Pressão Atmosférica

Rosimar Gouveia

A pressão atmosférica é a força exercida pela massa de gases da atmosfera sobre uma determinada superfície.

O valor da pressão atmosférica não é constante. Varia em função da altitude do local, sendo menor a medida que a altitude aumenta.

Além da variação com relação a altitude, seu valor também sofre alterações ao longo do tempo e em locais de mesma altitude.

Isto se deve ao fato da pressão atmosférica estar intimamente relacionada com a temperatura, a densidade e o volume da massa de ar.

Como a medida da pressão atmosférica é um importante indicador de mudanças meteorológicas, seu valor é registrado ao longo do dia em diferentes pontos da Terra.

Pressão Atmosférica
O barômetro é usado para medir a pressão atmosférica

Instrumentos de Medida

A medida da pressão atmosférica é feita com instrumentos chamados barômetros que podem ser de dois tipos: o de mercúrio e o aneroide.

O barômetro de mercúrio é o mais preciso e foi inventado por Evangelista Torricelli (1608-1647) em 1643. Ele consiste em um tubo de aproximadamente 1 m de comprimento, preenchido com mercúrio.

Também é utilizado para medir a pressão atmosférica um instrumento chamado barômetro aneroide. Este instrumento possui um sensor formado por discos metálicos flexíveis hermeticamente fechados.

No interior dos discos existe uma pequena quantidade de ar e uma mola que evita que a câmara seja esmagada pela variação de pressão.

Conforme a pressão aumenta, contrai os discos e essa contração é transmitida a um ponteiro calibrado que indica o valor da pressão. Esse ponteiro, muitas vezes é acoplado a uma pena que registra a variação da pressão ao longo do dia. Neste caso, o instrumento é chamado de barógrafo.

barógrafo
O barógrafo registra o valor da pressão

Como existe uma relação entre a pressão e a altitude, é usado com frequência barômetros para determinar a altitude de um local.

Chamados de altímetros, medem o valor da pressão e o seu mostrador converte para a altitude correspondente.

Fórmula da Pressão

A pressão é dada pela razão entre a força e a área da superfície, assim temos:

p igual a F sobre A

Onde,

p: pressão
F: força
A: área

No caso da pressão atmosférica, a força (F) representa o peso da coluna de ar sobre uma determinada superfície. A unidade de pressão no sistema internacional é o N/m2, sendo também chamada de Pa (pascal).

Quando indicamos os valores da pressão atmosférica, normalmente usamos um múltiplo do pascal, o hPa.

Variação da Pressão com a Altitude

O valor da pressão atmosférica padrão ao nível médio do mar é de 760 mmHg (milímetros de mercúrio) ou 1 atm (atmosfera). Esse valor corresponde a 101325 Pa ou 1013,25 hPa (unidade mais usada).

Ao subir ao longo da atmosfera, o peso da coluna de ar diminui e, consequentemente, o valor da pressão atmosférica também reduz.

A tabela abaixo apresenta os valores médios da pressão para diferentes altitudes:

Pressão e altitude

Para saber mais, leia também

Rosimar Gouveia
Rosimar Gouveia
Bacharelada em Meteorologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em 1992, Licenciada em Matemática pela Universidade Federal Fluminense (UFF)em 2006 e Pós-Graduada em Ensino de Física pela Universidade Cruzeiro do Sul em 2011.