Levigação, Ventilação e Peneiração

Lana Magalhães

A levigação, peneiração e ventilação são métodos de separação de misturas heterogêneas.

Através da levigação e ventilação é possível separar a substância mais densa da menos densa. Na peneiração, por sua vez, os grãos maiores das substâncias são separados dos grãos menores.

As diferenças de densidade determinam a utilização do processo de levigação e da ventilação. A granulometria (tamanho dos grãos), por sua vez, garante a eficácia do processo de peneiração.

Levigação

Processo de levigação para extração de ouro
A levigação é utilizada para separar o ouro de outros sólidos

O processo da levigação se resume em passar a mistura por água.

O objetivo é manter a substância mais densa no fundo de um recipiente, ao mesmo tempo que a substância menos densa é levada pela água.

A levigação é utilizada para separar misturas sólidas (sólido + sólido).

Esse processo é utilizado por garimpeiros para separar o ouro ou outros metais preciosos da areia e das pedras.

O ouro, cuja densidade é maior, é extraído do meio da areia e de outras partículas que o acompanham. O material que não for de interesse é separado e eliminado.

A churragem é o mesmo processo, mas usa mercúrio em vez de água. Porém, o método é altamente prejudicial ao ambiente, uma vez que esse líquido é um elemento químico tóxico.

Ventilação

Ventilação
A ventilação é usada para separar grãos e suas cascas

No processo de ventilação a mistura é submetida a uma corrente de ar. Assim, o componente menos denso da mistura é levado pelo vento.

É um método de separação de misturas heterogêneas entre sólidos.

A principal utilidade dada à ventilação é na separação de grãos da sua casca ou de outras impurezas.

Por exemplo, os criadores de passarinhos utilizam esse método para limpar a gaiola. Os passarinhos comem sementes e deixam as suas cascas espalhadas. Soprar a gaiola é uma maneira eficaz de limpar esses restos.

Esse é o método utilizado nas indústrias de grãos para promover o beneficiamento dos seus produtos.

Por muito tempo foi feito manualmente através de peneiras em que os grãos eram colocados.

O utensílio era manuseado por alguém que assoprava o seu conteúdo e mexia-o para frente e para trás, para cima e para baixo. Todos esses movimentos faziam com que a corrente de ar levasse as impurezas e separasse o conteúdo desejado.

Depois, foram criadas as máquinas de ventilador e outros métodos passaram a ser utilizados.

Além da densidade, há outros aspectos importantes, como as dimensões, que devem ser observados para que os grãos apresentem os padrões comerciais exigidos.

Peneiração ou Tamisação

Tamisação
A tamisação pode separar os sólidos conforme o tamanho de suas partículas

A peneiração ou tamisação consiste em peneirar as substâncias para separar os componentes sólidos. A mais grossa fica retida na peneira à medida que a mais fina passa pelos furinhos do utensílio.

Em laboratórios ou indústrias são utilizadas tamises, um conjunto de peneiras com diferentes malhas para separar diversos tamanhos de granulações.

A peneiração é utilizada para separar substâncias sólidas de outras substâncias sólidas (sólido + sólido).

Um exemplo de separação de substâncias sólidas é a peneiração da areia pelos pedreiros com o intuito de separar a areia grossa da fina. A areia fina é usada nos acabamentos de uma construção.

Saiba mais, leia também:

Lana Magalhães
Lana Magalhães
Licenciada em Ciências Biológicas (2010) e Mestre em Biotecnologia e Recursos Naturais pela Universidade do Estado do Amazonas/UEA (2015). Doutoranda em Biodiversidade e Biotecnologia pela UEA.