Recôncavo Baiano


O Recôncavo Baiano ou Recôncavo da Bahia é uma área formada por 20 municípios no Estado da Bahia, na região da baía de todos os Santos. Está a cerca de 100 quilômetros de distância da capital Salvador.

Parte da região metropolitana de Salvador também pertence ao Recôncavo. O significado da palavra vem do formato côncavo e da parte, também, côncava, do litoral do Estado da Bahia. Por isso o nome re-côncavo.

A população local chega a 576,6 mil habitantes, conforme dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) de 2010.

Recôncavo BaianoRecôncavo entre as regiões econômicas da Bahia

A área total do Recôncavo chega a 5,2 mil quilômetros quadrados. O clima é semiárido. As temperaturas anuais variam entre a máxima de 32º C e a mínima de 14º C. O principal rio é o Paraguaçu.

História

É uma das áreas produtivas mais antigas do Brasil. Sua formação ocorreu ainda na época da distribuição das Capitanias Hereditárias.

A primeira atividade desenvolvida na região foi o extrativismo, com a retirada do pau-brasil. Começa em seguida o plantio da cana-de-açúcar. A economia da região foi penalizada após o período de decadência da atividade açucareira. A situação influenciou diretamente os aspectos sociais dos municípios.

As cidades históricas contam com cerca de 400 engenhos edificados no período colonial.

Houve significativa redução da área plantada e falência de engenhos.

Economia

É a partir do século XX que surgem as primeiras unidades produtoras para a extração de petróleo.

Segundo dados de 2015, do governo do Estado da Bahia, 42,09% da economia do Recôncavo advém da indústria.

A oferta de serviços corresponde a 42,5% da economia local e a agricultura a 2,19%. O PIB (Produto Interno Bruto) é US$ 14,6 bilhões.

O IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) médio dos moradores do Recôncavo é de 0,600. É considerado um IDH médio.

Leia também:

Aspectos Culturais

O Recôncavo é uma das regiões brasileiras de maior influência da cultura africana. Somente nessa região, o governo do Estado catalogou mais de 400 terreiros de candomblé em 2015.

A região foi um importante entreposto para a chegada de negros capturados para o trabalho escravo no País. Da intensa presença negra, surgem manifestações culturais que hoje identificam todo o Brasil, como o samba.

Compreenda melhor o assunto ao consultar os artigos:

As cidades do Recôncavo Baiano são:

  • Cabaceiras do Paraguaçu
  • Cachoeira
  • Castro Alves
  • Conceição do Almeida
  • Cruz das Almas
  • Dom Macedo Costa
  • Governador Mangabeira
  • Maragogipe
  • Muniz Ferreira
  • Muritiba
  • Nazaré
  • Santo Amaro
  • Santo Antônio de Jesus
  • São Felipe
  • São Félix
  • São Francisco do Conde
  • São Sebastião do Passé
  • Sapeaçu
  • Saubara
  • Varzedo

Cachoeira

Recôncavo BaianoCachoeira é uma das cidades mais importantes da Bahia

Na cidade de Cachoeira está armazenado o mais rico acervo arquitetônico da Bahia, após Salvador. Com linhas que exibem o barroco, a cidade foi tombada em 1971, como Patrimônio Histórico, Artístico e Nacional pelo Ministério da Cultura.

O povoamento de Cachoeira começou no século 16. Nos dois séculos seguintes, já figurava entre as cidades mais importantes do País.

Em Cachoeira ocorram importantes fatos da construção da história nacional, como as lutas pela Independência do Brasil, em 1822.

Quer saber mais? Leia: