Afoxé

Márcia Fernandes

Afoxé é o nome de uma manifestação popular de origem africana. Além de ser o nome da expressão artística, é como se chama o instrumento musical utilizado nesse traço da cultura popular brasileira, típico do nosso folclore.

O ritmo é o ijexá e sua origem é africana. Presente no candomblé, o afoxé homenageia um orixá. Por esse motivo, pode ser considerado um candomblé de rua, inclusive, considerado para alguns como uma espécie de Maracatu.

Carregado de influência religiosa, é um cortejo que faz parte do carnaval, mas não deve ser confundido com um bloco carnavalesco.

O afoxé ajuda a compor as manifestações culturais presentes na Festa do Senhor Bom Jesus do Bonfim. Essa festa é considerada patrimônio imaterial da Bahia pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e Unesco.

É característico da Bahia e está presente em vários estados brasileiros, dentre os quais Pernambuco, Maranhão, Rio de Janeiro e São Paulo.

Dança

O afoxé tem início nos terreiros de candomblé, onde é feito um ritual. O dançarino que conduz a dança é um menino que tem entre 8 e 10 anos, o qual executa passos difíceis.

Logo depois, o afoxé toma as ruas em cortejo.

Imagem de pessoas a executar o afoxé

Instrumentos

O afoxé, também conhecido como agbê, consiste em um cabaça vestida com uma rede feita de miçangas de vários tipos

Instrumento musical: afoxé

Afoxé ou Agbê

Esse não é único instrumento utilizado para dar ritmo ao afoxé. Ela conta também com os atabaques e com o agogô, principalmente, além do xequerê, o qual é muito parecido com o afoxé.

Instrumento musical: abaques

Atabaques

Instrumento musical: agogô

Agogô

Os atabaques são três tambores, cada um com um tamanho diferente. O agogô, por sua vez, são duas campânulas de metal em que se bate uma vareta para dar som.

Origem

O afoxé surgiu entre 1894 e 1895. A palavra afoxé significa “a fala que faz” e é de origem iorubá, um grande grupo étnico da África Ocidental.

Afoxé Filhos de Gandhy

O grupo Filhos de Gandhy é um dos principais de Afoxé. De Salvador, sua fundação data do final da década de 40, sendo criado pelos estivadores baianos. Graças a ele, o ritmo musical ijexá tornou-se popular.

No Rio de Janeiro, há um grupo com o mesmo nome que foi fundado no início da década de 50. O nome dos grupos é uma homenagem ao pacifista indiano que lutou pela independência da Índia, Mahatma Gandhi (1869-1948).

Características

Os principais elementos que definem o que representa o afoxé consiste nas roupas, na música e nos instrumentos.

Roupas - Têm destaque a vestimenta dos participantes, as quais contém as cores dos orixás.
Músicas - As músicas são cantadas por todos os participantes, de forma harmoniosa, na língua iorubá.
Instrumentos - Os principais são o afoxé, atabaques e agogô, tal como citado acima.

Leia:

Márcia Fernandes
Márcia Fernandes
Professora, pesquisadora, produtora e gestora de conteúdos on-line. Licenciada em Letras pela Universidade Católica de Santos.