Economia da Região Sul


A economia da Região Sul do Brasil é distribuída nos setores de agropecuária, extrativismo, indústria, comércio e serviços.

A região é responsável por 16,2% do PIB (Produto Interno Bruto Nacional), segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Resumo

A economia da Região Sul evoluiu de uma matriz totalmente agrícola para a diversificação industrial. As duas atividades são as principais fontes de renda da população.

A região é formada pelos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Paraná

A economia paranaense é baseada na agricultura, pecuária, indústria e mineração. Na região metropolitana de Curitiba, capital do estado, está localizado um dos pilares da indústria automotiva nacional.

Diversas montadoras atuam na cidade de São José dos Pinhais. A produção é centrada em veículos de passeio, carga, comerciais leves, ônibus e peças automotivas.

No campo, a alta tecnologia agrícola é empregada nas produções de algodão, café, milho e trigo. O estado é destaque na produção de arroz, batata, cana-de-açúcar e mandioca.

O extrativismo mineral está baseado na retirada de calcário, cobre, ferro, mármore e dolomita.

Santa Catarina

Os municípios catarinenses têm como base econômica a agricultura, construção civil, pesca, pecuária e turismo. O setor de tecnologia tem maior presença na capital, Florianópolis.

No campo são produzidos aveia, bananas, cebolas, cevada, feijão, fumo, maçãs, soja e uvas. A base econômica está no binômio pesca-pecuária. Santa Catarina é o maior produtor de suínos do País e exporta para a Europa, principalmente para a Rússia.

Rio Grande do Sul

O estado mais rico da região é marcado pela diversificação econômica. Além da agricultura, a indústria e o setor de serviços são a base da economia local.

Entre os principais produtos estão: arroz, milho, soja e trigo.

Cultura na Região Sul

A herança cultural do Sul é um dos motores da economia da região. É formada por um misto de costumes herdados de índios, negros africanos, portugueses, alemães e italianos. Essa diferenciação é observada na arquitetura, nas festas, nas comidas e na música.

Fica em Santa Catarina uma das festas que mais atraem visitantes à região, a "Oktoberfest", que atrai ao menos cem mil pessoas todos os anos a Blumenau. A festa, marcada pela tradição alemã, virou um marco para a região.

Leia também: Cultura da Região Sul.

Turismo na Região Sul

O elo cultural impulsiona o turismo, marcado pela oferta de cafés coloniais, especialmente na Serra Gaúcha.

As belezas naturais são os principais atrativos de turistas ao Sul. A costa é rica em praias, mesmo com o clima mais amento em comparação com as localizadas no restante do País.

O relevo peculiar, com serras e formações diversas, também é um importante atrativo. Ficam no Paraná as Cataratas do Iguaçu, um conjunto de 273 quedas d'água, localizadas na cidade de Foz do Iguaçu.

Continue a estudar! Saiba mais sobre a Região Sul.