Acróstico

Márcia Fernandes

Acróstico é uma composição escrita feita a partir das letras iniciais de palavras isoladas ou localizadas no início ou no interior de frases e de versos.

A partir dos acrósticos, que são lidos em sentido vertical, são formadas palavras ou frases. Eles refletem uma preocupação com a forma do discurso, motivo pelo qual são um dos recursos utilizados na função poética.

Tipos de Acrósticos

Há vários tipos de acrósticos. O mais comum deles é aquele formado a partir das letras iniciais das frases.

AcrósticoAcróstico de Amizade

Além desse, existem os seguintes tipos:

Alfabético - quando cada frase da composição inicia sucessivamente com uma letra do alfabeto.

Dia a Dia

Assim começa o meu dia,
Bocejo, levanto, tomo café.
Como num déjà vu, repetição.
Devagar prossigo minha luta.
Encontrando obstáculos,
Fugindo de tarefas inglórias.
Ganhando o pão nosso de cada dia.
Hoje é dia de recomeço. Interminável!
Introduzo força de vontade pra prosseguir,
Jamais desisto, insisto, luto, resisto.
Karaokê pra espantar os males,
Lembranças, da vida que um dia planejei.
Momentos importantes, instantes.
Nunca esquecidos, guardados.
Oriundos de minhas fraquezas,
Porque preciso de relembranças
Quando se aproxima a depressão.
Rompo barreiras intransponíveis.
Sabendo que eu mesmo, as criei.
Tomo cachaça pra aquecer meu corpo,
Unto meus lábios aos seus,
Vamos pra nosso ninho de amor,
Watts de energia em nossos corpos.
Xampu em seus cabelos, cheiro de flor.
Yôga você faz depois de horas me amando.
Zelo por mim, e no final de tudo me chama de amor.

(Allan Ribeiro Fraga)

Mesóstico - quando as letras que o compõem estão localizadas no meio das frases.

AcrósticoAcróstico de Amor

AcrósticoAcróstico de Família

Exemplos a partir de Nome Próprio

É muito comum utilizar o acróstico em homenagens. Assim, a partir do nome próprio de alguém são descritas as qualidades ou o significado que o homenageado tem para o autor da composição ou por quem quer homenageá-la.

Dra. Zilda Arns Neumann

De pessoas como ela o nosso mundo está precisando
Realmente algumas personalidades têm um dom especial
Ame ao seu próximo nosso Pai amado está avisando

Zilda Arns cumpriu a sua jornada aqui na nossa terra
Infelizmente sua morte trágica causou muita comoção
Lutou como soldado valente que enfrenta uma guerra
Descanse em paz é o nosso desejo com forte emoção
A sua gloriosa caminhada entre nós com vitória encerra

A sua luta pelos necessitados serve como exemplo
Reconheçamos que esta mulher não morreu a esmo
No seu semblante sorridente muita paz eu contemplo
Sem dúvidas ela amou ao próximo como a si mesmo

(Forquilhinha, Santa Catarina - Brasil, 25 de agosto de 1934 — Porto Príncipe, 12 de janeiro de 2010)

O acróstico foi um recurso utilizado na literatura de cordel. Mas sua origem remonta à antiguidade quando os monges gregos o utilizaram pela primeira vez. O objetivo era registrar o nome dos seus autores. Assim, geralmente surgem na última estrofe:

Leandro

Leitor não levantei falso
Escrevi o que se deu,
Aquelle grande sucesso
Na Bahia aconteceu,
Da forma que o velho cão,
Rolou morto sobre o chão
Onde o seu senhor morreu.

(Última estrofe de "O cachorro dos mortos”)

Como se Faz?

Além de uma homenagem, o acróstico pode ser uma forma criativa de apresentar o conceito de algo:

Positivismo

Principais idealizadores: Comte e Mill
Oposição à Idade Média
Surgiu como desenvolvimento sociológico do Iluminismo
Interpretação das Ciências associadas ao conhecimento da ética
Teoria só é correta se comprovada pelo método científico
Ideia-chave: lei dos três estados
Verdadeira racionalidade na religião
Influenciou o Brasil
Simpático, real, certo, útil, preciso, orgânico
Metafísico
Opõem-se ao idealismo e ao realismo

O acróstico também pode ser utilizado como uma estratégia para estudar. Quando você precisar decorar uma regra ou uma fórmula, pode criar uma espécie de acróstico que facilite essa memorização:

Lá na rua x psicólogos são uns importantes ouvintes.

A frase acima lembra a regra de acentuação das paroxítonas. A regra diz que são acentuadas as palavras que terminam em l, n, r, x, ps, ã (ãs, ão, ãos), uns (um, us), i (s) e ditongos orais.

Agora é com você. Crie um acróstico, por exemplo com o seu nome, e surpreenda-se com a sua capacidade criativa!

Saiba mais sobre a Função Poética.

E o que é Acrônimo?

Enquanto acróstico significa “extremo da linha ou do verso”, a partir do grego akrostichís, acrônimo significa “extremo do nome”, do grego akronymos.

Os acrônimos são siglas que podem ser pronunciadas como uma palavra. Exemplos: Nasa, ONU, Unesco.

Márcia Fernandes
Márcia Fernandes
Professora, pesquisadora, produtora e gestora de conteúdos on-line. Licenciada em Letras pela Universidade Católica de Santos.