Homossexualidade


A homossexualidade ou homoafetividade determina a relação sexual e afetiva entre pessoas do mesmo sexo.

Esse termo é contrário da heterossexualidade, que ocorre entre pessoas de sexos diferentes (homem e mulher).

A homossexualidade acontece entre pessoas do sexo masculino (gays) e feminino (lésbicas). Dependendo das culturas e povos, a homossexualidade até os dias atuais, pode ser vista como um distúrbio, um tipo de aberração e, em muitos caso, é considerado crime.

História da Homossexualidade

A relação afetiva ou sexual entre pessoas do mesmo sexo não é grande novidade para os animais, sejam racionais (humanos) ou irracionais.

Desde a antiguidade essas relações eram vistas como normais e, ademais, entre os animais sempre foi muito comum esse tipo de envolvimento. Alguns estudiosos afirmam ser um tipo de comportamento instintivo a fim de controlar a população .

Na antiguidade, o termo “homossexualidade” não existia. Isso porque esse tipo de relação era natural e não necessitava de nomeação para os envolvimentos afetivos e sexuais distintos.

Com o passar tempo, o cristianismo e outras religiões influenciaram diretamente na atitude e na maneira de pensar das pessoas a respeito da homossexualidade.

Nesse viés, ele é considerado um pecado, algo não natural, o qual influencia diretamente na estrutura e construção familiar, posto que essa união impede a procriação.

Na atualidade o debate sobre casamentos homossexuais e construção de famílias, como a adoção de crianças por casais homo afetivos, tem sido pauta de muitas discussões.

Um dos relatos escritos mais antigos é apresentado na Bíblia, a cidade de Sodoma, cenário de forte promiscuidade donde a homossexualidade era a palavra de ordem.

Na Grécia, a pederastia, relação entre um homem mais velho e um menino mais novo, fazia parte da regulamentação das leis. Essa relação simbolizava a iniciação sexual do jovem através da transmissão de conhecimentos.

Em menor escala, a pederastia acontecia entre as mulheres, porém era mais comum entre pessoas do sexo masculino.

Homofobia

A homofobia designa a aversão ou o medo (consciente ou não) à homossexuais. Em muitos casos, a homofobia gera conflitos e violências (verbal e física).

No Brasil, segundo estudos do Grupo Gay da Bahia (GGB), o país lidera mundialmente na quantidade de crimes homofóbicos, seguido do México e Estados Unidos.

Leia também:

Curiosidades

  • O termo homossexualidade é a união das palavras gregas “homos” (mesmo, igual, um) e “sexus” (sexo)
  • Até 1990, a homossexualidade era considerada uma doença mental para a Organização Mundial da Saúde (OMS). Por esse motivo, a partir desse ano, o dia 17 de maio foi eleito como o “Dia Internacional contra a Homofobia”.
  • O primeiro país a legalizar a união civil entre pessoas do mesmo sexo foi a Dinamarca, em 1989.
  • A bissexualidade (bi=dois) é uma orientação sexual pautada na relação afetiva entre pessoas de ambos os sexos (feminino, masculino), independentemente do gênero ao qual correspondem. Ainda há, nas categorias de orientações sexuais, os indivíduos assexuados (a=não), que correspondem a 1 % da população mundial, caracterizada pela indiferença sexual.
  • O termo "gay" pode ser usado para ambos os sexos, contudo é mais utilizado nos contextos entre homens.
  • Em fevereiro de 2014, Uganda declara a homossexualidade crime promulgada pelo presidente Yoweri Museveni.