Oásis


O oásis é considerado uma porção de água isolada encontrada no meio dos desertos.

Por ser muito diferente das condições do local árido, ou seja, um local composto de água e vegetação, o oásis é visto como algo divino.

Sua importância decorre da função estratégica de descanso e do abastecimento de água às rotas de comércio e caravanas que cruzam os desertos.

Vale lembrar que o oásis possui um solo muito fértil podendo assim, desenvolverem-se com técnicas de plantio e irrigação, diversos alimentos (legumes, verduras, frutas), como por exemplo: feijão, grão-de-bico, amendoim, cebola, cenoura, figos, pêssegos, frutas cítricas, damascos, cultivados sob as sombras das tamareiras, árvores típicas e adaptadas a esse tipo de solo e clima.

Formação dos Oásis

Os oásis são formados devido à erosão eólica e sua proximidade as fontes ou nascentes de água.

Dessa maneira, os ventos fortes do deserto deslocam grandes porções de areia fazendo com que ocorra a diminuição da elevação do solo.

Assim, o solo encontra o lençol freático, resultando em áreas com lagoas de água doce à superfície e vegetação.

Etimologia da Palavra

A Palavra Oásis é proveniente da língua egípcia que significa “lugar fértil”. Por sua vez, a palavra deu lugar a língua grega e latina com a mesma forma e significado.

Desta maneira, a palavra no grego chegou à língua francesa com seu sentido original e, logo ao espanhol que além de ser considerado o “lugar fértil no deserto” pode ser interpretado no sentido figurado por outros termos, como por exemplo, local de descanso, repouso, refúgio ou trégua.

Curiosidades

  • Os Romanos chamaram assim dois lugares do deserto da Líbia: Oásis Maior e Oásis Menor, lugares estes no qual eram enviados os criminosos na época do império.
  • No Egito, registros arqueológicos confirmam que os oásis são locais de sobrevivência utilizados pelo homem há sete mil anos.
  • Na África, mais precisamente no Deserto do Saara, são encontrados os maiores oásis do planeta.
  • Os principais Oásis do deserto do Saara são: Oásis Timimoun, Oásis de Guardaia, Oásis Bahariya.
  • Existem muitos oásis artificiais, construídos para o sustento das civilizações através de poços que retiram água dos aquíferos. É realizada por meio da perfuração de poços artesianos de até 2 500 metros de profundidade.
  • Em todo o planeta torno de 15 milhões de habitantes vivem em oásis.

Conheça também sobre o Deserto do Saara.