Mesopotâmia

Juliana Bezerra

A palavra mesopotâmia significa "entre dois rios" e se refere às cidades-estado, impérios e civilizações surgidas entre os rios Tigre e Eufrates.

A civilização mesopotâmica é chamada de "berço da Humanidade", pois ali viveram povos que deixaram para a humanidade legados como a divisão do calendário em 360 dias, a escrita, os cálculos astronômicos, entre outras invenções.

Mesopotâmia: localização e mapa

A Mesopotâmia era a palavra que os gregos utilizavam para indicar as terras entre os rios Tigre e Eufrates.

Atualmente, corresponde aos territórios do norte da Síria e grande parte do Iraque, terminando no Golfo Pérsico.

Mapa da Mesopotâmia
Região do Crescente Fértil onde os primeiros seres humanos se fixaram e começaram a viver em cidades

Formação da Civilização Mesopotâmica

Por volta do ano de 10.000 a.C., os primeiros seres humanos se fixaram na região da Mesopotâmia, desenvolveram a agricultura e domesticaram os primeiros animais. Assim, o ser humano deixou de ser nômade para se tornar sedentário.

Esta zona tinha uma terra fecunda e se estendia até o Egito. Sua extensão, quando traçada num mapa, recordava à lua crescente e por isso, foi chamada de Crescente Fértil.

Quanto mais comida, mais pessoas podiam se alimentar e viver melhor. Agora, os seres humanos se organizam em cidades. Por outra parte, como a população crescia era preciso também mais espaço de cultivo e então começam as disputas por território.

No entanto, apesar das brigas por terra, as diferentes cidades começaram a fazer trocas comerciais entre si, com os excedentes de suas colheitas. Por isso, houve a especialização de tarefas entre a população e esta passou a ser dividida entre agricultores, guerreiros e comerciantes.

Também surgiram aqueles que tinham a chave para o sagrado, os sacerdotes e as sacerdotisas. Aparece, assim a ideia de religião, por volta do ano de 6000 a.C.

Com o crescimento das cidades e das trocas comerciais, surgiu a necessidade de controlar os produtos que entravam e saíam. Assim, se inicia o sistema de escrita, primeiro, com símbolos pictóricos, e mais tarde, com desenhos mais simples.

O desenvolvimento da escrita marca para muitos estudiosos do fim da pré-história. O período posterior é chamado Antiguidade.

Principais Cidades da Mesopotâmia

A Mesopotâmia foi o berço de grandes urbes. Citamos algumas como:

  • Ur
  • Uruk
  • Nínive
  • Acádia
  • Babilônia
  • Babel

Civilização Mesopotâmica

Cidade de Ur
Aspecto aproximado da cidade de Ur, considerada a primeira urbe da História

A zona entre os rios Tigre e Eufrates foi ocupada, a cerca de 5000 anos, principalmente por dois povos: os sumerianos, ao sul e os acadianos, ao norte.

Por volta de 3000 a.C. começam modificações significativas naquela área com o crescimento das cidades e estabelecimento da monarquia como forma de governo.

O primeiro rei a unificar as diferentes cidades na Mesopotâmia foi Sargon I. Sob seu reinado, as cidades mesopotâmicas deixaram de ser rivais entre si e formaram um vasto império, o primeiro criado na história da humanidade

Igualmente, o neto de Sargon I, Narâm-Sîm, foi o pioneiro em declarar-se um ser divino e estabelecer um culto a sua pessoa. Por volta do ano de 2200 a.C., este Império acaba devido à invasão dos povos guti.

Resumo da Civilização Mesopotâmica

Os povos que viveram na região mesopotâmica deram à humanidade inventos que são utilizados em todo o mundo.

Desde cálculos astronômicos, passando pela ideia de trancar as casas com chaves, as sociedades que se desenvolveram naquela zona criaram:

  • Agricultura e construção de templos;
  • Sistema de pesos e medidas unificados;
  • Divisão administrativa do reino em províncias;
  • Pagamentos de impostos sob a forma de parte da colheita;
  • Divisão do ano em 360 dias e a semana em sete dias.

Pesquise também sobre este assunto:

Juliana Bezerra
Juliana Bezerra
Bacharelada e Licenciada em História, pela PUC-RJ. Especialista em Relações Internacionais, pelo Unilasalle-RJ. Mestre em História da América Latina e União Europeia pela Universidade de Alcalá, Espanha.