Aquecimento Global


O aquecimento global corresponde ao aumento da temperatura terrestre. Ele é causado pelo acúmulo demasiado de gases na atmosfera terrestre.

Esses gases geram maior retenção de calor, originando o fenômeno conhecido como “efeito estufa”.

Aquecimento Global

Efeito Estufa e Aquecimento Global

O efeito estufa está intimamente ligado às mudanças climáticas que ocorrem no planeta Terra.

Esse fenômeno sucede por meio dos gases e poluentes lançados na atmosfera. Ele produz maior retenção do calor na Terra, de forma que permitem a entrada da luz solar, entretanto, não o deixam sair.

Aquecimento Global

Note que essa denominação surge pela analogia feita com uma “estufa”, posto que apresenta as mesmas características, que impedem a saída do calor.

Em vista disso, a atmosfera terrestre vem apresentando um aquecimento e uma elevação de temperatura se comparada aos anos anteriores.

Chuva Ácida

Outro fenômeno resultante das mudanças climáticas, e consequentemente do aquecimento global, é a chuva ácida.

Trata-se da combinação de chuva com os ácidos lançados na atmosfera, resultantes de reações químicas que ocorrem a partir da presença do enxofre.

O principal elemento é o trióxido de enxofre (SO3), tóxico, irritante e corrosivo, produzido pela queima de combustíveis fósseis, das indústrias, veículos, usinas, dentre outros.

Além deles, a chuva ácida é composta pelo ácido sulfúrico (H2SO4), ácido nitroso (HNO2) e ácido nítrico (HNO3).

Causas do Aquecimento Global

Entre as principais causas do aquecimento global estão os gases responsáveis pelo aquecimento da Terra.

Principais Poluentes

Os principais poluentes causadores do aquecimento global são:

  • Monóxido de Carbono (CO): gás incolor, inflamável, inodoro, tóxico, produzido pela queima em condições de pouco oxigênio e pela alta temperatura do carvão ou outros materiais ricos em carbono, como os derivados do petróleo.
  • Dióxido de Carbono (CO2): expelido pela queima de combustíveis utilizados em veículos automotores à base de petróleo e gás, da queima de carvão mineral nas indústrias, e da queima das florestas.
  • Clorofluorcarbonos (CFC): composto formado por carbono, cloro e flúor, proveniente dos aerossóis e do sistema de refrigeração.
  • Óxido de Nitrogênio: formado pela combinação de oxigênio com o nitrogênio. É usado em motores de combustão interna, fornos, estufas, caldeiras, incineradores, pela indústria química e pela indústria de explosivos.
  • Dióxido de Enxofre (SO2): é um gás denso, incolor, não inflamável, altamente tóxico, formado por oxigênio e enxofre. É usado na indústria, principalmente na produção de ácido sulfúrico e também é expelido pelos vulcões.
  • Metano (CH4): gás incolor, inodoro e se inalado é tóxico. É expelido pelo gado, ou seja, na digestão dos animais herbívoros, decomposição de lixo orgânico, extração de combustíveis, dentre outros.

Consequências do Aquecimento Global

Os gases poluentes formam uma espécie de "cobertor" em torno do planeta. Eles impedem que a radiação solar, refletida pela superfície em forma de calor, se dissipe no espaço.

A partir disso, o efeito estufa é um fenômeno natural que garante as condições de temperatura e clima necessárias para a existência de vida na terra.

No entanto, o aquecimento global provoca a alteração da fauna e da flora em todo o planeta. Além disso, acelera o derretimento de grandes massas de gelo das regiões polares.

Aquecimento GlobalFoto no Alasca que mostra a diferença da paisagem nos anos de 1909 e 2004

Esse fato vem se agravando conforme exame nas bolhas formadas no gelo da Antártica, onde a concentração de CO2 vem atingindo níveis recordes.

O Ártico está no topo da lista das regiões sobre pressão do aquecimento global, devido à elevação da temperatura superior à média mundial.

As mudanças aceleradas na criosfera, como é chamado o conjunto dos ambientes congelados da terra, terão repercussões dramáticas nas outras partes do planeta.

Os polos, devido a suas baixas temperaturas, ajudam a manter o clima global com temperaturas amenas, alimentando as correntes marítimas.

Além disso, eles resfriam as massas de ar e devolvem ao espaço uma grande parte da energia solar que recebem, graças às suas vastas superfícies brancas.

Mesmo as pequenas variações no ambiente polar podem afetar o equilíbrio climático do planeta.

Leia também sobre os temas: