Grau superlativo

Márcia Fernandes

O grau superlativo é o tipo de flexão do adjetivo que intensifica as características atribuídas aos substantivos. Pode ser de dois tipos: superlativo relativo ou superlativo absoluto.

O grau superlativo relativo é aquele que eleva algo em relação a um conjunto. Exemplos: É o casaco mais quente do meu armário.

O grau superlativo absoluto, por sua vez, é aquele que eleva algo de forma isolada. Exemplos: Este casaco é muito quente.

Superlativo relativo

Há dois tipos de superlativo relativo:

  • Superlativo relativo de superioridade. Exemplo: É o mais atencioso entre todos os alunos.
  • Superlativo relativo de inferioridade. Exemplo: É o menos atencioso entre todos os alunos.

No superlativo relativo é usada a forma analítica, com exceção dos adjetivos bom, mau, grande e pequeno. Esses também são usados na forma sintética o melhor, o pior, o maior e o menor.

Superlativo absoluto

Há dois tipos de superlativo absoluto:

  • Superlativo absoluto analítico - é acompanhado por um advérbio. Exemplo: Ele é demasiadamente atencioso.
  • Superlativo absoluto sintético - é acompanhado por um sufixo, geralmente -íssimo. Exemplo: Ele é atenciosíssimo.

No caso dos adjetivos terminados em consoante, basta acrescentar o sufixo -íssimo: útil - utilíssimo, leal - lealíssimo.

No caso dos adjetivos terminados em vogal, a vogal é retirada para dar lugar ao sufixo: pequeno - pequeníssimo, linda - lindíssima.

No entanto, há muitas formas irregulares. Confira a lista abaixo.

Formas irregulares do superlativo absoluto sintético
ágil agílimo ou agilíssimo
agradável agradabilíssimo
amargo amaríssimo
amável amabilíssimo
amigo amicíssimo
antigo antiquíssimo
áspero aspérrimo
audaz audacíssimo
bom boníssimo ou ótimo
célebre celebérrimo
cruel crudelíssimo
difícil dificílimo
doce dulcíssimo ou docíssimo
eficaz eficacíssimo
fácil facílimo
feliz felicíssimo
fiel fidelíssimo
frágil fragílimo
frio frigidíssimo ou friíssimo
grande máximo
humilde humílimo
infame infamérrimo
inimigo inimicíssimo
íntegro integérrimo
jovem juvenilíssimo
livre libérrimo
magro macérrimo ou magríssimo
manso mansuetíssimo
mau péssimo
miúdo minutíssimo
negro nigérrimo ou negríssimo
pequeno mínimo
pessoal personalíssimo
pobre paupérrimo ou pobríssimo
possível possibilíssimo
pródigo prodigalíssimo
público publicíssimo
sábio sapientíssimo
sagrado sacratíssimo
semelhante simílimo
terrível terribilíssimo

Leia também:

Márcia Fernandes
Márcia Fernandes
Professora, pesquisadora, produtora e gestora de conteúdos on-line. Licenciada em Letras pela Universidade Católica de Santos.