Amida


A amida corresponde a uma função orgânica constituída de compostos orgânicos (presença de átomos de carbono) derivados da amônia (NH3), no qual são substituídos os átomos de hidrogênio pelos radicais acila (grupo acil: R-CO-).

A partir disso, dependendo do número de radicais acilas ligados a molécula de nitrogênio, as amidas são classificadas em:

  • Amidas Primárias: ocorre quando há presença de um grupo acila ligado ao nitrogênio (R-CO)NH2.
  • Amidas Secundárias: ocorre quando há presença de dois grupos acila ligado ao nitrogênio (R-CO)2NH.
  • Amidas Terciárias: ocorre quando há presença de três grupos acila ligado ao nitrogênio (R-CO)3N.

As amidas são compostos de caráter básico não encontrados na natureza e, portanto, são sintetizadas em laboratório pelo processo de desidratação de sais de amônio (NH4), hidratação de nitrilas (–CN) ou nas reações de cloretos de ácidos.

Note que a primeira amida a ser sintetizada em laboratório foi a ureia ou diamida (CO(NH2)2). Nesse ínterim, outra classificação das amidas corresponde ao número de grupo amida presente na molécula, por exemplo as diamidas (dois grupos amidas), as triamidas (três grupos de amidas), etc.

Por conseguinte, devido a presença do grupo carbonila (C=O), as amidas são classificados como polares, uma vez que são compostos solúveis em água.

Por fim, as amidas são compostos encontrados nas fases líquida ou sólida e muito importantes na produção de detergentes, fertilizantes, polímeros, medicamentos, nylon, dentre outros.

Fórmula Geral das Amidas

A fórmula molecular das amidas é: CONH2

Fórmula geral das amidas

Exemplos de Amidas

  • Butanamida (butiramida) C4H9NO
  • Acetamida (etanamida) CH3CONH2
  • ​Formamida ( metanoamida) CH3NO

Saiba tudo sobre Funções Nitrogenadas.