Metafísica

Juliana Bezerra

A metafísica é a base da Filosofia e também o ramo responsável pelo estudo da existência do ser.

Por meio da metafísica se procura uma interpretação do mundo, sobre a natureza, a constituição e estruturas básicas da realidade.

O que é?

A palavra metafísica vem do grego e o prefixo “meta” significa “além de”. O primeiro filósofo a tratar sobre o assunto, de maneira sistemática, foi Aristóteles.

Aliás, ele mesmo chamou esta ideia de “filosofia primeira”, por entender que ela seria o alicerce da reflexão filosófica. Desta forma, o termo metafísica não foi cunhado por ele e sim por um dos seus discípulos que organizou a sua obra.

Além da “filosofia primeira”, Aristóteles investigava a “ciência do ser enquanto ser”. Por isso, ele estava interessado em questionar o que faz a matéria ser diferente e ao mesmo tempo particular.

Aristóteles

Ao contrário de Platão, Aristóteles pensava que os princípios da realidade não estão no mundo inteligível e sim no nosso mundo, o sensível. A realidade está submetida ao tempo e ao espaço.

Aristóteles afirmava que quatro causas condicionam a existência dos seres:

  1. Causa material: o corpo está composto de matéria. como sangue, pele, músculos, ossos, etc.
  2. Forma: se por um lado temos matéria, também temos uma forma. Uma cabeça, dois braços, duas pernas etc. Assim, esta forma nos transforma em seres singulares que se diferenciam dos demais.
  3. Eficiente: por que existimos? A primeira resposta é porque alguém nos fez. Isto seria uma resposta do campo da “causa eficiente”: existimos porque fomos criados.
  4. Final: existimos para algo. Esta resposta transcende a anterior porque estamos diante de uma finalidade, de uma meta. Todos os seres foram criados para um fim. O campo da filosofia que o estuda se chama “teleologia”.

Kant

É comum ouvirmos que Kant (1724-1804) teria matado a metafísica. No entanto, o que Kant quis dizer é que o ser humano não é capaz de responder a certas questões metafísicas como a existência de Deus e da alma, por exemplo.

Kant vai buscar valorizar a razão. Se não posso encontrar provas racionais, não devo me ocupar dessas questões ou ao menos não pertencem ao campo da razão.

Assim, Kant vai mudar as perguntas. Ao invés de se perguntar o que é verdade, ele se questionará como é possível que exista a verdade.

Kant expôs seu pensamento na obra "A Fundamentação da Metafísica dos Costumes", escrita em 1785.

Resumo

A história da metafísica é dividida em três períodos:

  1. Primeiro período: começa com Platão e Aristóteles (entre os séculos IV e III a.C.) e termina em David Hume (séc. XVIII). Nesta fase, se entendia a metafísica como uma reflexão do ser na sua acepção mais geral. Um dos grandes estudiosos desta época será Tomás de Aquino que vai recuperar a filosofia aristotélica e aplicá-la em seus estudos teológicos.
  2. Segundo período: se inicia com Immanuel Kant, no decorrer do século XVIII, e termina no século XX com Edmund Husserl e seus estudos sobre a fenomenologia. Kant vai prosseguir os estudos de Hume apontando o primado da razão sobre as questões transcendentais que levantava a metafísica.
  3. Terceiro período: é o período que começa na segunda década do século XX até os dias atuais. Corresponde aos estudos da metafísica contemporânea. Surgem as críticas mais negacionistas da metafísica com a recuperação do materialismo e criação do positivismo. Por outro lado, no final do século XX temos a ressurgimento da metafísica através das correntes esotéricas.

Ontologia

A área da filosofia que trata da natureza do ser, que é a realidade e a existência das coisas, e das questões metafísicas em geral é denominada ontologia.

No sentido filosófico tem várias definições e alguns autores a consideram como o estudo da metafísica contemporânea.

O vocábulo resulta da união das palavras gregas ontos (ser) e logos (palavra).

Ética

Ética é um conjunto de sistemas morais que afetam a forma com as pessoas tomam decisões. Pode ser definida como uma filosofia moral.

O termo Ética é originário da palavra grega ethos, que significa hábitos, costumes ou caráter.

A ética é abordada em diferentes segmentos da sociedade, como religião, política, filosofia e cultura.

Enquanto a metafísica estuda o ser enquanto ser, a ética se ocupa da causa e efeito. Para Aristóteles, a ética é fundamentada pela metafísica.

Epistemologia

A epistemologia é o estudo da origem e da aquisição do conhecimento.Por isso existe uma área específica para conferir a validade do conhecimento da metafísica.

Atualmente, a epistemologia moderna é baseada em dois pontos fundamentais: o empirismo e o racionalismo.

Positivismo

O positivismo é a principal corrente em oposição à metafísica. O pensamento positivista sustenta que o objetivo da ciência é a lógica. Não são consideradas as emoções e pensamentos.

Leia mais:

Juliana Bezerra
Juliana Bezerra
Bacharelada e Licenciada em História, pela PUC-RJ. Especialista em Relações Internacionais, pelo Unilasalle-RJ. Mestre em História da América Latina e União Europeia pela Universidade de Alcalá, Espanha.