Diversidade cultural no Brasil

A diversidade cultural refere-se às condições materiais e imateriais que são transmitidas e compõem uma determinada cultura. Ela pode se manifestar de diversas formas: no modo de vida, nos valores, na arte, na gastronomia, etc. e na formação dos hábitos, costumes e suas diversidades regionais e locais.

No contexto brasileiro, é importante lembrar que o país é formado originalmente pelo contato entre três culturas:

  • A cultura indígena dos povos originários.
  • A cultura africana dos diversos povos escravizados e trazidos para o Brasil.
  • A cultura europeia dos colonizadores portugueses.

Essa junção assumiu diferentes configurações ao longo da ocupação do território nacional e acrescida pelas imigrações e pelas diferentes manifestações culturais de cada localidade. Essa mistura fez com que o Brasil se tornasse um dos países com maior pluralidade cultural.

A cultura brasileira é marcada pelos regionalismos que foi desenvolvendo ao longo do tempo. A integração e intensa troca de experiências entre as diferentes regiões fazem da diversidade cultural uma das principais características do Brasil.

Devido à grande extensão do território nacional, a língua portuguesa e o passado comum são fatores decisivos para a formação da chamada identidade brasileira.

Entretanto, as diferentes localidades assumem também uma variedade de sotaques, comportamentos e modos de vida.

Assim, para compreender o que é a diversidade cultural no Brasil, é preciso entender as diferentes manifestações culturais presentes nas regiões que compõem o país.

Região Norte

A Região Norte do Brasil possui uma vasta gama de manifestações culturais e pode ser caracterizada pela influência da cultura indígena. Alguns dos elementos culturais da Região Norte do Brasil são:

Festival Folclórico de Parintins

A festa de Parintins é uma manifestação cultural tradicional do estado do Amazonas e ocorre no município de Parintins, considerada a maior festa de boi-bumbá do país.

O festival que foi criado em 1965 e desde 1966 é palco da disputa entre o Boi Garantido e o Boi Caprichoso.

Festa do Círio de Nazaré

O Círio de Nazaré é uma festa católica tradicional da Região Norte, celebrado desde 1793, no segundo domingo do mês de outubro.

O evento chega a reunir 2 milhões de pessoas em Belém todos os anos e é reconhecido como patrimônio cultural da humanidade pela UNESCO.

Outras manifestações culturais da Região Norte

Na culinária, temos os famosos peixes de rio, como o pirarucu e o filhote; o tucupi, caldo extraído da mandioca-brava; a castanha-do-pará e o açaí. Nos últimos anos, a culinária paraense alcançou mais visibilidade e tem sido reconhecida internacionalmente.

Na música, os principais ritmos da região são: carimbó, lundu, marujada, marabaixo, lambada, guitarrada e tecnobrega.

Leia também: Cultura do Norte.

Região Nordeste

A Região Nordeste do Brasil é composta por 9 estados e possui uma grande diversidade cultural. O Nordeste possui uma vasta produção de artística, presente na literatura tradicional e também na literatura de cordel, na música e no artesanato.

Algumas manifestações culturais mais tradicionais da região são:

Carnaval

O Carnaval é uma festa tradicional em todo o país. As cidades nordestinas onde o Carnaval assume uma maior presença são: Salvador (Bahia); Recife e Olinda (Pernambuco).

O Carnaval de Salvador é marcado pelos famosos trios elétricos que arrastam milhões de pessoas nas ruas ao som do ritmo que ficou conhecido no país como axé music.

Em Recife, os blocos de Carnaval são embalados pelo frevo e o maracatu. Em Olinda, além dos ritmos tradicionais, a festividade conta com a presença dos famosos bonecos gigantes, que retratam figuras conhecidas da cidade e da cultura popular em geral.

Festa de São João (Festa Junina)

A Festa de São João é uma das mais tradicionais manifestações culturais do Brasil. Em Campina Grande na Paraíba, acontece a chamada “maior festa de São João do mundo”. Embaladas ao ritmo do forró, as festas juninas reúnem também centenas de grupos de quadrilha.

Outras manifestações culturais da Região Nordeste

A culinária do Nordeste brasileiro é famosa por pratos como: cuscuz, canjica, vatapá, caruru, baião de dois, buchada de bode, acarajé, etc.

Na música, os principais ritmos são: axé, frevo, maracatu, forró, samba de roda, xaxado, xote, entre outros.

Leia também: Cultura do Nordeste.

Região Centro-Oeste

A região Centro-Oeste é a segunda maior região em território do Brasil. É conhecida por sua cultura muito ligada à terra e à produção agropecuária, possuindo uma vasta tradição folclórica e da cultura pantaneira.

Por ter limites com todas as regiões do país, e também por apresentar uma forte integração com os países vizinhos (Paraguai e Bolívia), a cultura do Centro-Oeste recebe diversas influências.

As manifestações culturais mais famosas da Região Centro-Oeste são:

Festa do Divino Espírito Santo

A Festa do Divino Espírito Santo é uma manifestação tradicional da região, sobretudo na cidade de Pirenópolis, em Goiás. A festa é uma celebração de doze dias que tem seu momento mais marcante no domingo de Pentecostes, cinquenta dias após a Páscoa.

Nela, acontece a coroação do Imperador do Divino, sorteio realizado entre os habitantes da cidade. A tradição é marcada pela união da cultura tradicional e folclórica com a tradição religiosa da igreja católica.

Outras manifestações culturais da Região Centro-Oeste

Na culinária, os pratos mais conhecidos são a galinhada com pequi (fruta muito comum na região), o empadão goiano e os famosos pratos de peixes de rio, como o pintado e o dourado.

Na música, a região é famosa pela música sertaneja e suas ramificações.

Leia mais sobre a Cultura do Centro-Oeste.

Região Sudeste

A Região Sudeste é a região mais populosa do país com cerca de 40% da população e com uma grande concentração nos seus grandes centros urbanos. Também por isso, é uma região marcada por uma grande diversidade cultural estimulada pelo grande fluxo migratório.

Algumas das manifestações culturais mais conhecidas da região são:

Carnaval

O Carnaval é uma das maiores manifestações culturais do país e da região Sudeste. Além dos tradicionais blocos, a festa conta com os desfiles das escolas de samba.

Esses desfiles contam com a participação de milhares de integrantes em cada uma das agremiações, além dos espectadores.

Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos

A festa ocorre na cidade de Barretos, interior de São Paulo, e é a principal de muitas festas com a temática do rodeio e da cultura agropecuária.

Outras manifestações culturais da Região Sudeste

Na culinária, destaca-se a cozinha mineira e seus produtos tradicionais, como o queijo minas e o pão de queijo. Outros pratos famosos da culinária do Sudeste são: a moqueca capixaba, o virado à paulista e a feijoada carioca.

Na música, destacam-se o samba, nascido na Bahia, mas com um desenvolvimento particular no Rio de Janeiro; a bossa nova; o funk e o rap.

Saiba mais sobre a Cultura do Sudeste.

Região Sul

A Região Sul possui uma forte influência da imigração europeia do século XX. Também possui características adquiridas com o grande contato com os países vizinhos, principalmente, Argentina e Uruguai.

As principais manifestações culturais da região Sul são:

Oktoberfest

A tradição alemã da festa da cerveja possui muita força na região, sendo comemorada em várias cidades. Blumenau, cidade de Santa Catarina, é onde acontece o maior festival da cerveja do país. Nele, o mês de outubro representa uma mistura entre as tradições alemãs e os elementos da cultura brasileira.

Festa da Uva

O clima propício da região permite o cultivo de uma grande variedade de uvas. A cada dois anos comemorada a Festa Nacional da Uva em Caxias do Sul, cidade do Rio Grande do Sul. A tradição italiana chegou à Serra Gaúcha através dos imigrantes italianos e é realizada desde 1932.

Outras manifestações culturais da Região Sul

Na culinária, destacam-se a qualidade dos vinhos e espumantes produzidos na região, assim como o tradicional churrasco gaúcho. Além disso, há também uma das tradições mais marcantes do Brasil, que é o consumo do chimarrão, erva-mate e água quente, tomado na cuia e comumente compartilhado.

Na música, além do sertanejo, presente sobretudo no Paraná, são tradicionais ritmos como o fandango e o vanerão.

Saiba mais sobre a Cultura da Região Sul.

Veja também: