Exercício de História para 1º ano do Ensino Médio (com gabarito explicado)

Lucas Pereira
Lucas Pereira
Professor de História

Seleção com questões de História sobre temas vistos no 1º ano do Ensino Médio, conforme as diretrizes da BNCC. Todas as questões trazem gabarito com respostas explicadas.

Questão 1

Sobre a importância dos documentos e fontes primárias na história, assinale a afirmativa correta:

a) Os documentos são fundamentais para a construção do pensamento histórico, e os historiadores devem levar as informações neles presente à risca, sem espaço para interpretações.

b) Os documentos escritos são mais valiosos que os relatos orais ou os audiovisuais. No caso dos relatos orais, eles devem ser criticados pelas falhas de memória ou opiniões pessoais.

c) O historiador deve embasar suas interpretações e teorias em documentos históricos, cruzando, sempre que possível, o maior número de documentos dos mais variados tipos.

d) A história é uma ciência objetiva e que não tem espaço para opiniões pessoais. Por isso, documentos pessoais como diários, fotografias, memórias ou relatos individuais não têm valor para o saber histórico.

Gabarito explicado

a) Incorreta. A interpretação dos documentos é um procedimento básico e fundamental do historiador, que não deve ler as fontes de forma acrítica.

b) Incorreta. Todos os tipos de documentos são importantes, e é essencial analisá-los de forma crítica. Ao comparar diferentes documentos, é possível construir um conhecimento bem fundamentado.

c) Correta. A pesquisa em fontes históricas é uma tarefa fundamental do historiador. As opiniões e teorias devem ser construídas a partir das informações obtidas em sua pesquisa.

d) Incorreta. Documentos pessoais são fontes de grande valor na história. Por exemplo, o famoso Diário de Anne Frank permite aos historiadores acessar muitas informações sobre o Holocausto e a vida das pessoas durante a Segunda Guerra Mundial.

Questão 2

Pinturas rupestres na Serra da Capivara (Piauí)
Pinturas rupestres na Serra da Capivara (Piauí)

A imagem acima apresenta um conjunto de pinturas rupestres encontradas na Serra da Capivara, no Piauí. Sobre o assunto, é correto afirmar que:

a) Embora sejam vestígios arqueológicos importantes, as pinturas carecem de valor histórico por não trazerem informações escritas sobre as sociedades que as produziram.

b) Podem ser consideradas documentos históricos sobre a pré-história no Brasil, pois trazem informações sobre suas práticas e visão de mundo da sociedade que as produziu.

c) Seu estudo leva à conclusão da existência de um Estado centralizado e organizado na sociedade do período, comprovado pela enorme capacidade de registrar e coletar informações nessas pinturas.

d) Não é possível datar aproximadamente o ano de produção dessas imagens, tendo em vista a inexistência de técnicas históricas e científicas para tal.

Gabarito explicado

a) Incorreta. As pinturas rupestres são uma das fontes mais importantes disponíveis sobre as sociedades pré-históricas. Trazem informações sobre as práticas, costumes e tradições dessas sociedades.

b) Correta. A alternativa apresenta corretamente a importância histórica dessas pinturas.

c) Incorreta. As pinturas rupestres não fornecem evidências que sugiram a existência de um estado centralizado e organizado nas sociedades pré-históricas.

d) Incorreta. Técnicas como a datação por carbono-14 permitem a datação aproximada de vestígios materiais de outros períodos históricos.

Questão 3

Modelo de Barco durante o Império Médio Egípcio (2000 a.C. e 1580 a.C.), exposto na Galeria Nacional de Praga.
Modelo de Barco durante o Império Médio Egípcio (2000 a.C. e 1580 a.C.), exposto na Galeria Nacional de Praga. (Fonte: Wikicommons)

A escultura acima reproduz um tipo de embarcação bastante comum no Egito Antigo. Sobre os costumes desta sociedade, assinale a alternativa correta:

a) A embarcação revela uma das principais atividades econômicas do Egito Antigo: o comércio de longa distância. Afinal, os egípcios negociavam com povos Ameríndios e Asiáticos.

b) O Rio Nilo era fundamental dentro da economia egípcia, servindo para pesca, transporte e para fertilização das terras agrícolas em suas cheias.

c) A embarcação era utilizada principalmente para o transporte de mercadorias nos rios Tigre e Eufrates, que cortam o Egito Antigo e apresentam grande importância até os dias atuais.

d) Trata-se claramente de uma embarcação militar. A habilidade do povo egípcio em conduzir ataques fluviais fez com que o Hérotodo afirmasse que o Egito era uma “dádiva” dos rios.

Gabarito explicado

a) Incorreta. Embora realizassem comércio nas regiões próximas, é incorreto sugerir que o Antigo Egito mantinha contato com povos ameríndios.

b) Correta. A alternativa apresenta uma colocação correta sobre a importância do Rio Nilo na sociedade do Antigo Egito.

c) Incorreta. Os rios Tigre e Eufrates situam-se na Mesopotâmia e não cortam o Egito Antigo, apresentando grande importância para outras sociedades.

d) Incorreta. Não há elementos que sugiram que a embarcação representada tenha uso fundamentalmente militar.

Questão 4

“Os escravos de Atenas eram em sua maioria prisioneiros de guerra (...) e seus descendentes, considerados não como seres humanos dignos, mas como "instrumentos vivos". Dos escravos, cerca de trinta mil trabalhavam nas minas de prata, das quais se extraía metal para armamentos, ferramentas e moedas, 25 mil eram escravos rurais e 73 mil eram escravos urbanos empregados nas mais variadas tarefas e ofícios, permitindo que seus donos se ocupassem dos assuntos públicos.”

FUNARI, Pedro Paulo. Grécia e Roma. São Paulo: Contexto, 2002. p. 29

A partir do texto, assinale a alternativa correta sobre o trabalho na Antiguidade Clássica:

a) O trabalho dos escravos permitia com que seus proprietários se dedicassem à vida pública, como a discussão política e à filosofia.

b) Atenas era uma sociedade conhecida pela democracia, o que inviabilizou a manutenção do sistema escravista em sua história.

c) O uso do trabalho escravo estava principalmente restrito às funções agrícolas, inexistindo nas áreas urbanas de Atenas.

d) Assim como na experiência ibérica moderna, os escravos atenienses tinham sobretudo origem africana.

Gabarito explicado

a) Correta. Conforme o texto explicita em seu final, a exploração do trabalho escravo possibilitava que seus donos se dedicassem aos assuntos públicos, como a discussão política e a filosofia.

b) Incorreta. Embora seja considerada o berço da democracia, Atenas era uma sociedade escravista. A compatibilidade entre democracia e escravidão releva as diferenças entre a noção de cidadania e democracia que temos hoje com a que existia na antiguidade.

c) Incorreta. O texto destaca que o trabalho escravo era utilizado em diversas funções, inclusive com muitos escravos urbanos.

d) Incorreta. Os escravos atenienses não eram majoritariamente da África. Eram principalmente capturados em guerra, independentemente de sua origem geográfica ou étnica.

Questão 5

“Sem dúvida, porém, o principal tipo de trabalhador no Feudalismo eram os servos. (...) A mão-de-obra servil pode ser definida pela existência de produtores dependentes, sem liberdade de locomoção (de que goza um assalariado), mas que escapavam à violência de um senhor no estilo da escravidão.”

FRANCO JÚNIOR, Hilário. O Feudalismo. Brasília: Editora Brasiliense, 1986. p. 39

Sobre o trabalho executados pelos servos no feudalismo medieval, é correto afirmar:

a) Era diferente da escravidão, pois os escravos não podiam circular livremente, enquanto os servos dispunham dessa liberdade.

b) O trabalho no mundo feudal era predominante urbano, com os servos desempenhando funções no comércio e em serviços.

c) O modelo servil é uma herança do mundo grego para o contexto medieval. Afinal, Esparta e Atenas utilizavam esse modelo de trabalho de forma predominante.

d) Na relação servil, os servos deveriam trabalhar nas terras dos senhores feudais em troca de proteção. Também deveriam pagar impostos para os senhores, como a talha e a corveia.

Gabarito explicado

a) Incorreta. Conforme o texto explicita, os servos estavam atrelados à terra de seus senhores e não dispunham de “liberdade de locomoção”.

b) Incorreta. O trabalho no contexto feudal era predominantemente rural, sendo que, na Idade Média, as cidades perderam a grande importância que tinham na Antiguidade.

c) Incorreta. O mundo grego utilizava predominantemente o trabalho escravo, e não o servil.

d) Correta. A alternativa descreve corretamente o funcionamento da servidão medieval. A talha estabelecia que os servos deveriam doar ao senhor uma parte da produção colhida no manso servil. Por sua vez, a corveia representava a obrigação dos servos em trabalharem em certos dias da semana nas terras do senhor.

Questão 6

Leia o texto abaixo e assinale a alternativa correta.

“O Mediterrâneo é um lago de civilização; não é segredo para ninguém que ao norte de suas costas está o velho universo e ao sul deste um universo ignorado; pode-se dizer de um lado a civilização, do outro a barbárie. (...)

Deus oferece a África à Europa. Peguem-na, não pelos canhões, mas pela charrua; não pela espada, mas pelo comércio; não pela batalha, mas pela fraternidade....”

Discurso de Victor Hugo em 18 de maio de 1879. Fonte: NETO, José Alves de Freitas e TASINAFO, Célio Ricardo. História Geral e do Brasil. São Paulo: Harbra, 2007. p. 532

O texto faz referência ao mar Mediterrâneo, que banha ao norte a Europa e ao sul a África. Sobre a opinião do autor, é correto afirmar que:

a) Sua visão sobre barbárie e civilização apresenta uma opinião eurocêntrica e racista, pois considera “bárbaras” as culturas africanas a partir de preconceitos existentes entre a elite europeia da época.

b) Convoca os europeus para uma tarefa importante na história, na qual eles devem ir até a África para atender à solicitação dos locais e compartilhar a cultura e religião europeias.

c) O autor iguala a cultura e a civilização dos africanos e dos europeus, creditando ao mar Mediterrâneo essa experiência de circulação de culturas e de ideias.

d) Defende que os europeus devem avançar no continente africano através da guerra e da conquista para, em seguida, contribuir com o desenvolvimento socioeconômico do continente.

Gabarito explicado

a) Correta. O discurso de Victor Hugo está marcado pelas ideias racistas difundidas na sociedade europeia do século XIX, que considerava a cultura branca e europeia como superiora às demais. Desta forma, convoca os europeus a habitarem e a “pegarem” o continente africano segundo seus critérios.

b) Incorreta. O avanço dos europeus na África não se dá por uma solicitação dos africanos, mas sim pela crença dos europeus na superioridade de sua cultura e de seu estilo de vida.

c) Incorreta. O autor não iguala europeus e africanos em seu discurso. Pelo contrário, hierarquiza os europeus como “civilizados” e africanos como “bárbaros”.

d) Incorreta. Em seu discurso, Victor Hugo sugere que os europeus devem tomar a África pela charrua (equipamento agrícola), pelo comércio e pela fraternidade, e não pela guerra e dominação.

Questão 7

Cartaz Lenin - Revolução Russa
Em russo: Camarada Lênin limpa a Terra da escória. (Fonte: Wikicommons)

O cartaz acima foi produzido em 1920, e apresenta Lênin, o líder da Revolução Russa varrendo quatro personagens.

Sobre o cartaz e a Revolução Russa, é correto afirmar:

a) Trata-se de um episódio que consolidou o avanço do capitalismo e do liberalismo no início do século XX.

b) Ao varrer dois personagens usando coroas, o cartaz faz referência ao modelo republicano defendido por Lênin. Buscavam instalar um governo com base nos modelos existentes nos Estados Unidos e na Inglaterra.

c) No cartaz, Lênin varre figuras ligadas à nobreza e à burguesia financeira. É uma referência visual à proposta socialista e à crítica ao capitalismo presentes na Revolução Russa.

d) A Revolução Russa tentou implantar o comunismo no país. Contudo, Lênin conseguiu barrá-los de seu objetivo, o que foi representado no cartaz através da ação de “varrê-los” do mundo.

Gabarito explicado

a) Incorreta. A Revolução Russa foi inspirada em ideias marxistas críticas ao modelo capitalista.

b) Incorreta. Os revolucionários não buscavam instalar um governo no estilo dos Estados Unidos, mas sim construir uma experiência socialista na Rússia. Além disso, a Inglaterra adota um modelo monárquico, e não uma República.

c) Correta. A alternativa apresenta uma interpretação acertada para o cartaz, onde Lênin varre ícones da nobreza e da elite financeira, sendo uma representação visual da proposta socialista e crítica ao capitalismo da Revolução Russa.

d) Incorreta. Lênin era o líder revolucionário, não um opositor destes. Além disso, buscava a construção de um modelo político que levasse ao comunismo.

Questão 8

"Os trabalhadores não pretendiam revolucionar a sociedade, mas melhorar suas condições de vida e conquistar um mínimo de direitos. O que não quer dizer que muitos não fossem embalados na ação pelo sonho de uma sociedade igualitária. Por exemplo, o Comitê de Defesa Proletária, que se formou em São Paulo no curso da greve geral de 1917, tinha como pontos principais de seu programa: aumento de salário; proibição do trabalho de menores de dezoito anos; jornada de oito horas (...); fim do trabalho nos sábados à tarde; garantia de emprego..."

FAUSTO, Boris. História do Brasil. São Paulo: Edusp, 2013. p. 257

O texto diz respeito à Greve Geral de 1917, que paralisou o trabalho de várias categorias em São Paulo e outras cidades. Sobre o assunto, assinale a alternativa correta:

a) Na época, as greves eram permitidas e garantidas pelas leis brasileiras. Através dessa legislação, os trabalhadores ficavam protegidos para lutar por seus direitos.

b) Os movimentos grevistas foram importantes para a conquista dos direitos dos trabalhadores e pela instalação do governo comunista liderado por Getúlio Vargas.

c) Os grevistas encontravam apoio de seus patrões na luta contra o governo, tendo em vista que suas demandas diziam respeito à estrutura política do país.

d) A mobilização dos trabalhadores foi fundamental para a conquista de direitos trabalhistas e para contestar as péssimas condições de trabalho existentes na época.

Gabarito explicado

a) Incorreta. O direito à greve não era garantido por lei na República Velha, sendo os trabalhadores perseguidos e presos por sua mobilização.

b) Incorreta. Getúlio Vargas não instalou um governo comunista no Brasil. Pelo contrário, ficou conhecido por perseguir militantes comunistas durante o Estado Novo (1937-1945).

c) Incorreta. Os grevistas não tinham apoio de seus patrões, já que suas demandas envolviam pautas que desagravam os empresários, como elevação dos salários e redução das jornadas de trabalho.

d) Correta. A mobilização do movimento operário foi fundamental para a conquista de uma série de direitos trabalhistas, como férias, salário-mínimo, jornada de oito horas diárias, entre outros.

Questão 9

Texto I:

Quipu Inca, exposto no Museu Larco em Lima, Peru

Quipu Inca, exposto no Museu Larco em Lima, Peru. (Fonte: Wikicommons)

Texto II:

“[Quipus são] artefatos têxteis compostos de lã de lhama ou alpaca, ou de algodão, com um cordão principal, a partir do qual muitos cordões pingentes são pendurados, sendo feitos nós que indicam valores numéricos segundo um sistema decimal. As cores do cordão, por sua vez, indicavam o item que se estava contando, existindo, para cada atividade (agricultura, exército, engenharia etc.), uma simbologia própria de cores.”

SCHMIDT, Paulo e SANTOS, José Luiz dos. O uso dos quipus como ferramenta de controle tributário e de accontability dos incas. IN Revista Brasileira de Gestão de Negócios, São Paulo, Vol. 19, No. 66, p. 613-626, Oct./Dec. 2017 p. 614

A partir dos textos, assinale a alternativa correta sobre a sociedade inca:

a) Trata-se de uma sociedade que não dispunha de um método de escrita e contabilidade, pois não dominavam o alfabeto.

b) O quipu é uma evidência material que revela a sofisticação e a singularidade dos Incas em registrar informações quantitativas.

c) Os incas formavam uma das sociedades ameríndias mais sofisticadas no contexto da chegada dos europeus na América. Por sua vez, o quipu era uma ferramenta ornamental de função meramente decorativa nesta sociedade.

d) Como não é possível identificar exatamente as informações que contém, os quipus apresentam um valor histórico restrito enquanto documento.

Gabarito explicado

a) Incorreta. Conforme o texto II revela, o quipu é uma das formas mais singulares de contabilidade e escrita já desenvolvida na história.

b) Correta. A alternativa apresenta uma interpretação correta sobre o quipu, seu valor histórico e sua função dentro da sociedade Inca.

c) Incorreta. O quipu não desempenhava um papel meramente decorativo, mas sim de registro de informações, como contabilidade agrícola, militar ou de engenharia, por exemplo.

d) Incorreta. Trata-se de um valioso documento material para conhecimento histórico sobre as práticas e tradições da sociedade em questão.

Questão 10

Charge de Dan Piraro da série Bizarro - Evolution Trash (Fonte: bizarro.com)

Charge de Dan Piraro da série "Bizarro" - Evolution Trash (Fonte: bizarro.com)

Sobre a charge e a ideia de evolução, assinale a alternativa correta.

a) A charge faz uma crítica às teses de Darwin, criticando o princípio do evolucionismo.

b) Sua mensagem é crítica à ideia de constante evolução dos seres humanos, já que certos comportamentos modernos podem ser mais nocivos que de nossos antepassados.

c) O principal argumento do artista é a defesa do criacionismo, já que o ser humano resultante da explicação Darwinista é aquele que polui.

d) Ao defender um discurso ambientalista, a charge interpreta que o ser humano está em constante evolução e melhorando dia após dia.

Gabarito explicado

a) Incorreta. A charge não faz uma crítica ao Darwinismo, mas sim ao comportamento contemporâneo em relação à poluição.

b) Correta. A mensagem da imagem ironiza a ideia de que a humanidade de hoje é melhor que os antepassados. Para tal, faz referência à poluição e à destruição ambiental, problemas agravados pelo estilo de vida das sociedades contemporâneas.

c) Incorreta. A charge não faz qualquer referência ao criacionismo, isto é, à tese de que os homens foram feitos por Deus.

d) Incorreta Pelo contrário, a charge sugere uma reflexão sobre os impactos de hábitos atuais e considerados “mais evoluídos” que de outros períodos históricos.
 

Continue praticando com mais exercícios:

Lucas Pereira
Lucas Pereira
Bacharel e Licenciado em História pela Universidade Estadual de Campinas (2013), com mestrado em Ensino de História pela mesma instituição (2020). Atua como professor de História na educação básica e em cursos pré-vestibulares desde 2013. Desde 2016, também desenvolve conteúdos educativos na área de História.