Exercícios sobre Hidrocarbonetos


Os hidrocarbonetos são compostos formados exclusivamente por átomos de carbono (C) e de hidrogênio (H), com fórmula geral: CxHy.

Esse é um tema frequente nas questões de vestibulares e merece atenção nos estudos de Química.

Teste os seus conhecimentos sobre hidrocarbonetos com os exercícios a seguir, e conte com o gabarito e respostas comentadas:

1.(PUC - PR) Alcinos são hidrocarbonetos:

a) alifáticos saturados.
b) alicíclicos saturados.
c) alifáticos insaturados com dupla ligação.
d) alicíclicos insaturados com tripla ligação.
e) alifáticos insaturados com tripla ligação.

Alternativa e) alifáticos insaturados com tripla ligação.

Comentário: Os hidrocarbonetos alifáticos são aqueles que não apresentam anel de benzeno em sua cadeia. Eles podem ser cíclicos, quando possuem um anel em sua estrutura. E também acíclicos, quando não apresentam anéis.

Além disso, também podem ser saturados e insaturados. Os saturados possuem apenas ligações simples, e os insaturados apresentam ao menos uma insaturação (ligação dupla ou tripla).

Assim, os alcinos são todos os hidrocarbonetos acíclicos e insaturados, os quais apresentam uma ligação tripla em sua cadeia carbônica.

2. (Unesp) O octano é um dos principais constituintes da gasolina, que é uma mistura de hidrocarbonetos. A fórmula molecular do octano é:

a) C8H18
b) C8H16
c) C8H14
d) C12H24
e) C18H38

Alternativa a) C8H18

Comentário: Lembre-se que o octano é um alcano, logo apresenta apenas ligações simples e cadeia aberta. Ele apresenta oito átomos de carbono e 18 de hidrogênio em sua fórmula.

A sua fórmula estrutural é a seguinte:

tabela linha com blank blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank blank blank linha com blank blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank blank blank linha com reto H menos reto C menos reto C menos reto C menos reto C menos reto C menos reto C menos reto C menos reto C menos reto H blank linha com blank blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank blank blank linha com blank blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank blank blank linha com blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank fim da tabela espaço

3. (UFSCar-SP) Considere as afirmações seguintes sobre hidrocarbonetos.

I) Hidrocarbonetos são compostos orgânicos constituídos somente de carbono e hidrogênio.
II) São chamados de alcenos somente os hidrocarbonetos insaturados de cadeia linear.
III) Cicloalcanos são hidrocarbonetos alifáticos saturados de fórmula geral CnH2n.
IV) São hidrocarbonetos aromáticos: bromobenzeno, p-nitrotolueno e naftaleno.

São corretas as afirmações:

a) I e III, apenas.
b) I, III e IV, apenas.
c) II e III, apenas.
d) III e IV, apenas.
e) I, II e IV, apenas.

Alternativa a) I e III, apenas.

Comentário: A afirmação do item I está correta pois os hidrocarbonetos são todos os compostos que apresentam carbono e hidrogênio em sua constituição.
O item II está incorreto pois os alcinos também são hidrocarbonetos insaturados, eles apresentam uma ligação tripla em sua cadeia carbônica.
O item III está correto pois os cicloalcanos ou ciclanos são hidrocarbonetos de cadeia fechada com ligações simples.
O item IV está incorreto pois o bromobenzeno e o p-nitrotolueno não são hidrocarbonetos, eles apresentam outros elementos além de carbono e hidrogênio.

4. (FATEC - 2008) O gás liquefeito de petróleo, GLP, é uma mistura de propano, C3H8, e butano, C4H10. Logo, esse gás é uma mistura de hidrocarbonetos da classe dos:

a) alcanos.
b) alcenos.
c) alcinos.
d) cicloalcanos.
e) cicloalcenos.

Alternativa a) alcanos.

Comentário: O propano e butano são alcanos, pois apresentam apenas ligações simples em suas cadeias carbônicas.

Propano: tabela linha com blank blank reto H blank reto H blank reto H blank blank linha com blank blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank blank linha com reto H menos reto C menos reto C menos reto C menos reto H linha com blank blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank blank linha com blank blank reto H blank reto H blank reto H blank blank linha com blank blank blank blank blank blank blank blank blank fim da tabela

Butano: tabela linha com blank blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank blank blank linha com blank blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank blank blank linha com reto H menos reto C menos reto C menos reto C menos reto C menos reto H blank linha com blank blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank linha vertical blank blank blank linha com blank blank reto H blank reto H blank reto H blank reto H blank blank blank linha com blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank fim da tabela

5. (Uel) A fórmula molecular do 2,3 - dimetil butano, é:

a) C6H14
b) C6H12
c) C6H10
d) C4H10
e) C4H8

Alternativa a) C6H14

Comentário: A fórmula estrutural do 2,3 - dimetil butano é:

2,3 - dimetil butano

6. (UFU-MG) A substância de fórmula C8H16 representa um:

a) alcano de cadeia aberta.
b) alceno de cadeia aberta.
c) alcino de cadeia aberta.
d) composto aromático.
e) alcino de cadeia fechada.

Alternativa b) alceno de cadeia aberta.

Comentário: A substância em questão é o Octeno e a sua fórmula estrutural do C8H16 é:

Octeno

Quer saber mais? Leia também:

7. (Unifor - CE) O 2-metilpent-2-eno tem fórmula molecular:

a) C6H12.
b) C6H10.
c) C5H12.
d) C5H10.
e) C5H8.

Alternativa a) C6H12.

Comentário: A fórmula estrutural do 2-metilpent-2-eno é:

2-metilpent-2-eno

8. (Uema 2014) A OGX energia, braço de exploração de petróleo no Maranhão do grupo EBX, do empresário Eike Batista, descobriu uma reserva gigante de gás natural, uma mistura de hidrocarbonetos leves, constituído principalmente por etano, propano, isobutano, butano, pentano, isopentano, dentre outros, na cidade de Capinzal do Norte, localizada a 260 km de São Luís. As reservas, segundo a OGX, têm de 10 trilhões a 15 trilhões de pés cúbicos de gás, o equivalente a 15 milhões de metros cúbicos por dia – metade do que a Bolívia manda ao Brasil diariamente. Fonte: Disponível em: Acesso em: 01 jul. 2013. (adaptado)

A nomenclatura desses hidrocarbonetos leves, constituintes do gás natural é baseada, dentre alguns critérios, na quantidade de carbonos presentes no composto. O número correto de carbonos nos seis primeiros compostos citados no texto, são, respectivamente:

a) 2, 5, 5, 3, 4, 4.
b) 2, 4, 4, 3, 5, 5.
c) 2, 4, 4, 5, 5, 3.
d) 2, 3, 5, 5, 4, 4.
e) 2, 3, 4, 4, 5, 5.

Alternativa e) 2, 3, 4, 4, 5, 5.

Comentário: Para sabermos quantos carbonos existem em cada um dos compostos, devemos conhecer a sua fórmula estrutural ou molecular. Lembre-se que a nomenclatura dos hidrocarbonetos ajuda a construir as suas cadeias, pois indica o número de carbonos presentes e a presença ou não de ramificações e insaturações.

Nesse caso, temos:

Etano:

etano

Propano:

Propano

Isobutano:

Isobutano

Butano:

Butano

Pentano:

Pentano

Isopentano:

Isopentano

9. (Uel) Um dos hidrocarbonetos de fórmula C5H12 pode ter cadeia carbônica:

a) cíclica saturada.
b) acíclica heterogênea.
c) cíclica ramificada.
d) aberta insaturada.
e) aberta ramificada.

Alternativa e) aberta ramificada.

Comentário: O hidrocarboneto em questão é um alcano, logo, apresenta cadeia aberta. Como as opções sugerem apenas cadeia aberta insaturada e ramificada, e sabemos que os alcanos não possuem insaturações. Logo, é possível afirmar que trata-se de uma cadeia aberta ramificada:

tabela linha com blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank linha com célula com reto H com 3 subscrito reto C fim da célula menos CH célula com menos CH com 2 subscrito fim da célula menos célula com CH com 3 subscrito fim da célula blank blank blank blank blank blank blank blank linha com blank blank linha vertical blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank linha com blank blank célula com CH com 3 subscrito fim da célula blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank linha com blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank linha com blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank blank fim da tabela

10. (Fatec) No rótulo de um solvente comercial há indicação de que contém apenas hidrocarbonetos alifáticos. A partir dessa informação conclui-se que esse solvente não deverá conter, como um de seus componentes principais, o:

a) tolueno.
b) n-hexano.
c) heptano.
d) ciclohexano.
e) pentano.

Alternativa a) tolueno.

Comentário: Os hidrocarbonetos alifáticos são os que possuem a cadeia carbônica aberta. No caso, o tolueno é um hidrocarboneto aromático.

11. (Fatec-SP) O hidrocarboneto que apresenta a menor quantidade de átomos de H por molécula é:

a) metano.
b) etano.
c) eteno.
d) etino.
e) propino.

Alternativa d) etino.

Comentário: O etino possui apenas dois átomos de carbono (C2H2), sendo o alcino mais simples.

12. (UEPB-PB) As bolinhas de naftalina são produtos muito utilizados em armários, no combate às traças. Elas diminuem de tamanho com o passar do tempo devido ao fenômeno da sublimação. Assinale a alternativa que corresponde ao constituinte químico da naftalina e a série orgânica a que pertence, respectivamente:

a) tolueno; hidrocarboneto.
b) naftaleno; cicleno.
c) fenantreno; alceno.
d) naftaleno; hidrocarboneto aromático.
e) naftol; fenol.

Alternativa d) naftaleno; hidrocarboneto aromático.

Comentário: O naftaleno é um dos exemplos de hidrocarboneto aromático.

Leia também: