Características do Sol

Rosimar Gouveia

O Sol é uma estrela situada no centro do nosso sistema solar. Sua gravidade mantém girando em sua órbita desde os maiores planetas até pequenas partículas de detritos.

No interior do Sol são produzidas enormes quantidades de energia, através de reações de fusão do hidrogênio em hélio. Essa intensa energia é a nossa fonte de luz e calor e sem ela não existiria vida na Terra.

É uma estrela anã amarela e sua idade é de cerca de 4,6 bilhões de anos. Estima-se que levará em torno de 6,5 bilhões de anos até se transformar em uma anã branca.

Sol e os planetas do sistema solar
O Sol é o centro do nosso Sistema Solar

Conhecendo o Sol

  • A superfície do sol tem a temperatura de 5,5 mil graus Celsius e aumenta em direção ao núcleo onde atinge cerca de 15 milhões de graus Celsius.
  • Seu campo gravitacional é fortíssimo.
  • O período de rotação no equador é de 25 dias terrestres e nos polos aumenta para 36 dias.
  • Ele está distante da Terra cerca de 149,6 milhões de quilômetros.
  • O Sol é tão grande que caberiam dentro dele 1,3 milhão de planetas do tamanho da Terra.
  • As interações entre o Sol e a Terra produzem as estações do ano, o tempo, o clima e as correntes oceânicas terrestres, bem como todos os fenômenos semelhantes que ocorrem nos demais corpos celestes do Sistema Solar.
  • Ele não possui uma superfície sólida.
  • A luz solar demora cerca de oito minutos para chegar à Terra.

Composição e estrutura

A massa do Sol corresponde a 99,8% da massa do nosso sistema solar. Ele é formado por gases, sendo que 70,6% de sua massa é de hidrogênio e 27,4% por hélio.

O Sol apresenta seis regiões, são elas:

  • Núcleo - parte mais quente e com maior quantidade de massa do Sol. Tem cerca de 139 mil quilômetros. É na região do núcleo que é produzida a energia solar.
  • Zona de radiação - nessa zona, a energia do núcleo propaga-se através da radiação.
  • Zona de convecção - é a porção do Sol onde ocorrem as correntes de convecção de calor. Essas correntes levam a energia para a parte externa da superfície solar.
  • Fotosfera - é a parte visível a Terra.
  • Cromosfera - é a parte onde ocorre a transição entre a fotosfera e a coroa do Sol.
  • Coroa - é constituída por plasma. É a parte luminosa do Sol. Nessa região, a temperatura atinge 2 milhões de graus Celsius.
Estrutura do Sol
A estrutura do sol e suas regiões

Explosões Solares

As reações de fusão termonucleares que ocorrem no interior do Sol, produzem uma enorme quantidade de energia. Essa energia é levada para fora pela zona de convecção.

Esse escape ocorre com a explosão de gigantes bolhas de plasma quente compostas por átomos ionizados que se movem para cima.

A superfície solar, a fotosfera, é composta por cerca de 500 quilômetros de espessura. É dessa região que escapa a maior parte da radiação do Sol.

As atividades solares ocorrem em ciclos de aproximadamente 11 anos. Elas acontecem em virtude da mudança de polaridade dos seus polos geográficos.

Nos períodos de maior atividade solar ocorrem tempestades solares (manchas solares, erupções solares e ejeções de massa coronal), que liberam uma enorme quantidade de energia e partículas.

Vídeo

Veja no vídeo da Nasa incríveis imagens de uma tempestade de radiação solar captadas pelos satélites.

Curiosidades

A maior e mais brilhante estrela de nosso Sistema Solar inspirou e influenciou culturas por todo o mundo.

Povos antigos, como egípcios, astecas, incas, maias e outros, reverenciaram os movimentos do Sol e da Lua e os registraram em rochas e monumentos.

Calendários e monitoramentos de estações foram elaborados com base no movimento da luz solar. O nome Sol era usado pelos romanos, os gregos o chamavam Hélios.

Leia ainda:

Rosimar Gouveia
Rosimar Gouveia
Bacharelada em Meteorologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em 1992, Licenciada em Matemática pela Universidade Federal Fluminense (UFF)em 2006 e Pós-Graduada em Ensino de Física pela Universidade Cruzeiro do Sul em 2011.