Vírgula antes do mas

Carla Muniz

O posicionamento da vírgula em relação ao vocábulo “mas” está diretamente relacionado com a função que ele exerce na frase.

A vírgula precede o "mas" quando ele indica oposição de ideias ou adição. No entanto, ela é utilizada depois do "mas" quando ele introduz orações intercaladas.

Exemplos:

  • Queria telefonar para o meu namorado, mas já está tarde.
  • Ele não viajou, mas também não ficou em casa.
  • Mas, de acordo com Marina, o porteiro tentou pedir ajuda.

Confira as explicações abaixo e saiba quando o uso da vírgula antes do “mas” é obrigatório, quando ele é facultativo e quando o "mas" não pode ser precedido de vírgula.

Oposição de ideias: uso obrigatório da vírgula antes do "mas"

Sempre que o “mas” é utilizado como indicativo de oposição de ideias, ele deve ser precedido de vírgula.

Exemplos:

  • Adoraria viajar para o exterior, mas não tenho dinheiro para isso.
  • O sonho de Paula é ser aeromoça, mas ela não fala outros idiomas.
  • Havia poucos alunos na sala, mas todos estavam extremamente atentos.
  • Eles estudam na melhor escola da região, mas não são alunos dedicados.
  • Gostaria de praticar nado sincronizado, mas não sei nadar.

Quando utilizado para indicar oposição, o "mas" é classificado como conjunção adversativa.

As conjunções adversativas são responsáveis por estabelecer uma ideia de oposição, contraste, ressalva ou compensação entre dois termos de uma mesma oração ou entre orações.

Outros exemplos de conjunções adversativas: contudo, entretanto, no entanto, porém, todavia, etc.

Para saber mais sobre as conjunções adversativas, veja também: Conjunções adversativas.

Ideia de adição: uso facultativo da vírgula antes do “mas”

Quando o “mas“ indica ideia de adição, o uso da vírgula é opcional.

Isso ocorre sempre que ele é usado em estruturas que tenham uma conotação de acréscimo, de adição, de valor aditivo, como é o caso de “mas também”.

Exemplos:

  • Ele não só lavou a louça, mas também estendeu a roupa no varal. ou Ele não só lavou a louça mas também estendeu a roupa no varal
  • A maioria prefere o verão, mas também há quem goste do inverno. ou A maioria prefere o verão mas também há quem goste do inverno.
  • Eles são parecidíssimos com o pai, mas também herdaram muitas características da mãe. ou Eles são parecidíssimos com o pai mas também herdaram muitas características da mãe.
  • Ela é inteligente, mas também um pouco preguiçosa. ou Ela é inteligente mas também um pouco preguiçosa.
  • A explicação foi não só clara, mas também completa. ou A explicação foi não só clara mas também completa.

Orações intercaladas: uso da vírgula depois do “mas”

Quando o "mas" é utilizado em início de frase para intercalar e ligar diferentes orações, a oração que vem depois dele deve ser delimitada por vírgulas.

Exemplos:

  • Mas, como eu já tinha dito, isso já era de se esperar.
  • Mas, segundo ele, o diretor já estava ciente do caso.
  • Mas, respondeu a professora, ele sempre foi um ótimo aluno.
  • Mas, apesar de tudo o que ela fez, ele não guarda ressentimentos daquela época.
  • Mas, disse ela, não foi possível esperar por eles.

Exercícios sobre o uso da vírgula com o "mas"

1. Assinale a alternativa correta no que diz respeito ao uso da vírgula.

a) Mas, ele disse que chegaria atrasado.
b) Estava muito cansada, mas, decidi ir.
c) Ela não só me ajudou financeiramente, mas também psicologicamente.
d) Ele queria viajar mas não tinha dinheiro.

Alternativa correta: c) Ela não só me ajudou financeiramente, mas também psicologicamente.

a) ERRADA. Quando o "mas" ocorre em início de frase, ele só é seguido de vírgula ao ser é usado para intercalar orações.

b) ERRADA. Não se usa vírgula antes e depois do "mas" simultaneamente, ou seja, não se usa "mas" entre vírgulas.

c) CORRETA. O "mas" da frase é uma conjunção adversativa e, por isso, indica ideias opostas entre as orações. Quando exerce essa função, ele deve ser precedido de vírgula.

d) ERRADA. A frase possui duas orações que expressam ideias opostas. Nesse caso, o "mas" é uma conjunção adversativa e, por isso, deve ser precedido de vírgula.

2. Observe as frases abaixo e assinale a opção onde a vírgula deve, obrigatoriamente, ser usada.

a) Trouxemos um bolo, mas esquecemos da faca para cortá-lo.
b) Ele disse que queria vir, mas também não deu nenhuma confirmação.
c) Não gosto dele, mas, vou comparecer ao evento.
d) Mas, a entrega foi feita?

Alternativa correta: a) Trouxemos um bolo, mas esquecemos da faca para cortá-lo.

a) CORRETA. Quando o "mas" indica a existência de ideias opostas, ele é uma conjunção adversativa. Sempre que isso ocorre, o uso da vírgula antes do "mas" é obrigatório.

b) ERRADA. "mas também" possui um valor aditivo, ou seja, está indicando adição. Quando isso ocorre, o uso da vírgula antes de "mas" é facultativo.

c) ERRADA. Não se usa vírgula antes e depois do "mas" simultaneamente, ou seja, não se usa "mas" entre vírgulas.

d) ERRADA. O "mas" utilizado em início de frase só deve ser seguido de vírgula quando intercala orações.

3. Observe as frases abaixo e assinale a opção onde o uso da vírgula é opcional.

a) Queria ir ao show, mas não tenho dinheiro para o ingresso.
b) Mas, disse ela, de qualquer maneira o pai estava errado.
c) Eles pagaram não só as bebidas da festa, mas também os salgados.
d) Fui ao trabalho de Natália, mas ela já havia saído.

Alternativa correta: c) Eles pagaram não só as bebidas da festa, mas também os salgados.

a) ERRADA. O uso da vírgula é obrigatório, pois o "mas" dessa frase é uma conjunção adversativa, ou seja, indica ideias opostas.

b) ERRADA. Na frase dessa alternativa o uso do "mas" é obrigatório, pois ele é usado em início de frase, intercalando orações.

c) CORRETA. Quando o "mas" tem um valor aditivo, ou seja, indica adição, o uso da vírgula antes dele é opcional.

d) ERRADA. Na alternativa d), o "mas" é uma conjunção adversativa. Por esse motivo, o uso da vírgula é obrigatório.

4. Observe as frases abaixo e assinale a opção onde a vírgula não deve ser utilizada.

a) Mas, segundo ele, João ainda gostava dela.
b) Estudei não só inglês e espanhol, mas também italiano.
c) Mas, não foi isso que eu disse.
d) Ia fazer um bolo, mas não tenho todos os ingredientes.

Alternativa correta: c) Mas, não foi isso que eu disse.

a) ERRADA. O uso da vírgula é obrigatório nessa alternativa, pois o "mas" é usado no início da frase e tem a função de intercalar orações.

b) ERRADA. O "mas" dessa frase é uma conjunção adversativa. Isso faz com que o uso da vírgula seja obrigatório.

c) CORRETA. Só se utiliza vírgula depois do "mas" em início de frase quando ele é usado para intercalar orações.

d) ERRADA. O uso da vírgula é obrigatório na frase da alternativa d), pois o "mas" tem a função de conjunção adversativa.

Complemente os seus estudos através da consulta aos seguintes textos:

Carla Muniz
Carla Muniz
Professora, lexicógrafa, tradutora, produtora de conteúdos e revisora. Licenciada em Letras (Português, Inglês e Literaturas) pelas Faculdades Integradas Simonsen, em 2002.