir relógios.

e) INCORRETA. Em Morte e vida severina, o poeta descreve a dureza da vida do sertanejo e não apresenta elementos irracionais ou sem lógica.

3. (Enem/2010)

Após estudar na Europa, Anita Malfatti retornou ao Brasil com uma mostra que abalou a cultura nacional do início do século XX. Elogiada por seus mestres na Europa, Anita se considerava pronta para mostrar seu trabalho no Brasil, mas enfrentou as duras críticas de Monteiro Lobato. Com a intenção de criar uma arte que valorizasse a cultura brasileira, Anita Malfatti e outros artistas modernistas:

a) buscaram libertar a arte brasileira das normas acadêmicas europeias, valorizando as cores, a originalidade e os temas nacionais.
b) defenderam a liberdade limitada de uso da cor, até então utilizada de forma irrestrita, afetando a criação artística nacional.
c) representavam a ideia de que a arte deveria copiar fielmente a natureza, tendo como finalidade a prática educativa.
d) mantiveram de forma fiel a realidade nas figuras retratadas, defendendo uma liberdade artística ligada à tradição acadêmica.
e) buscaram a liberdade na composição de suas figuras, respeitando limites de temas abordados.

Alternativa correta: a) buscaram libertar a arte brasileira das normas acadêmicas europeias, valorizando as cores, a originalidade e os temas nacionais.

a) CORRETA. Os artistas modernistas tinham como intenção quebrar tradições da arte acadêmica europeia. Entretanto, se baseavam nos movimentos artísticos pioneiros que ocorriam na Europa - as vanguardas - e buscavam produzir uma arte com influência dessas correntes, mas exaltando a cultura nacional.

b) INCORRETA. Os modernistas não se opunham à liberdade cromática, pelo contrário, eles utilizavam as cores de forma muitas vezes arbitrária e irrestrita.

c) INCORRETA. O movimento modernista representava figuras e objetos muitas vezes de maneira diferente do real e não tinham compromisso com a cópia fiel da realidade.

d) INCORRETA. Pelo contrário, os artistas modernos não tinham compromisso com a representação fiel da realidade e buscavam quebrar as normas acadêmicas.

e) INCORRETA. Em realidade, os modernistas buscavam, às vezes, extrapolar os temas, limites, cores e representações em suas obras.

4. (Enem/2011)

Guernica de Picasso

PICASSO, P. Guernica . Óleo sobre tela. 349 × 777 cm. Museu Reina Sofia, Espanha, 1937.

O pintor espanhol Pablo Picasso (1881-1973), um dos mais valorizados no mundo artístico, tanto em termos financeiros quanto históricos, criou a obra Guernica em protesto ao ataque aéreo à pequena cidade basca de mesmo nome. A obra, feita para integrar o Salão Internacional de Artes Plásticas de Paris, percorreu toda a Europa, chegando aos EUA e instalando-se no MoMA, de onde sairia apenas em 1981. Essa obra cubista apresenta elementos plásticos identificados pelo:

a) painel ideográfico, monocromático, que enfoca várias dimensões de um evento, renunciando à realidade, colocando-se em plano frontal ao espectador.

b) horror da guerra de forma fotográfica, com o uso da perspectiva clássica, envolvendo o espectador nesse exemplo brutal de crueldade do ser humano.

c) uso das formas geométricas no mesmo plano, sem emoção e expressão, despreocupado com o volume, a perspectiva e a sensação escultórica.

d) esfacelamento dos objetos abordados na mesma narrativa, minimizando a dor humana a serviço da objetividade, observada pelo uso do claro-escuro.

e) uso de vários ícones que representam personagens fragmentados bidimensionalmente, de forma fotográfica livre de sentimentalismo.

Alternativa correta: a) painel ideográfico, monocromático, que enfoca várias dimensões de um evento, renunciando à realidade, colocando-se em plano frontal ao espectador.

a) CORRETA. A enorme obra exibe diversas cenas retratando o horror do massacre em um mesmo plano (recurso muito utilizado pelo cubismo), usa ainda apenas tons de cinza (monocromática) e coloca a cena como se acontecesse de frente para o expectador.

b) INCORRETA. O painel não é realizado de forma "fotográfica", nem tampouco usa a perspectiva clássica, pelo contrário, o artista subverte a perspectiva por meio de elementos cubistas.

c) INCORRETA. Apesar de utilizar formas geométricas, o artista não exibe a cena "sem emoção e expressão". Longe disso, Picasso até "exagera" na expressividade e, com sucesso, realiza uma obra tocante sobre os horrores da guerra.

d) INCORRETA. O artista não prioriza a objetividade, da mesma forma que busca exaltar o sofrimento humano, e não minimizar a dor provocada pelos massacres.

e) INCORRETA. A tela não representa as figuras fotograficamente, muito menos livres de sentimentalismo.

5. (ESPM/2015)

O autor foi o criador do Ready-made, termo criado para designar um tipo de objeto, por ele inventado, que consiste em um ou mais artigos de uso cotidiano, produzidos em massa, selecionados sem critério estético e expostos como obras de arte em espaços especializados como museus e galerias. Ao transformar qualquer objeto em obra de arte, o artista realiza uma crítica radical ao sistema da arte.

Assinale a alternativa que mencione respectivamente o nome do artista responsável pelos trabalhos apresentados na questão e o movimento artístico que adotava os procedimentos expostos no enunciado, levando muitos a exclamarem: “Isso não é arte!”
Fonte: Carol Strickland. Arte Comentada.

a) Marcel Duchamp – Dadaísmo
b) Georges Braque – Expressionismo;
c) Alberto Giacometti – Surrealismo;
d) Henri Moore – Surrealismo;
e) Franz Arp – Dadaísmo.

Alternativa correta: a) Marcel Duchamp - Dadaísmo

a) CORRETA. Marcel Duchamp (1887-1968) revolucionou o conceito de arte ao criar os ready-mades, objetos industrializados já produzidos. O artista foi um grande expoente do dadaísmo.

b) INCORRETA. George Braque (1882-1963) foi um artista que, juntamente com Picasso, criou o cubismo.

c) INCORRETA. Um dos artistas que se dedicaram à escultura expressionista foi Alberto Giacometti (1901-1966).

d) INCORRETA. Henry Moore (1898-1986) foi escultor e desenhista inglês que desenvolveu seus trabalhos se baseando também no movimento abstrato.

e) INCORRETA. Franz Arp (1886-1966) também foi um escultor abstrato.

6. (UFPE/2008)

As artes, com suas vanguardas e seus desafios estatísticos, ganharam espaços históricos no mundo capitalista. Picasso, Van Gogh, Salvador Dali, Miró e tantos outros pertencentes a essas vanguardas:

a) mantiveram as tradições culturais do Ocidente, reafirmando o valor da estética do classicismo.
b) romperam com modelos acadêmicos da época, mudando as regras no mercado das artes.
c) foram muito bem aceitos pelos críticos europeus da época, sendo exaltados pelas suas ousadias.
d) conseguiram espaço imediato nos grandes museus, tendo uma aceitação popular indiscutível e surpreendente.
e) renovaram a forma de fazer arte no Ocidente, mas ficaram restritos ao mundo acadêmico e intelectual do século XX.

Alternativa correta: b) romperam com modelos acadêmicos da época, mudando as regras no mercado das artes.

a) INCORRETA. Os artistas citados buscaram quebrar as regras e tradições que regiam as artes no período em que viveram.

b) CORRETA. Picasso, Van Gogh, Salvador Dali e Miró são alguns dos artistas que revolucionaram a arte e trouxeram inovações importantes na maneira de produzir e apreciar obras, muito diferente do que vinha sendo feito até então. Dessa forma, impactaram também o mercado de arte.

c) INCORRETA. Na época em que viveram, tais artistas (alguns mais, outros menos) tiveram desafios e enfrentaram resistência no que se refere à compreensão de suas obras por parte dos críticos e do público em geral.

d) INCORRETA. Assim como foi falado na alternativa c, a arte produzida pelos artistas das vanguardas modernistas não foi imediatamente aceita.

e) INCORRETA. Sim, os artistas modernistas renovaram a arte, mas ao contrário do que a resposta traz, eles não ficaram restrito ao mundo acadêmico, pois eles iam contra as regras academicistas.

7. (UPE/2014)

Observe a imagem a seguir:

expressionismo

Ela retrata uma das mais destacadas produções do expressionismo alemão nas primeiras décadas do século XX. Sobre esse movimento artístico, NÃO é correto afirmar que

a) ele foi um movimento de vanguarda surgido na primeira década do século XX.
b) teve como principal influência o movimento operário, tomando como base o cinema soviético de David W. Griffith.
c) se manifestou basicamente na pintura, na literatura e no teatro.
d) no cinema, suas principais preocupações foram o indivíduo, suas inquietações pessoais e o drama de uma sociedade devastada pela guerra.
e) suas mais destacadas produções no cinema foram o Gabinete do Dr Caligari, Nosferatu e Metrópolis.

Alternativa correta: b) teve como principal influência o movimento operário, tomando como base o cinema soviético de David W. Griffith.

a) INCORRETA. Sim, o expressionismo foi um movimento surgido no início do séc XX, assim como as demais vanguardas europeias.

b) CORRETA. O expressionismo não se baseou no movimento operário e tampouco no cinema soviético.

c) INCORRETA. Sim, teve destaque o teatro, a pintura e a literatura dentro do movimento expressionista.

d) INCORRETA. O expressionismo buscava aprofundar os sentimentos e anseios humanos, exibindo em suas obras os dramas individuais e ao mesmo tempo retratando um sentimento coletivo de desemparo no pós-guerra.

e) INCORRETA. Sim, é correto afirmar que os filmes Gabinete do Dr Caligari, Nosferatu e Metrópolis foram produções cinematográficas de destaque no expressionismo.

8. (Enem/2016)

les demoiselles d'avignon

A obra Les demoiselles d’Avignon, do pintor espanhol Pablo Picasso, é um dos marcos iniciais do movimento cubista. Essa obra filia-se também ao Primitivismo, uma vez que sua composição recorre à manifestação cultural de um determinado grupo étnico, que se caracteriza por:

a) produção de máscaras ritualísticas africanas.
b) rituais de fertilidade das comunidades celtas.
c) festas profanas dos povos mediterrâneos.
d) culto à nudez de populações aborígenes.
e) danças ciganas do sul da Espanha.

Alternativa correta: a) produção de máscaras ritualísticas africanas.

a) CORRETA. Pablo Picasso se inspirou, entre outras coisas, na arte de tribos africanas para produzir obras cubistas.

b) INCORRETA. Os rituais de fertilidade celtas não serviram de inspiração para a produção cubista.

c) INCORRETA. A obra Les Demoiselles d'Avignon não foi inspirada em festas dos povos mediterrâneos.

d) INCORRETA. Picasso não buscou referências em populações aborígenes para criar o cubismo.

e) INCORRETA. Apesar de Pablo Picasso ter nascido no sul da Espanha e lá haver, de fato, intensa cultura cigana, o artista não se inspirou nessas manifestações para criar o quadro referido e nem o cubismo.

9. (UFG/2008)

Observe e compare as duas imagens:

A meninas

Os quadros tratam do mesmo tema, embora pertençam a dois momentos distintos da história da arte. O confronto entre as imagens revela um traço fundamental da pintura moderna, que se caracteriza pela:

a) tentativa de compor o espaço pictórico com base nas figuras naturais.
b) ruptura com o princípio de imitação característico das artes visuais no Ocidente.
c) continuidade da preocupação com a nitidez das figuras representadas
d) secularização dos temas e dos objetos figurados com base na assimilação de técnicas do Oriente.
e) busca em fundar a representação na evidência dos objetos.

Alternativa correta: b) ruptura com o princípio de imitação característico das artes visuais no Ocidente.

a) INCORRETA. O modernismo não buscava retratar "figuras naturais", mas sim romper com os modelos impostos na maneira de representação das coisas.

b) CORRETA. Exatamente, as vanguardas modernistas tinham como intuito o rompimento com a noção de representação fiel das figuras.

c) INCORRETA. Pelo contrário, os artistas modernos buscavam romper com a nitidez e realismo das figuras exibidas nas obras até então.

d) INCORRETA. O modernismo buscava trazer inovações no que diz respeito aos temas e maneiras de produzir arte, e não se basearam em técnicas orientais.

e) INCORRETA. A busca dos modernistas era pela criatividade e quebra de padrões.

10. (Enem/2011)

soldados jogando cartas Enem

As vanguardas europeias não devem ser vistas isoladamente, uma vez que elas apresentam alguns conceitos estéticos e visuais que se aproximam. Com base nos conceitos vanguardistas, entre eles o de exploração de formas geometrizadas do Cubismo, no início do século XX, o quadro Soldados jogando cartas explora uma:

a) uniformidade de tons como crítica à industrialização.
b) mecanização do homem expressa por formas tubulares.
c) aproximação impossível entre máquina e homem
d) imagem plana para expressar a industrialização.
e) abordagem sentimentalista do homem.

Alternativa correta: b) mecanização do homem expressa por formas tubulares.

a) INCORRETA. A uniformidade cromática não necessariamente faz uma crítica à industrialização, como fato, não é o que ocorre na obra.

b) CORRETA. Fernand Léger foi um artista cubista que utilizou bastante as formas tubulares em suas representações. Nessa obra, ele faz uma alusão à mecanização dos homens, transformados em máquinas, mas ainda assim exercendo uma atividade humana.

c) INCORRETA. Pelo contrário, a obra apresenta uma aproximação possível dos homens e das máquinas, quando converte ações humanas em ações robóticas.

d) INCORRETA. A imagem expressa mais do que a industrialização em si, apresenta, sobretudo, uma aproximação entre o homem e a máquina.

e) INCORRETA. O homem não é abordado de forma sentimental na obra, e sim de forma objetiva e robotizada.

Leia também sobre o Fauvismo e o Futurismo, outros movimentos artísticos das vanguardas que não foram abordados nos exercícios.

Se você está estudando para o Enem, deve ler esses textos que preparamos para te ajudar!

Quiz da História da Arte

Vanguardas Europeias: mapa mental

Elaboramos para você um mapa mental sobre as vanguardas europeias. Aproveite!

mapa mental das vanguardas europeias

Laura Aidar
Laura Aidar
Licenciada em Educação Artística pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) em 2007. Formada em Fotografia pela Escola Panamericana de Arte e Design de São Paulo (2010).