Alimentos de origem animal

Lana Magalhães

Os alimentos de origem animal são aqueles originados de fontes animais.

Os alimentos podem ser diferenciados conforme a sua origem em:

  • Alimentos Animais: Alimentos provenientes de animais.
  • Alimentos Vegetais: Alimentos provenientes de vegetais, como legumes, verduras e frutas.
  • Alimentos Minerais: Representados pela água e sais minerais.

Os alimentos animais podem trazer doenças caso sejam mal manipulados ou estejam contaminados. Por esse motivo, os órgãos sanitários regulamentam, fiscalizam e autorizam a comercialização dos produtos de origem animal.

Além disso, alguns produtos animais são considerados perecíveis, ou seja, possuem um prazo de validade para o consumo.

Exemplos

Confira alguns exemplos de alimentos de origem animal:

Carnes

Carnes

As carnes podem ser de bovinos, suínos, aves e peixes. Denomina-se como carne a parte comestível do animal.

Nas carnes encontramos a maior quantidade de proteínas dentre todos os alimentos.

A carne é dividida em dois tipos:

  • Carne vermelha: Extraída de bovinos, é fonte de proteínas, gorduras, ferro, sódio e potássio. O consumo em excesso pode ser prejudicial a saúde, aumentando o nível de colesterol e as chances do surgimento de câncer e doenças cardiovasculares.
  • Carne branca: Extraída de aves e peixes, é considerada mais saudável por possuir menor quantidade de gorduras. É fonte de ômega 3, ômega 6, proteínas e vitaminas.

Ovos

Ovos de galinha

Os ovos são ricos em proteínas e nutrientes.

O ovo é dividido em casca, gemas e claras. A casca é composta por carbonato de cálcio. A gema contém proteínas e vitaminas. A clara é constituída por água e proteínas.

O ovo traz benefícios para a saúde como:

  • Fortalecimento e crescimento dos músculos
  • Aumento da sensação de saciedade
  • Contribui para a saúde do cérebro

Porém, é importante observar a textura, coloração e consistência do ovo antes do seu consumo. Se o ovo estiver contaminado ele pode ser fonte de doenças, como a Salmonelose.

Leia também:

Mel

Mel

O mel é um produto do néctar das flores armazenado nas colmeias e produzidos pelas abelhas para sua alimentação.

Além dos carboidratos, o mel também é fonte de vitaminas e minerais.

Para a alimentação humana o mel também apresenta uma série de benefícios, dos quais destacam-se:

  • Tratamento de doenças como resfriados, tosse, dor de garganta e doenças respiratórias.
  • Fornecimento de energia.
  • Hidratação da pele e cicatrização de queimaduras.
  • Prevenção de câncer.
  • Auxílio no emagrecimento.

Leite e seus derivados

Leite e derivados

O leite é o produto da secreção das glândulas mamárias dos animais mamíferos.

Eles são alimentos presentes na alimentação de muitas pessoas. O leite materno é o primeiro alimento do ser humano. Após isso, o leite é incluído na alimentação de várias formas e através dos seus derivados.

São alimentos derivados do leite: os variados tipos de queijos, requeijão, manteigas e iogurte.

O cálcio é o mineral em maior quantidade nesses alimentos. Também podemos encontrar calorias, carboidratos, proteínas, magnésio, potássio, fósforo e vitaminas.

Os benefícios do leite e seus derivados na alimentação são inúmeros, conheça os principais:

  • Prevenção da osteoporose.
  • Melhoria da saúde dos ossos e dentes.
  • Perda de peso.
  • Prevenção da diabetes tipo 2.

Conheça também:

Lana Magalhães
Lana Magalhães
Licenciada em Ciências Biológicas (2010) e Mestre em Biotecnologia e Recursos Naturais pela Universidade do Estado do Amazonas/UEA (2015). Doutoranda em Biodiversidade e Biotecnologia pela UEA.