Camuflagem


A camuflagem é uma estratégia de defesa na qual os seres vivos assemelham-se com o ambiente em que vivem.

Nesse caso, os indivíduos de uma espécie podem apresentar coloração, formato ou textura semelhante ao do ambiente e assim passar despercebidos por seu predador.

Porém, o mesmo mecanismo também pode ser utilizado por alguns predadores para surpreender as suas presas.

A camuflagem é um resultado da seleção natural e representa uma adaptação que garante a sobrevivência das espécies no ambiente.

Existem dois tipos de camuflagem:

  • Homocromia: Quando o indivíduo apresenta coloração semelhante a do ambiente.
  • Homotipia: Quando o indivíduo apresenta a estrutura corporal que confunde-se com elementos do ambiente.

Exemplos

Na natureza podemos encontrar diferentes exemplos de camuflagem, alguns casos são bem curiosos por tamanha semelhança entre o ser vivo e o ambiente.

Conheça alguns exemplos:

Bicho-pau

O bicho-pau é um inseto e representa um exemplo de homotipia. Desse modo, ele pode passar despercebido entre galhos de árvores.

Bicho pau
O bicho-pau assemelha-se a pequenos gravetos de madeira

Pássaro urutau

O pássaro urutau é uma ave noturna e com uma plumagem adaptada para a camuflagem. Ele costuma ficar paralisado em troncos de árvores para não ser percebido por seus predadores.

Pássaro-urutau
O pássaro urutau pode permanecer horas imóvel sob um tronco de árvore

Camaleão

O camaleão é um lagarto com excelente capacidade de se camuflar, representando um dos melhores exemplos da natureza.

Eles podem alterar a sua coloração em função de sua temperatura ou de sua interação com outros indivíduos, além da própria capacidade de camuflagem.

Camaleão
O camaleão é especialista em camuflagens

Corujas

As corujas podem facilmente se camuflar em troncos de árvores. O fato da coloração de suas penas serem parecidas com o ambiente, faz com que a coruja passe despercebida.

Coruja camuflada
Diversas espécies de corujas podem se camuflar

Camuflagem e mimetismo

Os conceitos de mimetismo e camuflagem são bastante confundidos. Entenda a diferença entre eles:

  • Mimetismo: Os seres assemelham-se uns com os outros para obter alguma vantagem.
  • Camuflagem: Os seres assemelham-se com o ambiente em que vivem para se esconderem de predadores ou surpreender as presas.

O mimetismo é uma característica adaptativa de animais ou plantas de imitar outro organismo e assim obter vantagens.

Da mesma forma como ocorre na camuflagem, o objetivo principal do mimetismo é a defesa contra predadores.

Leia também: