Feromônios

Os feromônios (ferormônios ou feromonas) são substâncias químicas mensageiras associadas sobretudo à sexualidade. De tal modo, os animais (seres humanos, mamíferos e os insetos) secretam tais hormônios com o intuito principal de atrair o parceiro bem como para adquirir alimentos.

O termo feromônios é derivado do grego pela união das palavras "pheren" (transmitir) e "hormon" (excitar), ou seja, ao pé da letra significa "transmitir excitação".

Os feromônios foram descobertos em meados do século XX pelo bioquímico alemão Adolf Butenandt (1903-1995) e são muito importantes para a comunicação, reprodução e sobrevivência das espécies.

Note que os feromônios são diferentes de uma espécie para outra, ou seja, eles atraem os seres da mesma espécie. Assim, uma cadela libera os feromônios enquanto está no cio, atraindo somente cães.

Nos seres humanos, os feromônios sexuais são muito estudados pelos especialistas e alguns acreditam na sua eficácia, uma vez que quando liberados, o cérebro capta as mensagens as quais despertam os sentimentos de atração, felicidade e excitação pelo parceiro. Um exemplo são os feromônios liberados pelas mulheres durante a menstruação, visto que quando vivem juntas, o ciclo tende a ocorrer na mesma época.

Entretanto, estudos apontam que com a evolução e as mudanças ocorridas na vida dos seres humanos, a produção de feromônios no corpo diminuiu com o passar do tempo, por exemplo, com o uso de roupas, sabonetes, desodorantes e perfumes, inibindo assim, sua eficácia natural. Por outro lado, alguns especialistas acreditam que a ação dos feromônios ocorre somente em animais e insetos.

Visto esse problema, muitas empresas de cosméticos começaram a apostar nos produtos que contém feromônios sintetizados em laboratório que causam sentimentos de atração sexual e desejo no sexo oposto sejam óleos, essências, sabonetes, desodorantes ou perfumes.

Vale lembrar que na agricultura muitos feromônios de insetos são utilizados para conter diversas pragas em plantações, os quais dispensam o uso de inseticidas.

Tipos de Feromônios

Embora os feromônios sexuais sejam os mais conhecidos, há outros tipos de feromônios, a saber:

  • Feromônios Sexuais: atraem o sexo oposto
  • Feromônios de Alarme: alertam o perigo
  • Feromônios de Trilha: sinalizam o local por onde passaram
  • Feromônios de Ataque: alertam para o ataque
  • Feromônios de Agregação: alertam para as fontes de alimentos