Sistema Nervoso Central

Lana Magalhães

O Sistema Nervoso Central (SNC) é responsável por receber e transmitir informações para todo o organismo. Podemos defini-lo com a central de comando que coordena as atividades do corpo.

O Sistema Nervoso apresenta diversas divisões. Anatomicamente, é dividido em:

  • Sistema Nervoso Central (SNC): encéfalo e medula espinhal;
  • Sistema Nervoso Periférico (SNP): nervos e gânglios nervosos que conectam o SNC aos órgãos do corpo.

Anatomia do Sistema Nervoso Central

O Sistema Nervoso Central é formado pelo encéfalo e medula espinhal. Podemos dizer que ele localiza-se dentro do esqueleto axial, mesmo que alguns nervos penetrem no crânio ou na coluna vertebral.

O Sistema Nervoso Central é protegido por partes ósseas. O encéfalo é resguardado pelo crânio e a medula espinhal pela coluna vertebral.

Anatomia do Sistema Nervoso Central

Anatomia do Sistema Nervoso Central

Encéfalo

O encéfalo é formado pelo cérebro, cerebelo e tronco encefálico. Ele possui em torno de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg.

Cérebro

O cérebro é a porção mais maciça e o principal órgão do Sistema Nervoso. Ele é responsável por comandar ações motoras, estímulos sensoriais e atividades neurológicas como a memória, a aprendizagem, o pensamento e a fala.

Ele é formado por duas metades, os hemisférios direito e esquerdo, separados por uma fissura longitudinal. Os dois hemisférios compreendem o telencéfalo.

Eles trabalham em conjunto, porém, existem algumas funções específicas para cada um dos hemisférios. O hemisfério direito controla o lado esquerdo do corpo e o hemisfério esquerdo controla o lado direito.

O fluxo sanguíneo no cérebro é bastante elevado, superado apenas pelos rins e coração.

Cerebelo

O cerebelo ou metencéfalo representa 10% do volume do encéfalo. Ele é relacionado com a manutenção do equilíbrio corporal, controle do tônus muscular e aprendizagem motora.

Assim, como ocorre no cérebro, o cerebelo possui dois hemisférios separados por uma faixa estreita, o vérmis.

Tronco Encefálico

O tronco encefálico é constituído pelo mesencéfalo, ponte e bulbo.

O mesencéfalo é a menor parte do tronco encefálico, localiza-se entre a ponte e o cérebro. A ponte localiza-se entre o mesencéfalo e o bulbo. No bulbo, a parte inferior liga-se a medula espinhal e a superior com a ponte.

Leia também sobre os Nervos Cranianos.

Medula Espinhal

A medula espinhal é a parte mais alongada do sistema nervoso central. É caracterizada por um cordão cilíndrico, composto de células nervosas, localizado no canal interno das vértebras da coluna vertebral.

A função da medula espinhal é estabelecer a comunicação entre o corpo e o sistema nervoso. Ela também coordena os reflexos, ocasiões em que o corpo necessita de uma resposta rápida.

É a partir da medula espinhal que originam-se os 31 pares de nervos espinhais. Eles conectam a medula espinhal as células sensoriais e diversos músculos pelo corpo.

Aprenda mais sobre o Sistema Nervoso.

Meninges

Todo o Sistema Nervoso Central é revestido por três membranas que o isolam e protegem, as meninges.

As meninges são:

  • Dura-máter: É a mais externa, sendo espessa e resistente. Formada por tecido conjuntivo rico em fibras colágenas. A sua porção mais externa fica em contato com os ossos.
  • Aracnoide: É a membrana intermediária, entre a dura-máter e a pia-máter. Sua estrutura parece uma teia de aranha, por isso o seu nome.
  • Pia-máter: É a mais interna e delicada, em contato direto com o SNC.

A aracnoide e a pia-máter são separadas pelo líquido cefalorraquidiano ou liquor. Ele confere proteção mecânica e amortecimento de choques aos órgãos do Sistema Nervoso Central. Ainda oferece nutrientes ao cérebro.

Saiba também sobre a Meningite e Epilepsia.

Aprenda ainda mais, leia sobre o Sistema Nervoso Periférico.

Lana Magalhães
Lana Magalhães
Licenciada em Ciências Biológicas (2010) e Mestre em Biotecnologia e Recursos Naturais pela Universidade do Estado do Amazonas/UEA (2015). Doutoranda em Biodiversidade e Biotecnologia pela UEA.