Argentina

A Argentina, cujo nome oficial é República Argentina, é um país localizado no sul da América do Sul, o maior depois do Brasil. Está entre os dez maiores países do mundo.

Em termos populacionais, é o terceiro país mais populoso da América do Sul, ficando atrás do Brasil e da Colômbia.

É banhado pelo Oceano Atlântico e faz fronteira com Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai. Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul são os estados brasileiros que fazem fronteira com o país.

Curiosamente, o nome Argentina surge do latim argentum, que significa “prata”. Isso porque, segundo a lenda, a Argentina seria rica nesse metal.

ArgentinaMapa da América do Sul

Dados Gerais

  • Capital: Buenos Aires
  • Extensão territorial: 2.791.810 km²
  • Habitantes: Aproximadamente 41 milhões (dados de 2015)
  • Clima: Principalmente temperado
  • Idioma: Espanhol
  • Religião: Catolicismo
  • Moeda: Peso argentino
  • Sistema de Governo: República Presidencialista

Bandeira

Argentina

A bandeira da Argentina, símbolo oficial do país, carrega as cores azul e branco em três listras horizontais.

Na listra do meio (branca) consta um sol em cor de ouro com uma face humana no seu interior. Essa representação do sol é conhecida como o “sol de maio”.

Trata-se de uma referência à revolução que aconteceu entre 18 e 25 maio de 1810 e que visava a independência com relação à Espanha.

Economia

A economia da Argentina é a segunda mais forte da América do Sul. Assim, o país é um dos membros do Grupo dos 20 (G20), fórum que reúne os 20 países economicamente mais influentes.

A indústria é o maior setor econômico e o turismo, sem dúvida, é uma das principais atividades do país.

O país é um bom exportador e tem uma agricultura bastante desenvolvida em virtude da fertilidade do seu solo. Grande parte dos produtos exportados pelos argentinos são agrícolas.

Cultura

Apesar de a partir dos anos 50 a imigração ter diminuído em decorrência de regras de imigração que foram implementadas, a Argentina é um país de imigrantes.

Por esse motivo, sua cultura revela características, costumes e estilos de vida levados pelos imigrantes europeus, especialmente espanhóis e italianos.

O tango é um dos principais símbolos da Argentina, e é considerado um patrimônio mundial. Essa dança sensual é uma manifestação artística que é uma verdadeira marca dos argentinos, sendo mais uma forma de atrair pessoas de todo o mundo para o país.

Além do tango, são também patrimônios mundiais:

  • Cova das Mãos, uma caverna famosa por ter várias mãos pintadas por indígenas no seu interior.
  • Ischigualasto e Talampaya, reservas naturais que são sítios arqueológicos.
  • Maçã e Estâncias Jesuítas, imponentes construções feitas para os jesuítas onde há a universidade, a igreja e casas de habitação. São os principais pontos turísticos de Córdoba, a segunda maior cidade argentina em termos populacionais.
  • Missões Jesuítas Guaranis, ruínas conservadas das construções feitas por alturas das missões dos jesuítas em locais habitados por guaranis.
  • Parque Nacional do Iguaçu, dois terços desse parque pertencem à Argentina.
  • Parque Nacional Los Glaciares é um dos maiores parques do país. Essa paisagem natural de montanhas e gelo foi considerada patrimônio pela Unesco em 1981.
  • Península Valdés, localizado na Patagônia, é repleta de baleias, focas e outros animais marinhos e aves de migração.
  • Qhapaq Nan, que significa “caminho principal”, é uma rota que tem mais de 30 mil quilômetros de extensão e mais de 2 mil anos.
  • Quebrada de Humahuaca, um vale isolado e cuja habitação remonta há mais de 10 mil anos.
  • Fileteado Portenho, um estilo de arte decorativa, uma pintura típica de Buenos Aires que utiliza espirais e cores fortes.

Apesar de se destacar em outros esportes, o futebol é uma atração que move a atividade turística na Argentina. É o esporte mais popular e pelo qual os argentinos delegam uma grande paixão.

No que respeita à gastronomia, a Argentina é especialmente conhecida pelo seu churrasco. Há muito consumo de carne de vaca. Além disso, são famosos os chouriços e as empanadas.

Vários tipos de massas e pizzas também fazem parte do seu cardápio, o que acontece por influência dos imigrantes italianos.

A Argentina é um grande produtor de vinhos, que têm muito bons apreciadores da bebida. A infusão de mate é outra bebida que não pode faltar no país.

Províncias

O país divide-se em 7 regiões: Centro, Cuyo, Mesopotâmia, Noroeste Argentino, Pampas, Patagônia e Norte.

A Argentina tem 23 províncias e um Distrito Federal, a Ciudad Autônoma de Buenos Aires:

  • Província de Buenos Aires
  • Catamarca, Chaco, Chubut, Córdoba, Corrientes
  • Entre Rios
  • Formosa
  • Jujuy
  • La Pampa, A Rioja
  • Mendoza, Misiones
  • Neuquén
  • Rio Negro
  • Salta, San Juan, San Luis, Santa Cruz, Santa Fé, Santiago del Estero
  • Terra do Fogo, Tucumán

ArgentinaAs 23 províncias da Argentina e suas respectivas capitais

Pontos Turísticos

Bariloche é um destino muito escolhido por brasileiros à procura de neve. Além de paisagem natural muito bonita, que convida para a prática de esporte e caminhadas, a cidade tem uma oferta muito interessante para gastronomia e diversão noturna.

Outra cidade muito procurada é Rosário, conhecida como o berço da bandeira argentina. Nela está localizada o Monumento da Bandeira, pois foi no Parque Nacional da Bandeira que a bandeira do país foi erguida pela primeira vez.

Ushuaia também é um local procurado pelo turismo. É na cidade mais austral do mundo, conhecida como “a cidade do fim do mundo”, que foi construído o Museu do Fim do Mundo em 1903.

Nesse museu, o visitante encontra informação sobre a história local e a cultura indígena. Além disso, há dados sobre naufrágios que aconteceram nas imediações da cidade.

As Cataratas do Iguaçu formam um grande conjunto de 275 quedas de água, conhecida pelo menos de nome pelos brasileiros. É um espetáculo da natureza que é patrimônio mundial. As Cataratas do Iguaçu localizam-se na Argentina e também no Brasil, no estado do Paraná.

Continue sua pesquisa: