Respiração Pulmonar

Lana Magalhães

A respiração pulmonar corresponde ao processo em que as trocas gasosas ocorrem nos pulmões.

Os animais que apresentam a respiração pulmonar são: alguns moluscos, a maioria dos anfíbios adultos, répteis, aves e mamíferos.

O ser humano realiza a respiração pulmonar e a respiração celular.

A respiração pulmonar é responsável pelas trocas gasosas entre o organismo e o meio ambiente.

As trocas gasosas, também chamadas de hematose, consistem na entrada de oxigênio e saída de gás carbônico do organismo.

A inspiração e expiração

A respiração pulmonar deve-se aos movimentos do diafragma.

O diafragma é um músculo que altera o volume da caixa torácica, conforme o seu movimento.

Durante a inspiração, entrada do ar, o diafragma contrai-se e aumenta o volume da caixa torácica

Durante a expiração, saída do ar, o diafragma relaxa e diminui o volume da caixa torácica.

O caminho percorrido pelo ar

Ao entrar pelas cavidades nasais, o ar percorre a faringe, laringe, traqueia, brônquios, bronquíolos até chegar aos alvéolos pulmonares, nos pulmões.

As cavidades nasais são revestidas por pelos que podem reter poeiras e microrganismos.

Nas cavidades nasais, o ar é filtrado, umidificado e aquecido. Desse modo, entra no organismo em uma temperatura e em condições adequadas.

Ao chegar aos alvéolos pulmonares, ocorrem as trocas gasosas.

O oxigênio passa dos alvéolos para o sangue que circula nos capilares sanguíneos e o gás carbônico, passa do sangue para os alvéolos.

O caminho percorrido pelo ar até chegar aos bronquiolos

O caminho percorrido pelo ar até chegar aos bronquíolos

Saiba mais o Sistema Respiratório.

Peixes com respiração pulmonar

Alguns peixes ósseos possuem, além da respiração branquial, a pulmonar.

Esses peixes são chamados de pulmonados ou dipnoicos.

Eles possuem uma estrutura altamente vascularizada e ligada à faringe que funciona como um pulmão primitivo.

A piramboia (Lepidosiren paradoxa) é o único peixe pulmonado que existe no Brasil.

A piramboiaPiramboia

Lana Magalhães
Lana Magalhães
Licenciada em Ciências Biológicas (2010) e Mestre em Biotecnologia e Recursos Naturais pela Universidade do Estado do Amazonas/UEA (2015). Doutoranda em Biodiversidade e Biotecnologia pela UEA.