Bacia Amazônica


A Bacia Amazônica é uma das Bacias hidrográficas do Brasil, considerada a maior do país e do mundo.

Recebe esse nome posto que o rio mais importante da Bacia é o Rio Amazonas, que nasce nos Andes Peruanos. Ele é originado pela confluência do rio Solimões e do rio Negro.

Caraterísticas e Importância da Bacia Amazônica

Bacia Amazônica
Região Hidrográfica Amazônica

A Bacia Amazônica possui 7 milhões de Km2 de extensão aproximadamente, no qual cerca de 4 milhões de Km2 estão no território brasileiro (que corresponde a 42% do território nacional).

Além do Brasil, ela abrange diversos países da América Latina: Peru, Bolívia, Colômbia, Equador, Venezuela, Guiana e Suriname.

Está localizada em grande parte no norte do país e uma porção do centro-oeste, nos estados do Amazonas, Pará, Amapá, Acre, Roraima, Rondônia e Mato Grosso.

Por ser a maior bacia hidrográfica do Brasil e do mundo, a Bacia Amazônica possui grande importância ambiental uma vez que detém uma das maiores quantidades de água doce do planeta.

A região abriga a maior Floresta Tropical do mundo, a Floresta Amazônia, a qual apresenta uma rica biodiversidade da fauna e da flora. Possui a maior diversidade de peixes do mundo, com cerca de 3.000 espécies.

O Rio Amazonas é o segundo rio mais extenso do mundo (cerca de 7 mil km de extensão) e o maior em volume de água. É um rio de planície com baixo declividade que possui grande potencial de navegação. O local apresenta mais de 20 mil quilômetros de vias fluviais navegáveis e ainda, o maior potencial de geração de energia hidrelétrica do Brasil.

A navegação no rio é feita por barcos de pequeno, médio e grande porte. Considerada uma atividade econômica essencial da região (transporte de produtos agrícolas, por exemplo), esse fator auxilia na vida das diversas populações ribeirinhas que lá vivem.

Dessa forma, as hidrovias correspondem ao meio de transporte mais importante de deslocamento e comunicação entre as cidades da região.

A região Amazônica apresenta um relevo relativamente plano e o clima equatorial (uma vez que está próximo da Linha Equador), com elevadas temperaturas e alto índice pluviométrico, de forma que apresenta chuvas em quase todos os meses do ano.

De tal maneira, os rios possuem dois períodos: um de cheia e outro menor, de seca (estiagem). Com frequência, a mata do local é inundada sazonalmente pelos rios que a compõem, o qual passa a ser denominado de Mata de Igapó.

Saiba mais nos artigos: Bacia Hidrográfica e Hidrografia do Brasil.

Rios

A região hidrográfica da Amazônica é formada por córregos, restingas, praias, igarapés, matas inundadas, lagos de várzea, dentre outros. Assim, muitos rios caudalosos formam a Bacia Amazônica sendo os principais:

  • Rio Amazonas
  • Rio Negro
  • Rio Solimões
  • Rio Madeira
  • Rio Trombetas
  • Rio Purus
  • Rio Tapajós
  • Rio Branco
  • Rio Javari
  • Rio Juruá
  • Rio Xingu
  • Rio Japurá
  • Rio Iça