Arquimedes


Arquimedes foi um dos mais importantes cientistas, inventores e matemáticos gregos da antiguidade clássica.

Foi considerado por muitos historiadores um dos maiores matemáticos de todos os tempos. Além disso, Arquimedes aprofundou seus conhecimentos nas áreas da física, engenharia e astronomia.

Biografia

Arquimedes (do grego, Arkhimedes) nasceu na província de Siracusa (Magna Grécia), atual Sicília, Itália, no ano de 287 a. C. e viveu desde jovem em Alexandria, centro intelectual da época.

Começou a se aprofundar nos estudos da Matemática, Física e Astronomia. Isso aconteceu em decorrência da convivência com muitos cientistas, tais como Euclides de Alexandria, Canon de Samos, Erastótenes de Cirene, dentre outros.

Muito admirado pelo seu povo, conforme relato de Vitrúvio, um dos grandes episódios de sua vida consiste no pedido do rei de Siracusa, Hiero.

Hiero convocou Arquimedes para desvendar o mistério de uma coroa e a quantidade de ouro presente nela. O rei desconfiava da quantidade utilizada pelo ourives, o qual declarava ser feita inteiramente de ouro.

Intrigado com o caso, enquanto se banhava, Arquimedes notou que a banheira derramava água no momento em que ele entrava nela.

Assim, saiu correndo nu pela rua gritando "Eureka!" (expressão que do grego significa “achei”, “encontrei” ou “descobri”). Desse evento, ficou estabelecido o “Princípio de Arquimedes”, o qual se baseava na “gravidade específica”.

Segundo esse princípio “todo corpo mergulhado num fluido recebe um impulso de baixo para cima igual ao peso do volume do fluido deslocado. Por esse motivo, os corpos mais densos que a água afundam, enquanto os menos densos flutuam”.

Durante a segunda guerra púnica, mais precisamente no momento do Cerco à Siracusa (214-212 a.C.), Arquimedes foi morto por um soldado romano, das tropas do general romano Marcellus Claudius.

O general havia violado as ordens impostas, as quais determinavam de Arquimedes não deveria ser ferido, afinal os romanos tinham grande admiração por ele.

Assim, Arquimedes faleceu em 212 a. C., Siracusa (Grécia), guerreada com armas que ele inventara, as quais tinham sido eficientes na defesa de Siracusa contra os romanos durante 3 anos.

Obras

Arquimedes foi um gênio da época, um ávido cientista, inventor e estudioso. Uma vez que suas contribuições teóricas surgiram nas áreas de geometria, aritmética, hidrostática, mecânica, estática, física.

Nesse ínterim, uma importante contribuição teórica na área da física é a “Lei de Empuxo” (Teorema de Arquimedes) e a “Lei da Alavanca”.

Ademais, Arquimedes se destacou como inventor. Dentre as quais podemos citar armas de guerras (catapultas), alavancas e polias, parafuso sem fim, balança e espiral de Arquimedes, roda dentada, relação da circunferência com o diâmetro (o número pi), quadratura da parábola, polia composta, dentre outras.

Algumas de suas obras que se destacam:

  • Da Esfera e do Cilindro
  • A Medida do Círculo
  • Dos Esferoides e dos Conoides
  • Das Linhas Espirais
  • Do Equilíbrio dos Planos
  • Dos Corpos Flutuantes
  • A Quadratura da Parábola
  • O Contador de Areia
  • O Método
  • O Stomachion - Jogo Geométrico
  • O Problema dos Bois