O que é Arte Sacra?

Daniela Diana

A arte sacra representa uma forma de manifestação artística que está intimamente relacionada com a religiosidade e o sagrado.

Denominados de “paramentos litúrgicos” e “roupas litúrgicas” (vestimentas e acessórios), ela compreende a toda a ornamentação sagrada.

Destacam-se a arquitetura das igrejas e templos, esculturas de santos, painéis no teto das igrejas, pinturas, gravuras, afrescos, vitrais, mosaicos, desenhos de passagens bíblicas, utensílios litúrgicos, vestimentas, etc.

Atualmente, podemos encontrar museus com obras da Arte Sacra em todas as partes do mundo. No Brasil, a arte sacra foi a primeira manifestação no tempo da Colônia, sendo Aleijadinho um dos mais proeminentes nomes da Arte Sacra, no contexto do barroco mineiro.

O que é Arte Sacra?
Exemplo de arte sacra em estilo barroco e maneirista na Igreja dos Grilos (1577), Porto, Portugal

Vale lembrar que a arte sacra, da mesma forma que outras manifestações artísticas, é um reflexo da história e cultura, construída com o intuito de embelezar e trazer à tona a essência humana.

Assim, ela não possui um estilo definido, uma vez que depende da época produzida bem como da cultura a qual está inserida.

A arte sacra é utilizada por diversas religiões e crenças, por exemplo: a arte cristã, a arte budista, a arte islâmica, a arte religiosa barroca, etc.

Diferença entre Arte Religiosa e Arte Sacra

Embora o conceito de arte religiosa e arte sacra se aproximem, há uma diferença essencial que as definem.

  • Arte religiosa: reúne obras artísticas de cunho religioso representada por esculturas de santos, pinturas de passagem bíblica. Essas manifestações geralmente estão fora dos lugares de cultos e rituais religiosos.
  • Arte sacra: obras de teor religioso que, entretanto, estão relacionadas aos rituais. Sua função é ornar os locais em que os ritos e celebrações religiosas ocorrem, envolvendo assim, as sensações de religiosidade e fé dos fiéis envolvidos, mediados por um ambiente sagrado chamado de “espaço litúrgico”.

Em resumo, ambas possuem temática religiosa e tem como intuito adornar os espaços. Porém, a arte sacra é produzida para fazer parte dos cultos divinos ou rituais religiosos.

Assim, ela é feita exclusivamente para ser apreciada nos cultos e, por isso, está relacionada com os locais em que eles ocorrem.

Dessa maneira, podemos concluir que a arte sacra surge da arte religiosa. Logo, toda arte sacra é religiosa, entretanto, nem toda arte religiosa pode ser considerada sacra.

Como exemplo, podemos pensar no afresco “A Última Ceia” (1495-1497) do pintor renascentista Leonardo Da Vinci. Essa obra se encontra na Igreja e Convento de Santa Maria da Graça em Milão.

Se está inserida num local relacionado aos cultos sagrados, ela é considerada uma arte sacra.

Museu de Arte Sacra

No Brasil, o Museu de Arte Sacra, localizado na cidade de São Paulo, é um dos mais influentes dessa área. O local é considerado um dos mais importantes do país e ainda, do continente americano.

Museu de arte sacra em São Paulo
Museu de arte sacra de São Paulo

Fundado em 1970, ele reúne diversas obras, como esculturas, pinturas, mobiliários e estruturas (altares, oratórios, etc.). Além disso, abriga uma grande biblioteca que inclui milhares de volumes sobre o tema.

Curiosidade

“Liturgia” é um substantivo masculino de origem grega O termo está relacionado ao serviço religioso desenvolvido por algum representante da Igreja (padres, bispos, apóstolos).

Em outras palavras, a liturgia representa a união de práticas desenvolvidas nos ritos e cerimônias relativas aos ofícios divinos.

Para saber mais sobre o conceito, acesse: O que é Arte?

Quiz de História da Arte

Daniela Diana
Daniela Diana
Licenciada em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) em 2008 e Bacharelada em Produção Cultural pela Universidade Federal Fluminense (UFF) em 2014. Amante das letras, artes e culturas, desde 2012 trabalha com produção e gestão de conteúdos on-line.