Tudo sobre Gráficos

Juliana Bezerra

Os tipos de gráficos incluem as diversas formas de representar algumas informações e dados, sendo que os mais importantes são: coluna, linha, pizza e área.

Compreender os gráficos hoje em dia é uma tarefa essencial, pois eles estão muito presentes em nosso cotidiano, seja nos jornais, revistas, internet, etc.

Além disso, os concursos, vestibulares e o Enem, contém diversas questão em que os gráficos estão presentes. Assim, nada mais importante do que conhecer seus tipos e saber interpretá-los.

O que são Gráficos?

Gráficos são representações visuais utilizadas para exibir dados, sejam eles, sobre determinada informação, ou valores numéricos.

Geralmente, são utilizados para demostrar padrões, tendências e ainda, comparar informações qualitativas e quantitativas num determinado espaço de tempo.

São ferramentas utilizadas em diversas áreas de estudo (matemática, estatística, geografia, economia, história, etc.) para facilitar a visualização de alguns dados, bem como para tornar os dados mais claros e informativos.

Dessa forma, o uso de gráficos torna a interpretação e/ou análise mais rápida e objetiva.

Elementos dos Gráficos

Exemplo de Gráfico

Alguns elementos importantes que estão incluídos nos gráficos são:

  • Título: geralmente possuem um título a respeito da informação que será apresentada.
  • Fonte: muitos gráficos, sobretudo os da área de estatística, apresentam a fonte, ou seja, de onde as informações foram retiradas. Também podem apresentar o ano de publicação da fonte referida.
  • Números: estes são essenciais para comparar as informações dadas pelos gráficos. A maior parte deles utilizam números, seja para indicar quantidade ou tempo (mês, ano, trimestre).
  • Legendas: grande parte dos gráficos apresentam legendas que auxiliam na leitura das informações apresentadas. Junto a ela, cores que destacam diferentes informações, dados ou períodos, são utilizadas.

Classificação dos Gráficos

Vejamos agora as diversas maneiras de exibir os dados num gráfico, de acordo com o objetivo pretendido:

Gráfico de Colunas

Também conhecido como “Gráfico de Barra”, eles são usados para comparar quantidades ou mesmo demostrar valores pontuais de determinado período. As colunas podem surgir de duas maneiras:

Horizontal:

Gráfico de Barras

Vertical:

Gráfico de Colunas

Gráficos de Linha

Também chamado de “Gráfico de Segmento”, ele é usado para apresentar valores (sequência numérica) em determinado espaço de tempo. Ou seja, mostra as evoluções ou diminuições de algum fenômeno.

Gráfico de Linha

Gráfico Pizza

Também chamado de “Gráfico de Setores”, esse modelo recebe esse nome pois tem a forma de uma pizza, ou seja, é circular. Eles são utilizados para reunir valores a partir de um todo, segundo o conceito de proporcionalidade.

Gráfico Pizza

Gráfico de Área

Esse tipo de gráfico é utilizado para demostrar as alterações ou comparar valores ao longo de um tempo. Ele é formado por um conjunto de linhas e pontos, onde a área é preenchida.

Gráfico de Área

Histograma

O Histograma é uma ferramenta de análise de dados que apresenta diversos retângulos justapostos (barras verticais).

Por esse motivo, ele se assemelha ao gráfico de colunas, entretanto, o histograma não apresenta espaço entre as barras.

Histograma

Ele é muito utilizado na área da estatística, sendo um importante indicador para a distribuição de dados.

Segundo sua representação gráfica, eles são classificados em:

  • Histogramas Simétricos: composto de uma frequência mais alta (no centro) e que aos poucos vai diminuindo conforme se aproxima das bordas.
  • Histogramas Assimétricos: apresenta somente um ponto mais alto, sendo que o resto dos retângulos são assimétricos.
  • Histograma Despenhadeiro: nesse tipo, a representação parece incompleta, pois é usado quando alguns dados são eliminados.
  • Histograma com Dois Picos: nesse caso, temos duas análises de dados distintas que apresentam dois picos (pontos maiores).
  • Histograma Platô: no centro da figura nota-se a aproximação das frequências, o que forma uma figura menos desigual.
  • Histograma Retângulos Isolados: também chamado de “ilha isolada”, esse caso de histograma apresenta lacunas, que por sua vez, indicam uma anormalidade ou erros no processo.

Infográficos

Os infográficos representam a união de uma imagem com um texto informativo. As imagens podem conter alguns tipos de gráficos.

Exemplo de Infográfico

Infográfico sobre o Consumo de Água

Da mesma maneira que os gráficos, eles facilitam a compreensão sobre um tema. Esse tipo de ferramenta é muito utilizado no meio jornalístico e ainda, nos livros didáticos.

Diagramas

Exemplo de Diagrama

Exemplo de Diagrama

Os diagramas são tipos de representações gráficas, que demostram, por exemplo, um esquema ou uma maquete.

Também são usados para simplificar uma ideia ou conceito, e, portanto, facilitam na interpretação do tema.

Geralmente incluem linhas, setas, desenhos, etc. São muito utilizados na área das estatísticas e administração.

Tabelas

As tabelas são usadas para organizar algumas informações ou dados. Da mesma forma que os gráficos, elas facilitam o entendimento, por meio de linhas e colunas que separam os dados.

Exemplo de Tabela

Sendo assim, são usadas para melhor visualização de informações em diversas áreas do conhecimento. Também são muito frequentes em concursos e vestibulares.

Exercícios do Enem com Gabarito

Confira abaixo exercícios com gráficos que caíram no Enem:

1. (Enem-2012) O dono de uma farmácia resolveu colocar à vista do público o gráfico mostrado a seguir, que apresenta a evolução do total de vendas (em Reais) de certo medicamento ao longo do ano de 2011.

Gráfico do Enem

De acordo com o gráfico, os meses em que ocorreram, respectivamente, a maior e a menor venda absolutas em 2011 foram

a) março e abril.
b) março e agosto.
c) agosto e setembro.
d) junho e setembro.
e) junho e agosto.

Alternativa e

2. (Enem-2012) A figura a seguir apresenta dois gráficos com informações sobre as reclamações diárias recebidas e resolvidas pelo Setor de Atendimento ao Cliente (SAC) de uma empresa, em uma dada semana. O gráfico de linha tracejada informa o número de reclamações recebidas no dia, o de linha contínua é o número de reclamações resolvidas no dia. As reclamações podem ser resolvidas no mesmo dia ou demorarem mais de um dia para serem resolvidas.

Gráfico Enem

O gerente de atendimento deseja identificar os dias da semana em que o nível de eficiência pode ser considerado muito bom, ou seja, os dias em que o número de reclamações resolvidas excede o número de reclamações recebidas.

Disponível em: http://blog.bibliotecaunix.org. Acesso em: 21 jan. 2012 (adaptado).

O gerente de atendimento pôde concluir, baseado no conceito de eficiência utilizado na empresa e nas informações do gráfico, que o nível de eficiência foi muito bom na:

a) segunda e na terça-feira.
b) terça e na quarta-feira.
c) terça e na quinta-feira.
d) quinta-feira, no sábado e no domingo.
e) segunda, na quinta e na sexta-feira.

Alternativa b

3. (Enem-2005) Texto para as questões 1 e 2:

Nos últimos anos, ocorreu redução gradativa da taxa de crescimento populacional em quase todos os continentes. A seguir, são apresentados dados relativos aos países mais populosos em 2000 e também as projeções para 2050.

Gráfico Enem

(Questão 1) Com base nas informações acima, é correto afirmar que, no período de 2000 a 2050:

a) a taxa de crescimento populacional da China será negativa.
b) a população do Brasil duplicara.
c) a taxa de crescimento da população da Indonésia será menor que a dos EUA.
d) a população do Paquistão crescerá mais de 100%.
e) a China será o país com a maior taxa de crescimento populacional do mundo.

Alternativa d

4. (Questão 2) Com base nas informações dos gráficos mostrados, suponha que, no período 2050-2100, a taxa de crescimento populacional da Índia seja a mesma projetada para o período 2000-2050. Sendo assim, no início do século XXII, a população da Índia, em bilhões de habitantes, será:

a) inferior a 2,0
b) superior a 2,0 e inferior a 2,1
c) superior a 2,1 e inferior a 2,2
d) superior a 2,2 e inferior a 2,3
e) superior a 2,3

Alternativa e

Juliana Bezerra
Juliana Bezerra
Bacharelada e Licenciada em História, pela PUC-RJ. Especialista em Relações Internacionais, pelo Unilasalle-RJ. Mestre em História da América Latina e União Europeia pela Universidade de Alcalá, Espanha.