Brincadeiras Juninas

Márcia Fernandes

As brincadeiras juninas são elementos essenciais de um bom "arraiá". Presentes em todas as festas juninas, elas podem variar de região para região, embora existam as mais tradicionais como a pescaria, a cadeia, o correio elegante, dentre outras.

1. Pescaria

Peixinhos de brinquedo ou feitos com material reciclado são colocados em um recipiente com areia, que fica dentro da barraquinha ou do local reservado para o jogo.

Os peixinhos precisam ter um número afixado e uma pequena argola para que possam ser pescados pelas varinhas dadas aos participantes (que ficam fora da barraquinha).

Pescaria de festa junina

As varinhas são feitas de bambu e levam um pedaço de barbante onde é amarrado um ganchinho ou um anzol.

O número de cada peixinho corresponde ao prêmio que o participante recebe se conseguir pescar.

2. Correio elegante

Para essa brincadeira são necessários cartões de cartolina (os tradicionais são em formato de coração) e caneta.

Correio Elegante Festa Junina

Aproveite para mandar uma mensagem romântica ou de amizade durante a festa usando esses cartões, que serão entregues ao destinatário por outra pessoa, o “carteiro”. É o melhor serviço de entrega de mensagens juninas!

3. Cadeia

Uma sala ou um outro ambiente isolado por cordas, bambus ou cadeiras serve de prisão. Lá, pelo menos há um guarda, enquanto outro anda pela festa à espera que alguém indique quem gostaria de prender.

Cadeia de festa junina

A saída da prisão deve ser determinada pelo pagamento da fiança ou por uma tarefa submetida ao presidiário.

4. Tiro ao alvo

Latas decoradas com papel colorido e empilhadas em forma de pirâmide são o alvo. O objetivo desse jogo, também conhecido como Bola na Lata ou Derruba Latas, é derrubar todas as latas.

Tiro ao alvo festa junina

Elas devem ficar em cima de uma mesa dentro da barraquinha ou noutro local reservado para o jogo.

Do lado de fora da barraquinha, os participantes tentam derrubar as latas em três tentativas de arremesso de uma bolinha.

5. Argolas

Garrafas de refrigerante cheias de água (colocadas com uma distância, mais ou menos, de um palmo) e argolas é tudo o que você precisa para essa brincadeira.

Jogo da argola

Você tem cinco tentativas para arremessar as argolas de uma distância determinada e tentar encaixá-las pelo gargalo das garrafas.

6. Boca do palhaço

Esse é outro jogo de pontaria muito divertido para as crianças.

Boca do palhaço na festa junina

O objetivo é, mediante três tentativas, acertar pelo menos uma bola na boca do palhaço, que consiste em um desenho grande de uma cara de palhaço onde é feito um buraco no lugar da boca.

7. Corrida de saco

Para essa brincadeira são utilizados sacos grandes, que podem ser de farinhas ou batatas. Cada criança se coloca dentro do saco e fica posicionada atrás da linha de partida.

Corrida de saco

Após o sinal, todas elas correm em direção à linha de chegada. O objetivo é chegar do outro lado o mais rápido possível, sem cair.

8. Rabo do burro

Num grande painel um burro é desenhado e o participante segura um suposto “rabo” que pode ser feito de fita colorida e velcro.

Rabo do Burro

Antes de começar a jogar, os olhos são vendados e a criança é girada algumas vezes para perder a noção de direção. Depois disso, ela deve encontrar o cartaz com o burro e colar o rabo mais próximo do local que realmente seria.

9. Corrida de carrinho de mão

Para a corrida de carrinho de mão, o grupo de crianças é dividido em pares. Um dos participantes segura o outro pelos pés, enquanto um fica com as mãos no chão.

Corrida carrinho de mão

Da mesma forma que numa corrida, todas as crianças saem juntos da linha da largada após o sinal. O objetivo é chegar na linha final mais rápido do que as outras duplas.

10. Cabo de guerra

Muito popular entre as crianças, o cabo de guerra é uma brincadeira onde é necessária uma corda para jogar.

Cabo de guerra

Divide-se o grupo em dois times e cada um deles, após o sinal, começa a puxar a corda para o seu lado. O objetivo é derrubar o time adversário.

11. Corrida do milho

Bacias ou outros recipientes com milho, colheres, copos descartáveis e pelo menos duas duplas é o que você vai precisar para essa corrida.

Cada dupla tem uma bacia, da qual ficam distantes, com um pouco de milho dentro. Na largada, um dos participantes corre até a bacia segurando uma colher, que enche com o milho contido nela e regressa de onde partiu para encher o copo do seu companheiro. Vence a dupla que encher o copo primeiro.

12. Dança da laranja

Em duplas, e segurando uma laranja na testa, os participantes dançam ao ritmo da música fazendo todos os esforços para não deixar a fruta cair ao chão.

Cada vez que uma dupla deixa a laranja cair, sai do jogo. Vence quem aguentar dançar com a fruta durante mais tempo.

13. Corrida do ovo

Para essa corrida, precisamos de colheres e ovos. Segurando o ovo na colher, vence quem chegar primeiro na linha de chegada.

Na brincadeira original, cada participante deve transportar a sua colher com o ovo na boca, mas se os participantes forem crianças menores, é aconselhável que a colher seja transportada na mão e que o ovo esteja cozido.

14. Corrida de três pernas

Nessa brincadeira, as duplas têm realmente que se unir. Utilizando algo como uma tira de pano, a perna do participante deve ser unida a do seu companheiro.

Assim, eles correm juntos, e de forma desengonçada, como se tivessem apenas três pernas. Vence a dupla que chegar primeiro à meta.

Quer mais ideias para se divertir com as crianças? Leia também:

Márcia Fernandes
Márcia Fernandes
Professora, pesquisadora, produtora e gestora de conteúdos on-line. Licenciada em Letras pela Universidade Católica de Santos.