ALADI

Juliana Bezerra

A Associação Latino-Americana de Integração (ALADI) é uma organização intergovernamental que reúne 13 países latino-americanos.

Seus objetivos são a diminuição de impostos alfandegários em produtos comercializados no âmbito latino-americano. Por conseguinte, promovem a cooperação técnica e econômica, e desenvolvimento de áreas desfavorecidas do continente.

Leia mais sobre a América Latina.

Origem

As origens da ALADI se remontam a 1960 quando vários países latino-americanos se reuniram na capital uruguaia para implementar uma zona livre de comércio, a ALALC.

Esta iniciativa seguia a mesma linha das instituições que buscavam a integração regional como o BENELUX ou a Comunidade Econômica Europeia.

Igualmente, visava proteger o mercado latino-americano da influência de americanos e europeus que eram seus principais compradores.

Vinte anos depois, atualizando aquele projeto, a ALADI foi criada em 1980 através do Tratado de Montevidéu.

Naquela época, vários países da região como Brasil, Argentina e Chile estavam sob regimes ditatoriais. Porém, isso não foi impedimento para que os governos iniciassem este processo de integração.

Saiba mais sobre outros blocos regionais como o Mercosul e a CAN.

Aladi

Estrutura e Organização

A sede da ALADI está localizada em Montevidéu, Uruguai. Sua estrutura é formada pelo Conselho de Ministros das Relações Exteriores, a Conferência de Avaliação e Convergência e o Comitê de Representantes.

Esta estrutura é coordenada pela Secretaria-Geral.

Os ministros de Relações Exteriores dos países-membros se reúnem periodicamente para avaliar e promover políticas que aumentem a integração econômica latino-americana.

Objetivos

  • preferência tarifária regional, aplicada a produtos originários dos países-membros frente às tarifas em vigor para terceiros países;
  • acordos de alcance regional (comuns a todos os países-membros);
  • acordos de alcance parcial, com a participação de dois ou mais países da área
  • incentivar o intercâmbio entre empresas latino-americanas.

Igualmente, possui o Centro Virtual de Capacitação onde qualquer interessado pode fazer cursos sobre o funcionamento do organismo e sobre o comércio latino-americano.

Características

A ALADI compreende uma superfície 20 milhões de quilômetros quadrados e mais de 510 milhões de habitantes. Isso corresponde a 91% da população americana.

Segundo dados de 2014 da própria organização, a renda per capita de um habitante da ALADI é de 10.000 dólares.

Já o comércio inter-regional movimenta anualmente 170 bilhões de dólares.

Dificuldades para a Integração

As dificuldades para o sucesso de uma integração latino-americana esbarram sempre nos mesmos problemas: falta de vontade política entre os países-membros e verbas.

Os países latino-americanos ainda se encontram muito dependentes dos países europeus, dos Estados Unidos e agora, do mercado asiático. Assim, tendem a ver seus parceiros latino-americanos como sócios menores para alcançar seus objetivos comerciais.

Também a falta de verbas para obras de infraestrutura que a região necessita resulta no encarecimento de transporte das mercadorias. Deste modo, às vezes, é mais atrativo exportar produtos para a Europa do que para um país fronteiriço.

Países Membros

Juliana Bezerra
Juliana Bezerra
Bacharelada e Licenciada em História, pela PUC-RJ. Especialista em Relações Internacionais, pelo Unilasalle-RJ. Mestre em História da América Latina e União Europeia pela Universidade de Alcalá, Espanha.